FANDOM


Sun-Hwa Kwon (sobrenome de solteira: Paik ; ) (em coreano: Hangul: 백선화 ou 권선화, Hanja: 白善華), nascida em 20 de março de 1980, é uma das sobreviventes da seção intermediária do Voo Oceanic 815 de 2004. Desde de sua infância, Sun viveu baseada em mentiras; mentindo em todas as ocasiões em que fosse necessário para se salvar de problemas. Sun se formou em História da Arte, conheceu, se apaixonou e casou com Jin Kwon, um filho de pescadores. Sun e Jin se viveram felizes por um tempo, porém o pai de Sun, que não a respeitava em nada, contratou Jin, como "mensageiro" (um matador) para ele, e com isso, Jin foi criando uma natureza controladora e violenta. O casamento dos dois, se tornou cada vez mais instável antes e durante os primeiros dias na Ilha. Sun, aprendeu inglês com Jae Lee e teve um caso com ele. Sun, descobriu também que Jin era estéril, mas escondeu isso dele. Sun, planejava fugir na Austrália, mas mesmo assim, pelo seu amor ao antigo Jin, ela ficou com ele, levando a sua queda na Ilha. Da primeira vez na Ilha, os maiores segredos de Sun, foram revelados aos poucos para Jin, que sempre a perdoou. Nos seus primeiros 40 dias na Ilha, Sun teve de se isolar do grupo, já que ninguém sabia que ela falava inglês. Jin, descobriu que ela falava inglês, e passou dias sem conversar com ela. No seu segundo mês na Ilha, a coreana e Kate, pegaram um teste de gravidez de Sawyer, Sun fez, e para sua surpresa, o resultado foi positivo. Sun e Jin, ajudaram Sayid a combater os Outros em uma ocasião, em que Sun mata Colleen. Quando Juliet se juntou aos sobreviventes, ela desesperadamente, fez com que ela fosse a primeira a sair da Ilha, já que ela estava grávida. Junto de mais alguns sobreviventes, Sun embarcou em um helicóptero, vindo de um cargueiro, no 100º dia e deixou a Ilha. Jin, ficou no Cargueiro, que explodiu, fazendo Sun pensar que Jin morreu. Assim como todos os Oceanic 6, Sun mentiu sobre tudo o que aconteceu na Ilha, e recebeu uma grande indenização. Com o dinheiro, Sun comprou as Indústrias do pai dela, fazendo-o sócio dela. Em 2005 ainda, Sun teve seu bebê, uma menina, chamada Ji Yeon Kwon. Três anos depois, no fim de 2007, Sun viajou para Los Angeles e tentou matar Ben Linus. Mas ele prova a Sun que Jin ainda está vivo, e na esperança de se reencontrar com ele, Sun concorda em voltar para a Ilha. Sun embarca no Voo Ajira 316, e após o Clarão se encontra de volta à Ilha. Depois de poucos dias, ela encontra Jin, mas quando eles tentam deixar a Ilha em um submarino, eles morrem afogados por causa de uma bomba que explode o submarino, afundando-o.

Antes da Ilha

Infância e Adolescência

Sunpequena.jpg

Sun, pequena, com seu pai.

Sun-Hwa Paik nasceu na Coreia do Sul, é filha de Sr. Paik e Sra. Paik. Quando pequena, Sun quebrou uma bailarina de cristal. Quando questionada por seu pai se tinha sido ela quem quebrou a bailarina, Sun mente dizendo que tinha sido a empregada, provavelmente com medo da reação de seu pai. ("The Glass Ballerina")

Na adolescência, Sun resolve fazer História da Arte na Universidade Nacional de Seoul. ("...And Found")

Encontrando um Marido

Seus pais lhe arranjaram um pretendente, um rico filho de dono de hotel, chamado Jae Lee. Após um tempo, Sun começou a gostar de Jae, mas ele logo lhe contou que estava apenas fazendo isso para agradar ambos os pais e que seu coração pertencia a outra mulher. Sun sai do restaurante aonde estava e no caminho para casa topa com seu futuro marido, Jin. ("...And Found")

Casamento com Jin

O Sr. Paik concedeu a mão de Sun para Jin apenas com a condição de que Jin trabalhasse para ele. ("House of the Rising Sun")

JacobcongratulatestheKwonintheirwedding.jpg

Jacob parabeniza os Kwon em seu casamento

Jin e Sun se casaram em uma grande cerimônia. Logo após o casamento, a tia Soo de Sun, vem e questiona os dois sobre filhos. Em seguida, Jacob vem, e parabeniza os dois pelo amor deles, e os diz para nunca se separarem. Quando o loiro sai, Jin pergunta se ao menos Sun sabe quem ele é, mas ela nega. Jin nota que Jacob fala coreano perfeitamente. ("The Incident")

Dois meses depois de ter casado com Sun, Jin, perdeu um Panda de Pelúcia que o Sr. Paik havia mandado ele comprar. Ele teve de voltar à loja e subornar o Vendedor para que ele lhe desse um segundo

Pouco depois de se casar, Sun foi abordada por uma mulher que exigiu $100,000 para manter a verdade sobre a mãe de seu marido em segredo. Ela procurou o Sr. Kwon que confirmou a história e admitiu não saber se Jin era mesmo seu filho.
Doc-cap604.jpg

Sun ameaçando a mãe de Jin para ela nunca mais aparecer.

Desesperada, Sun pediu o dinheiro a seu pai, dizendo que serviria para salvar alguém que amava. Ele lhe deu o dinheiro, mas disse que Jin teria que pagar, deixando de ser gerente e trabalhando diretamente para o sogro. Com o dinheiro em mãos, Sun pagou a mulher que tinha certeza ser a mãe biológica de Jin e disse para ela não incomodá-los mais pois sua família poderosa poderia se vingar. ("D.O.C.")

Depois do casamento, o trabalho de Jin começou a criar problemas na vida do casal e Sun logo percebeu que seu casamento estava desmoronando. ("House of the Rising Sun")

Problemas de Fertilidade, Adultério e Fugir

A situação piorou mais ainda quando Sun e Jin perceberam que não conseguiam ter filhos. Procuraram um médico especialista em fertilização e ele disse que Sun era incapaz de ter filhos. Entretanto, mais tarde, o médico revela a Sun que, na verdade, quem não podia ter filhos era Jin. ("The Whole Truth")

Sun decide abandonar Jin, ir para os Estados Unidos e começar uma nova vida. Ela começa a ter aulas de inglês com Jae Lee, escondida de Jin. Logo, Sun já está falando fluentemente inglês e está preparada para ir para a América. ("The Whole Truth") Durante essas aulas de inglês, Sun começa a ter um caso com Jae, o qual ela decide não mais continuar em uma manhã em um quarto de hotel. Jae diz que não quer mais dividí-la e que eles deveriam fugir juntos. Assim que eles vão se beijar, Sr. Paik, o pai de Sun, entrá no quarto e encontra a filha na cama com outro homem. Sr. Paik chama Jin e lhe entrega mais um "trabalho": matar Jae. ("The Glass Ballerina")

Casamentosunjin.jpg

O casamento de Sun e Jin.

Sunejae.jpg

Sun traindo Jin com Jae Lee.

Ele não conta a Jin o verdadeiro motivo, apenas diz que Jae humilhou sua família. Jin vai fazer o trabalho, encontra Jae e o espanca, mas é incapaz de matá-lo. Diz a Jae para sair do país e nunca mais voltar. Porém, assim que Jin retorna ao carro para voltar para casa, Jae cai morto sobre o capô, possivelmente tendo cometido suicídio. Sun vai até o funeral de Jae e lá encontra seu pai. Sun pergunta se ele algum dia contará ao Jin o que ela fez, e ele simplesmente responde que isso não cabe a ele. ("The Glass Ballerina")

Mais tarde, Jin recebe outro trabalho do Sr. Paik, entregar relógios Rolex em Sydney e Los Angeles, mas diz a Sun que eles estão apenas saindo de férias. Aproveitando essa oportunidade, Sun planeja deixar Jin no aeroporto e começar sua nova vida. Entretanto, em um momento de delicadeza, Sun lembra que ama seu marido e resolve ficar com Jin e embarca no Voo 815. ("...In Translation")

Na Ilha

Dias 01-44 (1ª Temporada)

Rising-sun01.jpg

Sun, em seus primeiros dias na ilha.

Após sua chegada na ilha, Sun e Jin permaneceram excluídos dos outros sobreviventes, vivendo do seu próprio jeito. Jin foi super-protetor várias vezes, como quando mandou Sun abotoar sua camisa ou quando recusou que um amigo sobrevivente se protegesse da chuva no mesmo lugar que eles. Essa proteção se acalmou de acordo com o tempo. Quando Sun ficou desidratada, Jin resolveu trocar um peixe por duas garrafas de água com Sawyer. Mesmo um pouco mais calmo, Jin continuava a ser ríspido com Sun, por exemplo quando disse a mesma estava suja e mandou-a se lavar. Sun tirou sua camisa e estava se limpando quando Michael aparece; e então pede desculpas logo antes de sair. ("Pilot, Parte 1")  ("Pilot, Parte 2")  ("Tabula Rasa")

Sun queria ser mais ativa no acampamento e fazer amizade com os sobreviventes, então ela começou, progressivamente, a ganhar notoriedade no acampamento enquanto Jin pescava. Mesmo que a barreira do idioma existisse, Michael escolheu Sun para ser uma espécie de babá de Walt enquanto ele caçava. Logo, Sun começou a compartilhar seus conhecimentos com ervas, mostrando a Walt como usar "chia" (uma planta que funcionava como pasta de dentes). ("Walkabout") Não demorou muito para que o relacionamento de Sun e Michael começasse a perturbar Jin, evidenciado no momento em que Jin ataca Michael violentamente por nenhuma razão aparente. Depois de ser preso com as algemas de Kate a um pedaço da fuselagem, Sun conversa com Jin para descobrir o que havia acontecido.

Descobrindo o problema, Sun se aproxima de Michael enquanto ele corta bambu e revela que sabe falar inglês. Ela explica que o relógio que Michael está usando era para Jin entregar para alguém em Los Angeles como um favor ao seu pai. Sabendo disto, Michael liberta Jin das algemas, mesmo uma delas ficando presa em seu pulso. Jin ainda não se sente seguro e se muda com Sun da praia para as cavernas. ("House of the Rising Sun")

Hearts-minds04.jpg

Kate descobrindo que Sun fala inglês.

Nas cavernas, Sun mais uma vez almeja se tornar mais ativa no grupo. Ajuda a tirar as pedras da caverna, na qual Jack estava preso e usa eucalipto para curar o ataque de asma de Shannon. Seus esforços não passam despercebidos; entretanto, Jin continua sendo autoritário, como no momento em que não permite Sun usar uma roupa um pouco mais aberta. Sun diz que está muito quente, mas Jin manda que ela coloque outra roupa. Essa atitude de Jin o separa ainda mais de Sun, e Jin parece passar a maior parte do tempo pescando. ("The Moth")  ("Confidence Man")

Sun começou a cultivar plantas nas cavernas e criou uma horta na floresta. Um dia, nas cavernas, Sun ouve que Kate é uma fugitiva. No entanto, quando Kate encontra Sun trabalhando em sua horta, ela permite que Kate a ajude a plantar. As duas começam uma estranha amizade, mas quando Sun ri de uma das piadas de Kate, a fugitiva percebe que Sun entendeu e portanto, sabe falar inglês. Sun implora a ela para que não fale a ninguém, principalmente a seu marido; ao que Kate responde que ela consegue guardar segredo. As amizades de Sun continuam a aumentar quando Michael pede conselhos a ela sobre Walt. ("Hearts and Minds")

More-tran05.jpg

O momento de redenção de Sun.

Sentindo o estresse de estar presa na ilha, Sun decide relaxar na praia, usando um biquíni. Quando Jin a vê, ele fica enfurecido. Jin corre até ela, gritando e forçando-a a se cobrir com um lençol, derrubando-a sem querer. Michael e todos os outros sobreviventes ficam espantados com a reação de Jin e Michael corre para ajudá-la, dizendo para que Jin pare. Surpreendentemente, Sun dá um tapa em Michael e o casal vai embora. Mais tarde, Sun pede desculpas a Michael, e explica que fez isso pois tinha medo do que o marido poderia fazer com ele.

Naquela noite, Sun conversa com Kate sobre seu casamento e explica como Jin costumava ser tão doce e meigo; mas que isso havia mudado. Kate encoraja Sun a ser forte e alega que não é certo que a coreana tenha medo do próprio marido. Sun diz que ama Jin. A conversa é cortada quando elas ouvem gritos na praia e percebem que alguém colocou fogo na jangada de Michael. Sun corre para ajudar a apagar as chamas quando repentinamente, Michael começa a gritar com ela de que o culpado pelo incêndio fora Jin. Sun corre para as cavernas para encontrar seu marido antes de qualquer um e se surpreende em encontrá-lo com as mãos queimadas. Sun pergunta se ele é culpado e Jin responde furiosamente que ela se preocupa mais com Michael e sua balsa do que com seus machucados. Sun o deixa nas cavernas, e no dia seguinte ela encontra Jin sendo surpreendido por Michael e Sawyer na praia pelo seu suposto crime. Os dois começam a bater em Jin e a machucá-lo até que, de repente, Sun grita para que eles parem, falando inglês perfeitamente, para a surpresa de todos, principalmente de seu próprio marido. Ela diz que Jin se machucou porque tentou apagar o incêndio quando ele começou e todos na praia vão embora.

Donoharm-24.jpg

Sun ajudando Jack a salvar a vida de Boone.

Mais tarde, Sun vai confortar Jin, mas ele está alterado com ela pela descoberta de seu segredo, e se afasta dela. Triste, Sun começa a falar com Jin em inglês, contando seu plano original de deixá-lo no aeroporto. Jin, obviamente, não entende e a deixa em prantos. Sun, então, tem seu momento de redenção, um momento para que sua nova vida possa começar, quando coloca seu biquíni e vai até a praia para um momento só seu. ("...In Translation")

A indiferença de seu marido faz Sun tornar-se um pouco mais triste, mas continua a interagir com o grupo ajudando a curar as dores de cabeça de Sawyer. Enquanto falha em ajudar Sawyer, Sun é extremamente útil quando Boone é trazido totalmente machucado para as cavernas. Sun atua como a assistente de Jack durante a "cirurgia" e até mesmo em dar a ideia de usarem os espinhos de ouriços-do-mar para a transfusão de sangue. Durante a cirurgia, Jin aparece e pede a ajuda de Jack para poderem fazer o parto de Claire, o que parece ser o primeiro encontro do casal depois da briga. Sun traduz as coordenadas de Jack para Jin e parece desanimada pelo jeito de como as coisas estão. Logo depois, Sun age como uma voz de razão para Jack, dizendo que ele já doou muito sangue e o convencendo de que ele não poderá salvar Boone. ("Do No Harm")

Exodus-promo027.jpg

A despedida de Jin e Sun.

Sem seu marido para tomar conta, Sun se torna mais maternal a outros sobreviventes, convencendo Jack que ele precisa descansar e tentando ajudar Claire com seu bebê recém-nascido. Durante essa situação, repetidamente, Sun vai até Kate para poder desabafar com alguém. ("The Greater Good")

Quando a hora da jangada partir se aproxima, Sun começa a se preocupar com a segurança de Jin. Entretanto, quando Michael fica doente, começam as brigas sobre quem poderia ir em seu lugar. Finalmente, Jack descobre que Michael ficou doente devido a um envenenamento. Jin confronta Sun sobre isso, perguntando se ela é a culpada. Sun admite que estava tentando envenenar Jin, para que doente ele não pudesse ir com a jangada e ficasse com ela. Sun conta a Kate que Jack não irá contar aos sobreviventes que ela é a culpada e que ela não contará a ninguém que essa ideía foi da Kate. ("Born to Run")

Com a jangada já pronta, os sobreviventes começam a se despedir um dos outros, inclusive Jin, que, em lágrimas, desculpa Sun. Sun lhe dá um caderno com anotações e frases em inglês para que Jin possa se comunicar e os dois se beijam antes dele partir. Sun também dá um envergonhado abraço em Michael antes da barca partir. Assim que a jangada parte, Sun chora na praia, mas não há muito tempo para lamentar já que logo, Rousseau chega e ataca Claire. Sun corre até Claire e descobre que Aaron foi seqüestrado. Sun cuida de Claire e ajuda a levar os sobreviventes até as cavernas para protegê-los dos misteriosos "Outros". ("Exodus: Parte 1")  ("Exodus: Parte 2")

Dias 44-67 (2ª Temporada)

Abandonedpromo04.jpg

Sun enterrando a garrafa.

Sun começou a se preocupar com Jin quando Shannon alegou ter visto Walt, (que deveria estar na jangada), na ilha. Isso causou um certo pânico aos que esperavam pela volta de seus líderes. A confusão continuou quando Sun estava trabalhando em sua horta e foi interrompida por Shannon e Claire que haviam encontrado a garrafa de mensagens que foi junto com a jangada. Sun, não sendo capaz de aguentar a situação, enterrou a garrafa em desespero. ("Man of Science, Man of Faith")  ("Everybody Hates Hugo")

Sun começou a fazer trabalhos pela ilha para não ficar pensando em bobeiras. Enquanto lavava roupa com Claire ela se acalma e diz que quatro dias não é tanto tempo e que os homens na jangada provavelmente estão bem. Entretanto, Sun percebe que sua aliança sumiu. Ela corre para a barraca e começa a bagunçar tudo. Jack conversa com ela e diz que perdeu a dele uma vez e que depois ele achou, e que a de Sun, provavelmente aparecerá. Depois, Sun tenta refazer seus passos do dia com a ajuda de Hurley, mas não encontra nada. Ela procura em sua horta, mas fica muito nervosa e arranca as plantas da terra. Locke a encontra e ela ri, sem graça. Sun diz que nunca viu John triste ou nervoso e pergunrta por que. Locke responde que ele finalmente "se encontrou" e que não está mais perdido. Quando Sun pergunta como ele conseguiu "se encontrar", ele responde: "Do mesmo jeito que se acha as coisas, eu parei de procurar". Mais tarde, quando Sun já está conformada com o sumiço da aliança, ela diz que é apenas um objeto, nada mais. Ela e Kate conversam sobre Sawyer e Jin, e sobre aonde eles estariam, quando Kate pede para Sun olhar para baixo. Assim que a coreana olha para a areia, ela vê a aliança enterrada. E as duas ficam felizes em uma mistura de risos e lágrimas. ("...And Found")

Collision-cap577.jpg

O reencontro de Sun e Jin.

Logo depois, Sun está novamente trabalhando em sua horta quando Michael aparece depois de atravessar toda a ilha. Ela o leva até Jack na escotilha e depois de resolverem todas as questões sobre a morte de Shannon, Jin, Bernard e outros sobreviventes chegam ao acampamento. Sun e Jin se abraçam em um momento lindo e passam a noite uuntos, saindo de sua barraca na manhã seguinte com grandes sorrisos em suas faces. Esses sorrisos seriam desfeitos mais tarde no funeral de Shannon. ("Abandoned")

O casal começa a atuar como parte da vida da ilha novamente. Sun se torna novamente uma enfermeira para Jack, cuidando de Sawyer. Mais tarde, Jin e Sun fazem um ato de paz ao darem um peixe para a acidental assassina Ana-Lucia. No dia seguinte, Sun, carinhosamente, faz Jin usar um chapéu por causa do sol quando ela escuta Hurley falando algo importante. O casal descobre que Michael entrou na floresta atrás de Walt e Jin quer ir junto com o grupo de busca porque ele e Michael são amigos agora.
Lifeconpromo04.jpg

O momento em que Sun é seqüestrada.

Sun diz que ela é a esposa dele e que não quer ficar separada novamebte. Ela diz que não liga se Jin está chateado ou não por receber ordens dela, visto que ela mesma viveu levando ordens por 4 anos. ("What Kate Did")  ("The 23rd Psalm")

A excitação continua quando Sun está mais uma vez em sua horta e Vincent a surpreende. Ela ri por ter se assutado e então aproveita uma chuva logo antes de ter sua cabeça colocada em um saco e ser arrastada pela floresta. Kate e Sawyer a encontram inconsciente. Depois de acordada, Jack pergunta o que aconteceu mas Sun não se lembra de nada além de ser arrastada pela floresta. Jin fica realmente muito bravo e todos no acampamento acreditam que os "autores do crime" tenham sido Os Outros. Vagarosamente, Sun começa a se recuperar e logo já está cuidando de Aaron para Claire, quando a mesma precisa ir atrás de vacinas na floresta. Sun diz a Claire que não é certo uma mãe abandonar um filho, mas quando Claire pergunta se ela tem filhos, Sun responde que não de uma forma estranha. ("The Long Con")  ("One of Them")

Wholetruthpromo05.jpg

Sun pedindo o teste de gravidez.

Quando voltou a trabalhar sozinha em sua horta, Sun foi surpreendida por Jin. Ele se aproximou e disse que ela não está segura alí e que ela precisa voltar ao acampamento com ele. Ela se recusa e Jin destrói toda a horta. Sun grita com ele, dizendo que não precisa de sua proteção e sai correndo. Sun começa a suar e fica enjoada. Rose e Bernard perguntam se está tudo bem, se eles deveriam chamar Jin para o que Sun responde que está bem e que não é para chamarem Jin. Sabendo que algo está errado, Sun vai até Sawyer e pede para pegar alguma coisa de seus medicamentos, mas Sawyer se recusa a menos que ela diga o que é. Sun pede por um teste de gravidez... ("The Whole Truth")

Sun entra na floresta para fazer o teste em privacidade, mas, interrompida por Hurley, ela rapidamente sai dizendo que estava indo para a praia. Finalmente ela encontra Kate para suporte emocional e as duas mulheres esperam pelo resultado do teste. Sun pergunta se Kate já fez um teste de gravidez e a morena diz que sim e quando ela pergunta por que Jin não está junto para ver o resultado, Sun diz que ele não precisa saber. Quando o resultado da positivo, as garotas vão atrás de Jack para saberem se é 100% garantido. Ele diz a Sun que ela realmente stá grávida e que ela precisa ser honesta com Jin.

Ela o encontra replantando a horta que ele havia destruído e os dois conversam. Jin admite que ele odeia brigar e que ele precisa dela porque ele não entende ninguém. Ela revela que está grávida e que na verdade, quem é infértil, é ele. Ela jura a Jin que ela nunca esteve com outro homem e os dois se abraçam e acreditam que seja um milagre. Eles começam a trabalharem juntos na hora e discutir o nome do bebê e para quem eles irão contar na ilha. Quando Jin quer ir embora, Sun pede para ficar um pouco sozinha, Jin aceita e ela ri enquanto acaricia a barriga. Antes de sair, Jin pronuncia em inglês: Eu...Amo...Você. ("The Whole Truth")

Livediecap0456.jpg

Sun vendo a estátua.

Estando grávida, Sun começa a se reservar mais. Ela ajuda o grupo a arrumar o novo carregamento de comida, ela diz para Jin apartar uma briga entre Hurley e Sawyer e ela ajuda a construir o grande sinal S.O.S. de Bernard. O casal vai bem, passando o tempo juntos e ansiosos pelo bebê. Quando Michael volta, o casal fica feliz em vê-lo bem, mas tristes por saberem que Ana-Lucia e Libby foram mortas. Eles ficam no funeral quando Sun vê um veleiro no mar. ("Two for the Road")  ("?")

Com Michael planejando um resgate final para Walt, os sobreviventes preparam um ataque surpresa aos sobreviventes usando o veleiro de Desmond. Enquanto um grupo vai por terra, Sayid planeja levar Jin com ele no barco. No começo, Jin não quer ir, mas Sun insiste, dizendo que irá junto e os dois se juntam a Sayid. Os enjôos matinais de Sun começam no barco, mas ela é muito útil enquanto navega. O grupo continua a ir para o outro lado da ilha e se assustam ao encontrarem uma grande estátua: um pé com quatro dedos. A missão dos três parece ser em vão quando Sayid encontra a vila dos Outros abandonada, logo antes deles presenciarem a descarga. ("Live Together, Die Alone")

Dias 67-91 (3ª Temporada)

Suntirocolleen.jpg

Sun, ameaçando atirar em Colleen.

Assim que o o céu fica roxo, Sun, Jin e Sayid encontram o embarcadouro dos Outros e Sayid planeja uma emboscada para eles, pedindo a ajuda de Sun, para mentir a Jin por mais algum tempo, já que Jin queria voltar para o acampamento e deixar Sun a salvo. Jin descobre que Sun e Sayid estavam mentindo para ele e manda Sun ficar no barco enquanto eles tentam emboscar Os Outros. No barco, Colleen confronta Sun, dizendo que ela não teria coragem de atirar, dizendo que Sun não é uma assassina. Entretanto, Sun atira, matando Colleen. Ela se joga para fora do barco quando Tom atira nela sem acertar. Sun é resgatada por Jin, enquanto o barco parte com os Outros. ("The Glass Ballerina")

Ela, Jin e Sayid voltam ao acampamento depois de alguns dias. ("The Cost of Living") Sun diz para Jin que só falará com ele em inglês a partir de agora, que será difícil mas é assim que vai ser. Sun demonstra muita empolgação ao ver Kate e Sawyer novamente na Ilha e lhe dá um forte abraço.
Expose-promo20.jpg

Sun com os diamantes de Paulo e Nikki na mão.

Jin lhe entrega uma flor e eles se beijam apaixonadamente. ("Tricia Tanaka is Dead") Mais tarde, Sun dá a idéia de que, se Sawyer perder no campeonato de pingue-pongue, ele deverá ficar uma semana sem dar apelidos para ninguém. ("Enter 77")

Quando Claire tem a idéia de usar as gaivotas para levarem mensagens para fora da ilha, Sun se divide entre ajudá-la com essa idéia e cuidar de Aaron enquanto Claire está ocupada. Ela se mostra uma grande amiga de Claire, ajudando-a e dando conselhos sobre o que fazer com Desmond e Charlie. ("Par Avion")

Durante a investigação das mortes de Nikki e Paulo, Charlie acabou confessando que foi ele quem executou o seu seqüestro pois tinha se juntado a Sawyer para conseguir o controle das armas. Depois, ela foi procurar o golpista, devolveu a ele os diamantes e lhe deu uma boa bofetada. Quando Sawyer perguntou se ela ia contar a Jin ela disse que não, pois eles iriam precisar de outra cova. Ela estava no funeral do casal morto acompanhada do marido. ("Exposé")

Sun estava presente durante o churrasco de javali que Sawyer ofereceu para os sobreviventes, tentando comprar seu voto na suposta “votação”, mas ela continuava ohando feio para o chantagista mesmo assim. ("Left Behind") Ela recepcionou com alegria, Jack, Kate e Sayid que tinham acabado de voltar ao acampamento e presenciou a chegada de Juliet. Também participou da reunião que Jack convocou para explicar a presença da médica dos Outros ao restante dos sobreviventes. ("One of Us")

Sun estava em sua horta, quando Jack se aproximou e começou fazer perguntas sobre sua gravidez. Desconfiada, a coreana quis saber o porque de tantos questionamentos e o médico apenas respondeu que já que tinha voltado, queria saber se ela estava bem.
Doc-promo23.jpg

Sun se preparando para o ultra-som.

Mais tarde, conversando com Kate na praia, Sun perguntou à Sardenta se ela confiava na lealdade dele, pois já que ele tinha passado uma semana na companhia dos Outros e eles poderiam estar querendo o seu bebê assim como queria o de Claire. Kate disse que confiava em Jack e que Juliet soube como ajudar a mãe de Aaron pois tinha feito pesquisas com grávidas. Então, Sun foi até Juliet e pediu que ela dissesse o que acontecia com as mulheres grávidas da Ilha e a médica dos Outros respondeu que todas elas morriam. Naquela noite, a coreana foi surpreendida por Juliet que disse poder ajudá-la, levando-a até a Estação Médica, onde faria um ultra-som que determinaria se o bebê tinha sido concebido dentro ou fora da Ilha. Chegando lá, Sun perguntou à médica o porque de ela estar ajudando e ela respondeu que queria voltar a ver as mulheres sorrindo com a notícia da gravidez.

Juliet foi até o vestiário e puxou uma alavanca que ficava dentro de um dos armários, abrindo uma pesada porta de metal que revelou uma sala onde ficava o aparelho. Sun acabou revelando à médica que se o bebê tivesse sido concebido fora da Ilha, não seria filho de Jin, já que eles estavam tendo uma crise conjugal antes do acidente, além do fato do marido ser estéril. Juliet explicou que na Ilha, a contagem de espermatozóides era muito maior e perguntou se a coreana tinha certeza de que queria mesmo saber a verdade. Sun disse que sim e a médica começou o exame. Emocionada, Sun viu na tela o seu pequeno bebêzinho e pôde ouvir seu coraçãozinho batendo. Quis saber o sexo, mas Juliet disse que ainda era muito cedo e ao fazer as contas, descobriu que o bebê tinha sido concebido na Ilha. Apesar de praticamente ter recebido sua sentença de morte, Sun ficou feliz em saber que o bebê era do marido e parece ter se conformado em ter apenas ms 2 meses de vida. ("D.O.C.")

Bscap0080.jpg

Sun descobrindo que Juliet a enganou e que os Outros virão buscá-la.

Durante a noite, os sobreviventes estavam discutindo sobre a confiabilidade de Jack, depois de tomarem conhecimento sobre as revelações de Naomi. Sayid voltou a afirmar que ele não era confiável, já que tinha passado um tempo com os Outros e até tinha trago uma deles para junto do grupo. Sun interferiu, dizendo que Jack nunca faria nada para ferí-los e que Juliet não era má pessoa. Sawyer então perguntou se ela passou pensar isso depois de ter visitado a Estação Médica em companhia da médica dos Outros. Sun não entendeu nada e o golpista tocou a gravação que Juliet havia feito contando a Ben sobre o bebê da coreana. Sun ficou muito assustada e viu Jack chegar com Juliet que pediu que o verso da fita fosse tocado. Havia uma outra gravação onde Ben dizia que os Outros atacariam o acampamento em dois dias para seqüestrarem Sun e quem mais estivesse grávida. Juliet explicou que havia contado ao médico o que a estavam obrigando fazer na noite em que fez o ultra-som na coreana. Nesse momento, Sun ficou ainda mais apavorada e ainda ouviu Jack dizer que não tinha contado a verdade sobre Juliet porque ainda não sabia o que fazer. ("The Man Behind the Curtain")

Bscap0061.jpg

Sun contando a Jin que ela viu o bebê e que ele é muito saudável.

Sun estava caminhando junto com outros sobreviventes pela mata. Eles seguiam Jack, que tinha dito ter uma idéia para surpreender os Outros. Em certo ponto da floresta, o líder dos sobreviventes parou e disse que Juliet já havia lhe contado a algum tempo sobre os planos de Ben e que, desde então, ele pensava em uma maneira de se defenderem. A médica dos Outros aproveitou o momento para se desculpar novamente com a coreana. Nesse momento, ele chamou Danielle e disse que ela estava ajudando em seu plano. Ele contou que Juliet marcaria as tendas, mas ao invés de grávidas, os Outros encontrariam dinamite. Todos já estavam de volta à praia e Sun ajudava a instalar os fios de condução nas tendas quando seu marido se aproximou e perguntou se ela não lhe contaria o que estava acontecendo. Ela apenas disse que tinha visto o bebê num ultra-som realizado na Estação Médica e que a gravidez ia muito bem. Eles se abraçaram e Sun ficou visivelmente emocionada. De repente, Hurley viu um barco se aproximando. Dele, saiu um rapaz que correu em direção aos sobreviventes. Sayid o interceptou e pulou em cima dele. Sawyer gritou dizendo para deixar o garoto em paz e o ajudou a se levantar. Era Karl que vinha trazendo o recado de que os Outros estavam chegando naquela noite. Depois de serem orientados sobre o que fazer por Jack, ela pegou o necessário para ir com os outros sobreviventes para a Torre de Rádio. ("Greatest Hits")

Happysun.jpg

Sun, agora tranquila, ao saber que seu marido está salvo.

Ainda na praia, emocionada, Sun se despedia do marido e perguntou a ele, em coreano, o porquê de ele ter decidido ficar na praia e servir de atirador no plano de Jack para eliminar os Outros. Ela então ouviu o marido dizer, em inglês, que estava fazendo aquilo porque eles tinham que ir para casa. Os dois se beijaram e Sun seguiu a caminho da Torre de Rádio junto com os outros sobreviventes. À noite, ela e Rose se desesperaram ao ouvir somente duas das três explosões que deveriam haver na praia e apoiou a esposa de Bernard na idéia de voltar até lá pra saber o que tinha acontecido. Mas Jack disse que estava tudo sobre controle e que eles deveriam continuar. Depois do assustador encontro com Ben e de ele acabar se tornando refém do grupo, ela se sentiu bastante aliviada ao ouvir, através do rádio que Jack tinha pegado do líder dos Outros, notícias da praia, dadas por Hurley de que todos estavam sãos e salvos e que tinha dado tudo certo. Ela presenciou a tentativa de Locke impedir Jack de fazer a transmissão e também ouviu, junto com os demais, a notícia de que o resgate estava chegando. ("Through the Looking Glass")

Dias 91-108 (4ª Temporada)

Sunjack4x04.jpg

Sun confrotando Jack.

Enquanto esperava pelo resgate, Sun ficou junto de Claire e Aaron e estava feliz porque teria seu bebê em um hospital fora da ilha. Com Jack e seu grupo, ela seguiu até a parte da frente do avião e lá reencontrou seu marido Jin. Sun, junto com o marido, escolheram ficar no grupo de Jack. ("The Beginning of the End")

Sun e Jin fazem planos para aonde irão viver. Enquanto Jin quer morar em Nova Iorque, Sun prefere criar o bebê na Coréia, em Seul. Jin não concorda, dizendo que aprendeu inglês para que eles pudessem morar na América. Jack e Juliet voltam com Daniel e Charlotte e Sun pergunta sobre Kate. Quando o médico diz que ela ficou com Locke, Sun acha que alguma coisa está errada. Mais tarde, ela confronta Jack perguntando se Locke está certo ou não sobre o pessoal do cargueiro. Quando Jack responde que ele está errado, Sun pergunta por que Kate escolheu ficar com Locke. ("Eggtown")

Dois dias depois, Juliet está tentando montar sua barraca enquanto Jin e Sun estão brincando com Vincent. Vendo que a loira está com problemas, Sun vai ajudar. A coreana pergunta por que Juliet está montando uma barraca se logo eles serão resgatas ao que a médica responde que mesmo assim, ela precisa dormir em algum lugar. Enquanto isso, Jack chega e pergunta as duas aonde estão Daniel e Charlotte.
Sunstolen.jpg

Sun roubando vitaminas na barraca de Juliet.

Jin parece entender os nomes e fala, em coreano, que eles saíram pela floresta. Sun traduz e quando Jack pergunta por que Jin não havia dito nada, o coreano diz que não achou estranho, visto que Jack disse que eles eram amigos. Quando Jack e Juliet se olham, Sun pergunta: "Não são?". Logo depois, os quatro se separam em busca dos dois tripulantes do cargueiro. Sun e Jin vão juntos para dentro da floresta. ("The Other Woman")

No dia seguinte, a suspeita de Sun de que os tripulantes do cargueiro não irão resgatá-los, aumenta. Ela e Jin discutem sobre o nome do bebê, enquanto Jin diz que será menina e se chamará Ji Yeon, Sun prefere não falar nada até sair da ilha para não dar azar ao bebê. Quando ela percebe que Kate e Jack voltaram com Juliet, Dan e Charlotte, a coreana acorda Jin e os dois vão falar com Kate. A morena relata os acontecimentos do dia anterior, ressaltando que Charlotte bateu nela e dizendo que eles nada falaram sobre resgatá-los. Mais tarde, Sun vai falar com Daniel e se apresenta. Ela diz que está grávida de dois meses e pergunta se eles irão resgatá-los. O físico, confuso, diz que não é decisão dele e Sun, brava, apenas diz obrigado e sai. Ela decide então, ir para o acampamento de Locke.

Sunreveals.jpg

Sun assustada na hora em que Juliet revela seu caso para Jin.

Enquanto Jin e Jack estão conversando, Sun chega e diz para Jack que ela se sente bem e que não teve mais enjôos. O médico sai e Sun fala para Jin que ele precisa fazer o que ela disser. A coreana manda Jin pegar comida para dois dias e encontrá-la na barraca em vinte minutos. Jin pergunta o motivo disso e ela diz que eles irão para a vila com Locke. Mais tarde, Sun está na barraca de Juliet procurando por vitaminas pré-natais. A médica chega e diz a Sun que ela poderia apenas ter pedido. Juliet desconfia de Sun, visto que ela ainda deveria ter vinte comprimidos e está pedindo mais. Sun então revela o plano de ir para o acampamento de Locke. Juliet assegura Sun que ela irá morrer em três semanas e que ela não deveria ir. Sun diz que não confia na médica e sai. Ela pede a Kate que desenhe um mapa para eles irem até o acampamento e Kate o faz. Ela explica o caminho e diz que terá de contar a Jack, mas que dará vantagem aos dois. Nesse momento, Juliet chega e intervém, tentando falar com Jin. Ela pede a Sun que traduza, mas Sun se nega a fazer. Juliet então apela dizendo que Sun irá morrer e que ela corre perigo se eles forem.
Jindesmiss.jpg

Jin desculpa Sun pela traição.

Jin diz que aonde Sun for ele irá atrás. Juliet então joga baixo e conta a Jin que Sun teve um caso com outro homem e que pensava que o filho era desse homem. Jin entende perfeitamente e volta para a praia chateado. Sun, assustada, dá um tapa em Juliet e vai atrás de Jin. A coreana tenta conversar com o marido que está muito chateado. Ele ignora os apelos de Sun e vai pescar com Bernard. No meio tempo, Sun está sentada na praia e Juliet chega para conversar com ela. Ela pede desculpas por ter contado a Jin, mas que faria qualquer coisa para que eles não deixassem a praia. Juliet conta o que acontecerá em três semanas: Sun terá enjôos constantes, sentirá faltas de ar que não terminarão, perderá a consciência e entrará em coma, morrendo. Ela ainda diz que o bebê acabará morrendo também. A médica diz que não sabe se o cargueiro é a resposta certa ou não, mas que eles precisam tentar, ela acrescenta dizendo que quer salvar Sun, porque ela é paciente de Juliet.

Depois da conversa séria que tem com Bernard, Jin volta à praia e vai atrás da esposa. Sun chora, pensando que ele tinha deixado-a, mas Jin garante que a desculpa, porque sabe o tipo de homem que ele era antes de cair na ilha e que se Sun fez o que fez, é tudo culpa daquele homem que ele era. Sun chora dizendo que o ama e que eles precisam sair da ilha. Ela diz que o cargueiro tem um helicóptero e que eles precisam tentar. Jin pergunta se o filho é realmente dele e Sun assegura que sim. Ela jura ao marido que apesar de ter tido um amante, o bebê é de Jin. Os dois se abraçam em um momento terno, fazendo as pazes. ("Ji Yeon")

4x10-promo18.jpg

Sun na discussão de Bernard e Daniel.

Dois dias depois, Sun, junto de Jin, ajudou a tirar o corpo de Ray do mar e presenciou a mensagem via telégrafo que Dan mandou ao cargueiro. Quando Bernard diz que Daniel está mentindo e quando o físico diz que não irão resgatá-los, Sun e todos os outros se chocam com a novidade. ("The Shape of Things to Come") No dia seguinte, Sun está presente na briga entre Bernard e Daniel. Quando Jack e Juliet saem para ver o que está acontecendo, o médico diz que sabe que eles são mentirosos, mas que prometeu tirar os sobreviventes da ilha e assim o fará. Quando Jack desmaia e Juliet descobre que ele está com apendicite, ela pede a Sun e Jin que vão até a estação Cajado para pegarem algumas coisas médicas. Sun diz que pode ir, mas que não sabe o que são esses aparatos que Juliet está pedindo. Quando Daniel e Charlotte se oferecem para ir, Sun reluta, mas aceita quando Juliet entrega uma arma a Jin.

Chegando na estação, Daniel se preocupa com Charlotte e pede para entrar primeiro. Jin pergunta em coreano para Sun se a ruiva sabe que o físico gosta dela e os dois riem. Lá dentro, Sun mostra a Jin a cadeira e o monitor onde ela e Juliet fizeram o ultra som. Sun tem medo que Dan e Charlotte podem machucar-los, mas Jin a tranqüiliza e assim eles voltam para a praia levando as coisas que Juliet pediu. ("Something Nice Back Home") Naquela noite, Sun está presente quando os sobreviventes se reúnem na praia no momento em que ouvem barulho de helicóptero. Assim que Jack pega o telefone que foi jogado do helicóptero, Sun e os outros ficam surpresos quando Jack diz que eles devem seguí-los. ("Cabin Fever")

No dia seguinte, Sun está presente quando Sayid chega na praia em um bote. Daniel diz que irá começar a transportar as pessoas rapidamente da ilha para o cargueiro, e Juliet se assegura que Sun seja uma das primeiras a partir, já que está grávida. Ela deixa a ilha com Jin e Aaron, que Kate deixou sob seus cuidados. Ao chegar no cargueiro ela se choca ao ver Michael, que explica como conseguiu escapar da ilha e afirma que retornou para se redimir de seus crimes. Mais tarde, juntamente com Desmond, Michael and Jin, ela descobre um compartimento de carga cheio de explosivos C4. Jin pede que ela saia da sala e ela se dirige ao convés, visivelmente perturbada. ("There's No Place Like Home: Parte 1")

TNPLH58.jpg

Sun e os outros chegando na Indonésia.

Michael sobe ao convés enquanto está transportando um cilindro de nitrogênio líquido para congelar os explosivos. Ele conforta Sun, afirmando que se o nitrogênio funcionar, eles ficarão bem. Contudo, a bomba acaba por ser detonada, embora a explosão seja atrasada por alguns minutos em razão dos efeitos do nitrogênio. Sun consegue escapar do cargueiro no helicóptero, mas assim que o helicóptero decola, Jin surge desesperado no convés, gritando para Sun. Ela implora histericamente para que Lapidus volte para pegar Jin, mas não há tempo e o cargueiro explo, matando Jin.

Sun está no helicóptero quando Ben move a ilha, e cai no mar quando o helicóptero fica sem combustível. Ela sobrevive à queda e é encontrada pelo barco de Penelope Widmore e resgatada. Com o resto dos Oceanic Six ela concorda em mentir sobre o que realmente aconteceu quando o vôo 815 caiu na ilha mais de 3 meses atrás. Eles pegam um bote do barco de Penelope e navegam em direção a ilha de Sumba. ("There's No Place Like Home: Parte 2")

Depois da Ilha

2005-2007

Sun in labour.jpg

Sun entrando em trabalho de parto

Sun escapa da Ilha e se torna um dos 6 da Oceanic. Ela é forçada a continuar sua vida sem Jin, quem ela acredita estar morto.

Sunhurleuout.jpg

Sun e Hurley visitando o túmulo de Jin.

Em uma coletiva de imprensa após se tornar público o retorno dos 6 da Oceanic, Sun diz a uma repórter que Jin morreu durante a queda do avião e que ele não era um dos oito passageiros que os Seis afirmam ter sobrevivido inicialmente. ("There's No Place Like Home: Parte 1")

Após retornar à Coréia, Sun vai até o escritório de seu pai e o confronta. Ela afirma que o Sr. Paik sempre odiou Jin, e que nunca demonstrou o respeito devido aos dois. Ela então revela que usou dinheiro do acordo financeiro que fez com a Oceanic Airlines para comprar ações da Indústrias Paik em número suficiente para lhe garantir o controle da empresa, e que, para a surpresa e desgosto de seu pai, ela tem vários planos para o futuro da companhia. ("There's No Place Like Home: Parte 1")

Sun dá à luz a Ji Yeon Kwon, apesar de ter passado por um difícil trabalho de parto. Durante o parto, ela gritava repetidamente para que as enfermeiras chamassem Jin, porém, sabia-se que Jin havia falecido. Quando Sun retorna a seu apartamento, Hurley faz uma visita a ela e ao bebê. Hurley pergunta se alguém mais está vindo, Sun responde que apenas ele. Hurley então pergunta a Sun se gostaria de prestar condolências ao Jin.
TNPLH57.jpg

Sun na Inglaterra.

Em seu túmulo, Sun ajoelha-se com seu bebê e fala entre lágrimas que o bebê se chamará Ji Yeon, exatamente como Jin gostaria. ("Ji Yeon")

Três anos após sair da Ilha, Sun, agora como Diretora Gerente das Indústrias Paik, vai até Londres encontrar Charles Widmore. Ela diz que sabe a verdade sobre os interesses dele em relação à Ilha e se oferece para trabalhar com ele, pois eles têm interesses em comum. ("There's No Place Like Home: Parte 2")

2007 (5ª Temporada)

Enquanto voltava para Los Angeles, alguém no aeroporto pede para que ela fique em uma sala. Alguns segundos depois, Widmore apareceu para falar com ela. Ele queria saber quais eram os interesses em comum que ela se referia, e ela responde: "Matar Benjamin Linus". ("Because You Left")

SunKatehotel.jpg

Kate e Sun no hotel

De volta à L.A., ela ligou para Kate, pedindo que se encontre com ela. No hotel de Sun, elas conversaram sobre seus filhos, e Kate lhe conta que Dan Norton foi visitá-la, e pediu amostras de sangue dela e de Aaron, para testar a maternidade. Sun diz que se eles quisessem desmentir a mentira, eles pegariam Aaron a força. Sun manda Kate proteger Aaron a todo custo, e diz que não a culpa pela suposta morte de Jin.
Littleprince12.jpg

Sun e os papéis.

Por fim, Sun pergunta como Jack está, fazendo parecer que ela culpa Jack. ("The Lie")

Sun, então, ajuda Kate a se preparar para o encontro com Dan Norton, ela empresta algumas roupas e fica de babá de Aaron. Logo após Kate sair, uma encomenda é entregue a Sun. O pacote contém um relatório de vigilância, uma caixa de chocolates com uma arma escondida dentro dela, e fotos de Jack e Ben em frente a Funerária Hoffs/Drawlar. Um pouco depois, Kate liga para Sun e pergunta se elas podem se encontrar na Marina Long Beach, doca 21. Sun chega de carro na marina, com Aaron dormindo no banco de trás. Ela observa Kate por um tempo, ela está com Ben, Jack e Sayid. ("The Little Prince")

Antes de sair do carro, Sun recebe uma ligação de sua mãe. Ela pergunta quando Sun volta e a coreana responde que pega o voo no dia seguinte. A filha de Sun também fala com ela e diz que está com saudades. Sun diz que ama ela e que encontrou um amigo para a filha: Aaron. Assim que desliga o celular, Sun pega a arma e sai do carro, engatilha e aponta para Ben, dizendo para Kate sair da frente. Todos se assustam e Kate pergunta onde está Aaron, o que Sun responde: no carro. Sun acusa Ben pela morte de Jin e o ameaça. Ben responde que Jin está vivo e que ele pode provar e Sun pergunta como. Ben fala para ela abaixar a arma e Sun coloca a arma na gargante de Ben, dizendo para ele mostrar as provas de que seu marido está vivo.
Sun316.jpg

Sun no voo 316.

Nesse momento, Ben diz que levará Sun para um lugar, onde uma mulher vai ajudá-los a voltarem à ilha, e que isso levará apenas 30 minutos. Kate e Sayid vão embora enquanto Sun decide ir com Ben e Jack. No caminho, Jack pede desculpas a Sun, por ter abandonado Jin e que eles poderiam ter decido o helicóptero, mas que havia muita coisa acontecendo. Sun pergunta o motivo de Jack estar falando isso agora e questiona se é para ela não matar Ben. Jack diz que mataria Ben agora se Sun não o fizesse. Ben vira o carro e fala que tudo o que está fazendo é para ajudá-los e que se Sun quer matá-lo, que faça agora. Sun manda Ben continuar dirigindo, mostrando que não o matará. Chegando na igreja onde está Eloise Hawking, Ben dá a aliança de Jin para Sun, como prova de que ele está vivo. Sun pergunta como ele conseguiu e Ben responde que Locke o deu. Sun indaga, perguntando porque Locke não entreogou para ela, implicando que o careca realmente manteu sua promessa a Jin. Desmond chega e os quatro entram na igreja onde Eloise diz que começara com os quatro. ("This Place is Death")

Na igreja, Eloise leva todos para a parte de baixo, onde está localizada a estação Farol. Lá, ela explica tudo o que o grupo precisa saber para voltar para a ilha, e Sun escuta tudo com atenção. No outro dia, quando Jack chega para embarcar no voo 316, ele encontra Sun e parece feliz em vê-la. Ela diz que se existe a mínima possibilidade de Jin estar vivo, então ela estará nesse avião. Ela, junto com Jack, observam Sayid sendo escortado por uma agente da polícia. Já no avião, Sun se senta sozinha e fica mexendo com a aliança de Jin. Quando as turbulências começam, Sun se assusta assim como todos os outros e depois do flash Sun fica em 2007. ("316")

De Volta à Ilha

2007

Sunchristian.jpg

Sun na casa de Christian.

Assim que Frank consegue aterrizar o avião, ele sai da cabine e começa a ajudar as pessoas. Sun, ainda tonta, chama seu nome e Lapidus ajuda a coreana. Os dois se impressionam quando Ben diz que os outros Oceanic 6 sumiram. Mais tarde, naquele dia, Sun está passando a aliança de Jin entre os dedos quando Ilana chega e pergunta se ela perdeu alguém. Sun responde que estava viajando sozinha. Quando Frank e Caesar discutem sobre o que fazer, Sun percebe que Ben entrou na floresta e o segue. Quando perde o ex-líder dos Outros de vista, ele aparece atrás dela, dizendo que irá para a ilha principal e pergunta se Sun quer ir junto. A coreana diz que sim e segue com Ben até o local onde estão as canoas. Nesse caminho, Frank chega e diz para Sun não confiar em Ben, mas ela diz que precisa confiar nele para encontrar seu marido. Frank decide ir com eles e quando eles chegam na praia com as canoas, Frank e Ben começam a discutir enquanto Sun pega um dos remos e acerta a cabeça de Ben, fazendo-o desmaiar. Quando Lapidus diz que ela havia dito que confiava em Ben, Sun, simplesmente responde: "Eu menti". Os dois então seguem de canoa até a ilha principal e chegam lá a noite. Eles escutam barulhos na floresta e Sun diz que deve ser apenas um animal. Eles chegam na vila e Frank diz que não há ninguém alí, pois está tudo abandonado. Logo após outros barulhos, uma luz se acende em uma casa e um homem sai de dentro, identificando-se como Christian. Sun pergunta se ele sabe onde Jin Kwon se encontra e Christian pede que eles o sigam. Dentro de uma casa, Christian mostra uma foto dos recrutas da DHARMA de 1977 e diz que Jin está com seus amigos. Sun se impressiona ao ver Hurley, Jack e Kate na foto e ainda mais quando Christian responde que ela tem uma jornada à fazer. ("Namaste")

Sunlapidus5x12.jpg

Sun e Lapidus vendo Locke pela janela.

Chistian também diz a eles para esperarem por Locke na casa de Ben e Sun e Lapidus vão para lá. Quando Ben chega na vila com Locke, ele vê a luz do quarto de Alex acesa e vai até lá. Quando ele abre a porta, Sun, que está dentro, leva um susto e pergunta o que ele está fazendo ali. Quando Sun explica que estão esperando por Locke e que um homem chamado Christian disse que a única forma dela ver Jin novamente era esperar, Lapidus fala que não tem importância pois Locke está morto. Ben manda eles olharem pra fora da janela e Locke abana para Sun e Lapidus que se mostram surpresos. Sun mostra a foto dos recrutas, que estão Jack, Kate e Hurley para Ben e Locke e o careca diz que tem algumas ideias de como ajudar Sun a encontrar Jin. Lapidus diz que vai voltar para a ilha pequena e quer que Sun vá junto com ele, mas a coreana fica, pois é o único jeito de encontrar Jin. Fora da casa, Sun e Ben conversam e ela diz que Jack deve ter mentido sobre Locke estar morto, porque não é possível que ele tenha ressuscitado, mas Ben admite que é verdade. Quando eles se preparam para irem ao Templo, Locke diz para Sun que entende que tudo isso é estranho, mas que ele é o mesmo de sempre. No caminho, Sun aparta a discussão dos dois e diz que eles devem continuar andando. Chegando ao Templo, Ben pede que a Sun, que se ela sair da ilha, diga para Desmond que ele sente muito. Quando a coreana pergunta por que, Ben diz que Desmond saberá. ("Dead is Dead")

Sunlockejourney.jpg

Sun seguindo Locke e os outros.

Depois disso, Sun acompanha Ben e Locke até o lugar onde estão Os Outros. Lá, Sun pergunta à Ben por que Locke está mandando se esse grupo pertencia a Ben. Ela também pergunta quem é Richard Alpert e Ben responde que ele é um conselheiro. Sun pega a foto dos recrutas da DHARMA de 1977 e vai até Richard. Ela pergunta se ele esteve em 1977 e conheceu Jack Shephard, Kate Austen e Hugo Reyes e que eles estavam com seu marido Jin Kwon. Sun quer saber se Richard os viu. Richard responde que lembra de todos eles, pois viu todos eles morrerem. Mais tarde, Sun está sentada na beira da praia, chorando. Locke chega perto e ela pergunta se o que Richard disse é verdade. Locke a consola dizendo que irá em uma caminhada, e que ela deveria ficar, e que ele descobrirá onde está Jin. Naquela noite, Locke retorna com Richard e Ben e Sun os vê chegando. Quando Locke menciona que eles irão atrás de Jacob, Sun pergunta se esse homem pode dizer onde Jin está e Locke responde que sim. Então, no dia seguinte, Sun, junto com todos Os Outros, segue Locke até a cabana de Jacob. ("Follow the Leader")

Quando o grupo para para descansar no antigo acampamento dos sobreviventes da Oceanic, Sun vê o berço que Locke fez para Aaron, quando ela o vira encontra o anel de Charlie. Sun viaja para a estátua com o grupo e espera do lado de fora enquanto Ben e Locke entram para falar com Jacob. Enquanto esperando, ela brinca com Richard perguntando se ele tinha álcool ao invés de água. Logo depois disso, Sun testemunha o retorno de Ilana e seu grupo e se aproxima de Richard; ela está paralisada quando vê o corpo de Locke no contêiner. Ilana fala à Sun que ele foi achado no compartimento de cargas do avião, e Sun pergunta "...então quem está lá dentro?". ("The Incident")

6x01-DontBelieveIt.jpg

Sun e Frank observam o Inimigo sair da estátua, sem acreditar. ("LA X, Partes 1 & 2")

2007 (6ª Temporada)

Sun observa Richard, Bram e Ilana conversarem na praia, no lado de fora da estátua. Ela pergunta para Frank quem são aqueles que estão com Ilana, e Frank não acredita que eles sejam "os mocinhos". Então, Ben sai da estátua. Sun observa Ilana, Richard e Ben conversarem. Mais tarde, Sun e Frank veem o sinal que vem do Templo aparecer no céu. O Inimigo sai da estátua, e Sun olha assustada para ele por saber que ele não é John Locke. Ele acaba nocauteando Richard, e diz que está desapontado com todos. ("LA X, Partes 1 & 2")

Sun e Frank ficaram do lado de fora da Estátua quando Ilana foi verificar o que tinha acontecido lá dentro. Depois, Ben a seguiu. Os Outros, avisaram que iam para O Templo e deixaram a coreana e o piloto para trás. Quando Ilana saiu da Estátua, Sun lhe contou para onde Os Outros estavam indo e questionou quando Ilana disse que eles também deveriam ir para lá. Mas quando Ilana respondeu que ela poderia encontrar Jin lá, Sun não pensou duas vezes. Antes de partirem, ela teve a idéia de enterrar o corpo de John Locke. Ilana e Ben carregaram o corpo até o Cemitério dos sobreviventes, onde Ben e Frank cavaram um túmulo para enterrar Locke. Ben discursou, dizendo que John era alguém muito melhor do que ele jamais seria e sentia muito por ter matado-o. Sun o olhou pasma ao ouvir isso. O grupo então, seguiu para O Templo.

6x04-Jacob's WallKwonDomingoMattingley.jpg

"42 - KWON". ("The Substitute")

Em outro lugar na Ilha, O Inimigo levou Sawyer até a Gruta de Jacob, onde lhe mostrou uma parede cheia de sobrenomes, a maior parte deles, riscados. O Inimigo explicou para Sawyer que todas as pessoas correspondentes aos nomes ali, eram Os Candidatos. Todos tinham sido recrutados por Jacob em algum ponto de sua vida (mesmo sem saberem, apenas pelo fato de terem conhecido Jacob), para que um deles, assumisse seu posto, como protetor da Ilha, sendo que todos os nomes riscados, não eram mais candidatos. "Kwon", é o candidato número 42, e um dos cinco que não foram riscados. Como os candidatos são chamados pelo sobrenome e Sun e Jin têm o mesmo, não se sabe a qual dos dois Jacob se referiu. Junto de Reyes, Ford, Shephard e Jarrah, ela talvez seja um dos seis ainda possíveis substitutos de Jacob. ("The Substitute")

Sun e o resto do seu grupo chegaram ao Templo durante o ataque do Inimigo. Eles correram em direção a Miles, que falou para ela que Jin estava vivo e esteve recentemente no Templo. Contudo, devido às circunstâncias do ataque, ela não teve tempo de procurar seu marido. Eles escaparam do Templo por uma passagem secreta aberta por Ilana na parede do Templo. ("Sundown")

Sunandillanas06e07.jpg

Sun fica sabendo de sua candidatura. ("Dr. Linus")

Sun e o resto encontraram um frenético Ben depois de sair do Templo que ficou destruído após o pôr-do-sol. Quando Ben os informa que Dogen e Lennon foram mortos, Sun protesta contra Ilana, quem disse que eles estariam seguros no Templo. Ilana responde que isso foi o que lhe foi dito. O grupo decide ir até o acampamento da praia, como sugestão de Ben.

O pequeno grupo chegou à luz do dia nos restos do acampamento onde Ilana o liderou, dando instruções sobre comida, abrigo e começar uma fogueira. Um pouco mais tarde, Sun se aproximou a ela perguntando quanto tempo eles ficariam ali, e explicando que ela precisava encontrar seu marido. Ilana disse que se alguém quisesse encontrar Jin, seria ela mesma. Sun a questionou sobre isso, e Ilana disse que o sobrenome de Jin era Kwon e que ela não sabia se ela deveria proteger Sun, Jin, ou ambos. Sun perguntou o que ela queria dizer, e ela respondeu que existiam candidatos para substituir Jacob. Após Sun perguntar quantos candidatos existiam, Ilana respondeu que só haviam sobrado seis.

Um pouco depois, Sun viu Ben gentilmente colocando seu rifle no chão e se oferecendo a ajudá-la a montar sua tenda. Minutos depois, Hurley, Richard e Jack apareceram, andando pela praia em direção ao pequeno grupo no acampamento da praia. A face de Sun demonstrou grande alegria ao receber o grupo, abraçando Hurley e Jack fortemente. Ela não sabia que naquele momento estava sendo observada pelos funcionários de Widmore, que acabavam de chegar na costa. ("Dr. Linus")

6x10 SunRuns.jpg

Sun corre assustada de Locke. ("The Package")

Enquanto discutiam seu próximo passo, Sun explicou ao resto do grupo que ela, Jack e Hurley eram candidatos a substituir Jacob. Richard ficou bravo quando escutou que ele deveria saber o que fazer em seguida, dizendo que era hora de parar de escutar Jacob e começar a escutar outra pessoa. Quando Jack se pergunta quem essa outra pessoa seria, Sun responde que ele se referia ao Locke. ("Ab Aeterno")

No dia seguinte, Sun ficou furiosa com o resto do grupo quando começaram a discutir sobre esperar por Richard. Ela foi ao seu jardim, que tinha se tornado abandonado pelos três anos desde sua ida. Jack foi conversar com ela. Sun lhe disse que ela não ligava para Richard ou sobre o destino deles; ela só queria ficar sozinha, e Jack a deixa em paz. Um tempo depois, o Inimigo, sob forma de Locke, chegou ao jardim e tentou recrutar Sun. Ele tentou convencê-la oferecendo a chance de se reunir com Jin. Sun não confiou nele e correu, mas logo bateu sua cabeça em um galho e caiu inconsciente. Ben a encontrou e a acordou, mas Sun não conseguia mais falar inglês, apesar de conseguir dizer “Locke”, quando questionada sobre quem havia feito isto com ela.

De volta ao acampamento, Jack examinou o machucado na cabeça de Sun e determinou que ela tinha afasia, que é uma condição temporária que afeta a parte de linguagem do cérebro. Quando Richard voltou ao acampamento e anunciou que eles deveriam impedir o Inimigo, destruindo o avião da Ajira, Sun começou a gritar furiosamente com ele em coreano, que ela só queria salvar Jin, e chamou Richard de louco, já que ele queria destruir a única chance deles saírem da ilha.

Naquela noite, Sun estava sentada sozinha na praia quando Jack apareceu e lhe deu uma caneta e um papel, dizendo que Sun provavelmente conseguiria escrever em inglês mesmo se ela não pudesse falar. Jack disse a Sun que ele foi ao canteiro procurar pelo Locke, e ao invés disso achou um tomate que era muito teimoso para morrer. Sun escreveu para Jack que ela não queria ir com Locke porque ela não confiava nele, mas afirmou que confiava no Jack. Jack prometeu para ela que iria ajudá-la a encontrar Jin e tirá-los da ilha. ("The Package")

614-GoodbyeKwons.jpg

Os últimos momentos de Sun e Jin juntos. ("The Candidate")

Então, ela seguiu o grupo até o Black Rock, onde decidiu ficar com Hurley, Jack e Frank quando Richard se opõe à ideia de Hurley de se encontrar com o Inimigo. No acampamento do Inimigo, Kate lhe conta sobre o plano de Sawyer de escapar no submarino de Widmore. Enquanto caminhando na floresta, Sun acusa o Inimigo de fazer ela ficar sem voz, o que ele responde: "Eu nunca fiz nada para você, Sun". Momentos depois, Sun e os outros despistam o Inimigo e seguem para o Elizabeth para ir até a Ilha Hidra. Lá, ela vê Jin pela primeira vez em três anos. Os dois correram e se abraçaram, e Sun descobre que ela podia falar inglês novamente. Jin promete que eles nunca mais iriam se separar. ("Everybody Loves Hugo")  ("The Last Recruit")

O grupo de Widmore prendeu Sun e os outros nas jaulas, onde ela e Jin conversaram sobre sua filha pela primeira vez. Sun também devolveu a aliança de Jin para ele. Então, o monstro de fumaça atacou, e os prisioneiros escaparam até o avião da Ajira. O Homem de Preto estava lá, e disse que havia uma bomba lá dentro, sugerindo pegar o submarino ao invés do avião. Claire e o Inimigo não entram no submarino, mas ele colocou uma bomba lá dentro. Sayid correu com a bomba o mais longe possível, mas ela detonou e abriu um grande buraco no submarino, enchendo-o de água. Na explosão, Sun ficou presa contra a parede por uma barra de metal. Jin tentou salvá-la, mas quando os dois percebem que a morte é iminente, se despedem emocionalmente. Jin permaneceu com Sun, um segurando as mãos do outro enquanto o submarino atingia o fundo do oceano. Poucos momentos depois, suas mãos se soltam e pelo movimento da água o corpo de Jin é lentamente empurrado para longe do corpo de Sun. ("The Candidate")


Depois da Vida

Sun-Hwa Paik, filha de um dono de uma montadora de automóveis, teve um caso com Jin Kwon, um dos empregados de seu pai. Sun e Jin sabiam que Woo-Jung Paik desaprovaria seu relacionamento, por isso o mantiveram em segredo. Sem o conhecimento de mais ninguém, Sun abriu uma conta em que juntou dinheiro para poder fugir com Jin. Porém, sem que Sun soubesse, seu pai descobriu sobre os dois e fechou a conta, mandando em seguida, que Jin levasse um relógio de ouro e U$25.000 para Martin Keamy em Los Angeles. Sun acompanhou Jin na viagem, afirmando que ia para fazer compras, mas na verdade, pretendia fugir com seu amante. Em algum momento, Sun engravidou.

Voo 815

No voo 815, Sun viaja com Jin, que transporta o relógio a pedido do pai de Sun para Los Angeles. Ela é mostrada brevemente olhando Rose e Bernard Nadler, e comenta em quão felizes eles parecem estar. Jin ignora isso, e a manda abotoar o casaco. ("LA X, Partes 1 & 2")

2004

No aeroporto, Jin é questionado por seguranças sobre o relógio e a grande quantidade de dinheiro descoberta em sua bagagem. Uma oficial se refere à Sun como "Srta. Paik", seu sobrenome de solteira. Quando perguntam se ela entende o que está acontecendo, Sun responde: "Não inglês". ("LA X, Partes 1 & 2")

O dinheiro foi, mais tarde, confiscado e os dois partiram para seu hotel, depois de Jin perder a reunião na qual, entregaria o relógio para o empregado do Sr. Paik.

O recepcionista do hotel, presumiu que os dois estavam casados e lhes deu um quarto só. Jin tentou lhe explicar que eles ficariam em quartos separados porque não eram casados. A noite, Jin foi até o quarto de Sun e lhe avisou que ia até o restaurante, procurar o empregado do Sr. Paik. Sun lhe disse que já estava muito tarde e começou a desabotoar sua blusa para ele lentamente, e beijando-se, os dois deitaram na cama do quarto de Sun.

Na manhã seguinte, Martin Keamy e Omar foram até o quarto de Sun (que lhe entregou o relógio) e questionaram os dois sobre o dinheiro faltando. Os quatro não conseguiram se comunicar porque Sun e Jin não entendiam o que Keamy e Omar falavam e vice-versa, então Martin mandou Omar ir buscar Mikhail Bakunin, o intérprete deles. Quando Mikhail chegou, Sun lhes explicou que o dinheiro tinha sido confiscado, mas eles tinham mais no banco. Sun pediu que Keamy a deixasse ir buscar mais dinheiro. Keamy deixou que ela fosse com Mikhail, mas Jin foi com ele e Omar até um restaurante, onde eles se encontrariam depois.

No banco, Sun descobriu que seu pai tinha encerrado a conta. Ela perguntou porque ele faria aquilo, mas Mikhail apenas ironizou. Mikhail a levou de volta para o restaurante, onde encontraram Keamy baleado no chão e todos os outros homens baleados. Jin apareceu atrás de Mikhail e o manteve sob a mira de sua arma e os dois tiveram uma luta. Mikhail atirou e Jin também. O tiro de Jin acertou no olho direito de Mikhail. O tiro de Mikhail porém, acertou no estômago de Sun, que foi pega por Jin as pressas e lhe revelou que estava grávida antes de ser levada por ele até um hospital. ("The Package")

Na maca indo para o Hospital São Sebastião, Sun viu John Locke numa maca ao lado e entrou em pânico, dizendo para Jin que "é ele". Depois da cirurgia, ela acordou na cama do hospital com Jin ao seu lado. Ele conta que o bebê estava bem. ("The Last Recruit")

Curiosidades

Doc-cap-gown.jpg

A foto da graduação de Sun "D.O.C."

  • Sun é a última personagem que vemos em "Pilot, Parte 1".
  • Sun foi a quinta personagem a ter um flashback e a ter um flashforward.
  • Até o episódio "The Candidate" o número de episódios de Sun é 86.
  • De seus 11 episódios centrais, 8 deles tinham pelo menos um flash de pelo menos um outro personagem, fazendo dela a personagem com o maior número de episódios divididos com outros personagens.
  • Não descobrimos seu nome até o episódio "Tabula Rasa".
  • Sun, matou uma Outra, Colleen Pickett.
  • Sun conheceu todos os personagens principais.
  • Sun estudou História da Arte na Universidade Nacional de Seoul.
  • Ela sabe tocar piano. ("The Glass Ballerina")
  • Sun é uma de dois personagens principais vivos durante a quinta temporada que não trabalhou para a Iniciativa DHARMA. O outro é Sayid.
  • A data de aniversário de Sun está cravada no túmulo da família de Jin. ("Ji Yeon")
  • Sun tem experiência em botânica, o que ajudou os sobreviventes muitas vezes (como na plantação de frutos, ou ajudando Shannon com sua asma).
  • Sun esteve envolvida nas três maiores facções da série (sobreviventes do voo Oceanic 815, os Oceanic Six, e sobreviventes do voo Ajira 316), o que lhe faz a terceira maior entre os personagens pricipais, alcançando Jack e Ben (ambos com quatro).
  • "Sun" é apenas metade de seu nome coreano. No episódio "The Whole Truth", o médico de fertilidade, aparentemente amigo da família, se dirigiu a ela como "선화씨" (Sun-Hwa-ssi), indicando que que seu nome inteiro é Sun-Hwa. ("The Whole Truth")
    • Se, quando casou, seguiu as antigas tradições coreanas, seu título seria Sun-Hwa Paik, esposa de Kwon quando a relação precisava ser reconhecida. Não se sabe se Sun usou a prática do oeste ou pegou o sobrenome do marido. Ela permite que a chamem de 'Sra. Kwon', entretanto, Colleen se referiu a ela como Sun-Hwa Kwon, então isso indica que ela usa o nome de Jin.
    • Seu passaporte, como visto em "Because You Left", claramente mostra "Kwon" como seu sobrenome e "Sun-Hwa" como primeiro nome.
  • Coreanos colocam primeiro seus sobrenomes antes do primeiro nome. "Sun-Hwa Paik" é uma forma ocidental; na Coreia, seu nome é 백선화 (Paik Sun-Hwa).
  • "Sun Hwa" traduz para "Bondade e Beleza".

Elenco adicional

Sun-jin-wedding.jpg

A foto do casamento de Jin e Sun


Interferência de bloqueador de anúncios detectada!


A Wikia é um site grátis que ganha dinheiro com publicidade. Nós temos uma experiência modificada para leitores usando bloqueadores de anúncios

A Wikia não é acessível se você fez outras modificações. Remova o bloqueador de anúncios personalizado para que a página carregue como esperado.

Também no FANDOM

Wiki aleatória