FANDOM


4ª Temporada 5ª Temporada 6ª Temporada
1ª Temporada 2ª Temporada 3ª Temporada


"Three Minutes" foi o vigésimo segundo episódio da 2ª Temporada e o 47º de Lost; foi ao ar em 17 de Maio de 2006.

Um determinado Michael convence Jack e vários sobreviventes a ajudá-lo a resgatar Walt dos "Outros". Enquanto isso, Charlie luta contra a decisão de Mr. Eko de não continuar a construir a igreja.

Sinopse

Flashback

Treze dias antes, Michael se aproxima de Locke no arsenal. Ele sussurra, pois não quer acordar Jack, e pergunta pelas armas para aprender a atirar. Quando pede pelas balas, uma caixa cai pra fora da prateleira. Locke se abaixa para pegá-las, e Michael o acerta com o rifle, deixando-o inconsciente.
2X22-MichaelWaltComputer.jpg

A conversa de Michael e Walt.

Michael se dirige ao computador, e digita perguntando se Walt está bem. A resposta no computador é que está bem e perguntam quando ele vai partir. Michael diz que está indo AGORA. Jack acorda, chama Locke, e o encontra inconsciente no arsenal. Michael o prensa no arsenal, e diz a Jack que está indo achar Walt, que isso é um "direito dele", e tranca os dois dentro. Treze dias antes, Michael está correndo pela ilha. Ele vê um outro homem, de costas para ele, aparentemente urinando (Este Outro é indentificado mais tarde como Pickett). Michael aponta o rifle para ele. Ele distrai Michael perguntando se ele é o pai de Walt, enquanto Tom esquiva-se por trás e retira o rifle de Michael. Correndo para longe, Michael puxa a sua pistola.
2X22-Alex.jpg

Alex, uma dos Outros.

Tiros são dados de um lado para outro, mas Sr. Friendly manda os Outros pararem de atirar porque eles "precisam dele". Michael é capturado por Sr. Friendly, e ele é rapidamente ensacado porque "seus amigos estão logo atrás" deles.

Michael é arrastado para um campo onde Alex está esperando por eles. Sr. Friendly toma a mochila de Michael, que cospe na cara dele. Sr. Friendly diz que "não vai tomar aquilo contra ele". Mas avisa: "Eu peguei seu garoto" e fala para Michael não fazer isso de novo. Picket traz Kate encapuzada que foi capturada enquanto seguia os outros. Michael é alertado que se disser uma palavra nunca mais verá Walt de novo. Sr. Friendly vai falar com o "seu povo".

Locke e Jack discutem sobre continuar ou não na trilha de Michael. Sr. Friendly aparece. Sawyer o reconhece como "o filho da mãe que atirou nele na jangada" e, quando vai acertá-lo, a arma de Sawyer é atirada de sua mão por um tiro que ele não viu. Esta é uma cena de The Hunting Party.

Thedoor.jpg

Michael vê dois Outros guardando uma escotilha.

Michael é amordaçado fortemente, de acordo com a ordem do Sr. Friendly para que fique quieto. Ele é deixado com Picket e Alex. Depois de ser ouvido um disparo, Alex o acalma: "Está tudo bem. Ele só quer dar um aviso. Ele só quer assustar seus amigos".

Jack diz ao Sr. Friendly que acredita que estão em maior número que eles. Então o Sr. Friendly pede que "acendam as tochas", fazendo uma circunferência com muitas tochas em volta deles. Então ele pede a Jack que entregue suas armas e irem embora. Jack hesita. Então Sr. Friendly grita "traga ela aqui, Alex".

Pickett fala para Alex levar Kate. Alex pede para ele mesmo levar, e ele o faz. Sozinha com Michael, ela o pergunta como Claire está, se o bebê está saudável e se é menino ou menina. Michael somente observa, pasmo.

Sr. Friendly mostra que está com Kate. Os sobreviventes entregam as armas e Sawyer diz ao Outro: "Nos veremos em breve, Zeke." Sr. Friendly recolhe as armas e devolve Kate. As tochas, então, se apagam. Sr Friendly retorna e diz a Michael que "seus amigos foram embora". Sr. Friendly lança um olhar para Alex, que se desculpa antes de acertar Michael com seu rifle, o deixando inconsciente.

11 dias atrás: Sr. Friendly, Picket, Alex, e dois Outros estão levando Michael por umas montanhas. Michael reclama que está cansado pois está andando sem descansar. Sr. Friendly diz que eles estão perto. Michael vê uma pedra estranha no topo da montanha. O grupo chega num lugar de cabanas e tendas, e eles passam por um local com o logotipo do DHARMA na porta A Porta, guardada por 2 homens com rifles e por um grupo de 3 pessoas que estão fazendo uma rede de pesca. Sr. Friendly fala para Alex deixar Michael. Picket chega e fala para Michael "eu não posso prometer que não vai doer." antes de tirar sangue do braço de Michael com uma seringa. Uma mulher se aproxima e Michael exige saber sobre Walt.
MichaelsPaper.jpg

A lista de Michael.

Ela se apresenta como Ms. Klugh. Ela faz a Michael algumas perguntas sobre Walt, as quais ele não sabe responder. Ela pergunta se Walt já apareceu em um lugar que ele não deveria estar. "Você disse que ele estava do outro lado do mundo mas.. você o viu?" Michael continua exigindo ver Walt. Ms. Klugh diz que para alguém que quer tanto o filho, ele sabe pouquíssimo sobre ele e vai embora.

3 dias atrás: Michael é mantido preso numa cabana. Ms. Klugh chega trazendo o seu jantar. Ele pergunta quando vão matá-lo. Ele está sendo interrogado por uma semana sem ver Walt, e que não sabe se ele está mesmo vivo. Ms. Klugh fala que Walt está do lado de fora. Ms. Klugh diz a Michael que um dos seus foi capturado pelos sobreviventes. Ela diz que se Michael o trouxer de volta, eles libertam Michael e Walt. Michael insiste em ver o filho. Então, ela chama Pickett e diz a Michael que ele tem três minutos. Walt é levado para a cabana. Ele está bem e diz ao pai que eles fizeram alguns testes com ele. Ms. Klugh disse que eles não vão falar sobre aquilo. Michael diz a Walt que isso tudo acabará em breve. Walt diz que "eles não são quem dizem que são, que estão fingindo". Ms. Klugh pergunta Walt se ele quer que ela o coloque "no alojamento" de novo. Ms. Klugh fala que o tempo acabou. Walt se solta e abraça Michael, pedindo para ele não o deixar lá. Pickett tira Walt da cabana. Michael fica em prantos e Ms. Klugh diz a Michael que depois de soltar o "homem deles", ele precisará trazer quatro amigos até o acampamento dos Outros. Ela escreve 4 nomes num pedaço de papel e diz a Michael que tem que trazer somente os 4 e que se ele não trouxer todos da lista, ele nunca mais verá Walt. Michael concorda mas não sabe o que dizer a eles, então Ms. Kluhg diz que "isso não importa. Invente uma história. Eles estão com raiva, acreditarão em qualquer coisa". Michael examina a lista e pergunta quem é "James Ford". Na lista, estão os nomes de Jack, Kate, Hurley e Sawyer. Michael avisa que vai fazer o que ela quer, mas que ele vai querer um barco.

Tempo Real

Michael está pondo fogo num pedaço de papel fora do Cisne. Jack chama Michael para dentro da escotilha para conversar. Michael, Kate, Hurley, Jack, and Sawyer discutem sobre os armamentos e o que fazer depois.
2x22 hurley.JPG

Hurley manda eles enterrarem os corpos antes de buscarem vingança.

Jack quer atacar os Outros com muitas pessoas. Michael quer ir logo ao acampamento dos Outros com apenas cinco pessoas. "Não estamos armando um exército para cruzar a ilha!" Hurley decide enterrar os corpos. A decisão está tomada: enterrar os corpos e partir para o acampamento dos Outros na manhã seguinte. Hurley vai cavar o túmulo de Libby e Kate o de Ana Lucia.

Michael está dentro da escotilha, limpando o sangue. Mr. Eko entra, tendo retornado de sua excursão com Locke, e ajuda-o a limpar. Michael pergunta a Mr. Eko sobre a sua convicção em Inferno. Mr. Eko evita responder a pergunta de Michael sobre a convicção dele em Inferno e ao invés conta-lhe uma história sobre um menino que bateu em seu cachorro até matá-lo. A moral da história era que embora o motivo do menino ser justo (matar o cachorro para proteger sua irmã), a sua preocupação maior era se ele veria de novo aquele cachorro vingativo no Inferno.

Michael deixa a escotilha porque "ele tem que sair de lá". Jack encontra Michael vomitando e o pergunta porque ele insiste que Jack, ele, Kate, Sawyer, e Hurley devem ser os únicos a ir e Michael fala que ele sabe o que tem que fazer. Jack concorda.

1x22 eko.JPG

Eko digita os números.

Claire está com Aaron quando Charlie chega. Claire ainda trata Charlie com frieza. Então o rapaz dá a Claire uma pequena maleta cheia de vacinas com um injetor pneumático que ele encontrou e guardou para eles. A vacina tem que, supostamente, ser tomada de 9 em 9 dias. Claire fica agradecida quando vê Michael voltando com Jack, interrompendo a conversa.

Sun vê Michael e Jack chegando. Entusiasmado, Jin chega e abraça Michael, assim como Sun. Sun então percebe que há 2 corpos cobertos no jardim, onde novos túmulos estão sendo abertos por Kate. Ela pergunta: "Quem?". Michael fala sobre Ana Lucia e Libby, e diz que "elas estão mortas."

Michael está acariciando Vincent na praia.

Sawyer e Jack estão na barraca de Sawyer pegando as armas. Sawyer pergunta ao doutor sobre o que aconteceu com ele e Kate na noite anterior. Jack responde que "eles ficaram presos em uma rede". Sawyer acha que Jack está usando uma metáfora para revelar o que realmente aconteceu. Eles vão deixando a tenda quando Sayid chega.
3min-cap-06.JPG

Vincent trazendo a estátua para Charlie.

Então ele pergunta se é verdade que Henry escapou e quem foi atrás dele. Jack responde que Locke e Eko foram e Sawyer avisa que, desde então, eles não foram vistos. Sayid vê as armas e pergunta "Quando nós iremos?". Jack diz que ele não vai porque Michael só quer os quatro. Mas Sawyer acha melhor levar Sayid, lhe entrega uma arma e lhe diz que vão sair amanhã de manhã.

Mr. Eko está na escotilha e nota um magnetismo perto da parede bem na hora que o contador marca 4 minutos. Ele então vai ao computador e digita os números, fazendo com que o contador retorne para 108. Charlie chega e pergunta a Eko o que ele está fazendo. Mr. Eko pede a Charlie para trazer suas coisas da praia para a escotilha, porque está se mudando para lá. Charlie pergunta sobre como vai ficar a construção da igreja e Eko diz que tem que fazer algo mais importante no momento. Charlie, consternado, vai embora e fala a Eko para que ele mesmo pegue suas coisas na praia.

Michael está sentando na praia quando Sawyer chega e fala quem Sayid também irá com eles. Michael fica perturbado com o que ouve, mas diz que não há problemas. Michael vai até Sayid na praia e diz que ele não vai com a equipe, argumentando que ele está querendo resgatar o filho, enquanto Sayid está planejando uma vingança. Sayid então estende a mão a Michael e lhe deseja sorte.

3min-cap-04.JPG

Sawyer conta a Jack sobre sua relação com Ana Lucia.

Charlie está com dificuldades de continuar sozinho a construção da igreja. Vincent se aproxima com uma estátua da Virgem Maria na sua boca e larga nos pés de Charlie, que pergunta: "Você deve estar me gozando". Charlie pega a estátua e segue Vincent até a tenda de Sawyer, onde descobre outras estátuas. Charlie leva todas.

Charlie está de pé em frente ao mar, atirando as estátuas. Ele pega uma última, olha, e então faz o mesmo que fez com as outras (você sabe que as ondas podem trazer elas de volta, certo?) e quando ele olha ao redor percebe que Locke está lhe assistindo.

Sawyer e Jack estão na escotilha. Jack pergunta Mr. Eko o que aconteceu na mata. Mr. Eko diz que eles não conseguiram seguir a trilha de Henry. Jack diz, então, que o enterro de Ana Lucia e Libby será no pôr-do-sol. Eko diz que despedirá delas do seu jeito.

Jack e Sawyer estão equipando as armas e conversando sobre quem vai falar no funeral. Sawyer aprende com Jack que o sobrenome de Ana Lucia era Cortez e revela a Jack que transou com ela. Jack olha intrigado, então ele diz que "os ficaram presos numa rede". Sawyer fala que só contou aquilo a Jack porque é um dos únicos a quem pode chamar de amigo e porque Ana está morta.

3min-cap-05.JPG

Sayid conta a Jack suas suspeitas sobre Michael.

Kate e Hurley estão cavando os túmulos quando Michael chega. Ele ajuda Kate com a escavação e fala sobre o plano de atacar os Outros. Hurley revela que não vai. Michael lembra que eles mataram Libby. Então, Kate pede que Michael pare.

Os sobreviventes estão chegando até os túmulos para o enterro. Locke está sentado sozinho na praia. Ele pega sua faca, retira o apoio da sua perna, e vai saindo para a mata, deixando o resto para trás.

Sayid e Jack estão indo para o funeral, assim como os outros sobreviventes. Sayid pergunta se Jack acredita que Michael está falando a verdade, porque suas ações não são de alguém que está sendo sincero, pois um pai pode fazer qualquer coisa para ter seu filho. Sayid acha que Michael soltou Henry e que Michael está levando-os para uma cilada. Jack pensa em ir falar com Michael, mas Sayid quer que Michel continue achando que está no controle. Assim, eles poderiam ter alguma vantagem.

No enterro, Jack fala algumas palavras sobre Ana Lucia. Bastante emocionado, Hurley fala sobre Libby. Então se vira para Michael e diz "Eu vou com vocês". Assim que Hurley diz adeus a Libby, Sun vê um barco próximo à praia.

Curiosidades

Temas Recorrentes


Temas Recorrentes em Lost
Preto e BrancoAcidentes de CarroConexões entre PersonagensDestino contra o Livre ArbítrioGolpesOlhosCriançasAmputaçõesAprisionamentosIsolamentoApelidosChuvasSonhosVida e MorteReligiões e IdeologiasOs NúmerosSegredosTempoGravidezQuestões Familiares
  • Libby e Ana Lucia são enterradas. (Vida e Morte)
  • Ms. Klugh ordena Michael a trazer seus amigos até o acampamento dos Outros; assim, ele poderá ter seu filho de volta. (Decepções e Golpes)
  • Ms. Klugh escreve 4 nomes dos amigos de Michael. (Os Números)
  • Michael se reúne com Walt, e diz a Jack que ele precisa pegar seu filho de novo. (Questões Familiares)
  • As instruções no injetor pneumático dizem para injeta a vacina a cada 9 dias. 9 dias são iguais a 216 horas, o dobro de 108. (Os Números)

Galeria


Interferência de bloqueador de anúncios detectada!


A Wikia é um site grátis que ganha dinheiro com publicidade. Nós temos uma experiência modificada para leitores usando bloqueadores de anúncios

A Wikia não é acessível se você fez outras modificações. Remova o bloqueador de anúncios personalizado para que a página carregue como esperado.

Também no FANDOM

Wiki aleatória