FANDOM



Noor Abed Jazeem, mais conhecida como Nadia é uma amiga de infância de Sayid e seu duradouro e verdadeiro amor. Nadia, reencontrou Sayid nos anos 90, quando foi interrogada por ele. Porém, ela teve de fugir do exército iraquiano. Nadia viveu na Inglaterra, e em 2000 foi para a Califórnia. Depois do resgate dos 6 da Oceanic, Nadia se casou com Sayid e não se sabe se ele lhe contou a verdade sobre a Ilha. Em 20 de outubro de 2005, Nadia foi assassinada por Ishmael Bakir em um atropelamento.

Anos 1995 - 1999

Iraque, 1995

Noor Abed Jazeem mesmo vindo de um universo de riqueza e charme, escolheu se juntar à um grupo de insurreição contra o regime de Saddam Hussein, o que a levou a ser objeto de interrogatórios e aprisionamentos pela Guarda Republicana Iraquiana.
Nadia imprisoned

Nadia na prisão. ("Solitary")

Em 1996, com a promoção de Sayid a Divisão de Inteligência, ele foi apresentado a Nadia enquanto ela estava presa, e ficou à cargo de suas interrogações.

Entretanto, o pequeno tempo que passaram juntos apenas deu-lhes a chance de se reaproximarem, e fizeram com que Sayid desejasse ajudá-la e temesse o fardo de matá-la. Quando as ordens de seu oficial superior, Omar, indicaram sua execução, Sayid não encontrou resolução a não ser deixá-la fugir. Durante o ocorrido, Sayid teve que atirar em Omar, que havia chegado onde estavam, e para não deixar transparecer nada, ele atirou em si próprio na perna para que Nadia pudesse fugir com sua arma. Antes de fugir, Nadia aterrorizada implora para que Sayid venha com ela, e após a recusa ela deixa com Sayid com sua foto com a inscrição árabe: "Você me verá na próxima vida, se não nesta.". ("Solitary")

Nadia-Charlie

Nadia agradece Charlie.("Greatest Hits")

A fuga de Nadia obteve êxito.

Reino Unido, 1996

Pouco tempo depois, Nadia foi para a Inglaterra. Ela foi quase assaltada num beco em Manchester. Charlie passa por lá e nota o que está acontecendo, e após uma breve hesitação ele corre para ajudá-la. Depois que o marginal foge, Nadia o agradece e noticia que três pessoas passaram e viram o que estava ocorrendo e nada fizeram. Ela diz a Charlie que ele é um herói e que ninguém poderia dizê-lo o contrário. Charlie considera este como um dos melhores momentos de sua vida, e nunca soube que aquela era Nadia. ("Greatest Hits")

Nadia and Locke

Nadia conversando com Locke depois da inspeção. ("Lockdown")

Estados Unidos

Em algum momento, antes de 2000, ela contratou Locke para inspecionar uma casa que ela estava comprando na Califórnia. Apesar das poucas palavras que eles trocaram, ela revela que não está casada. ("Lockdown")

Em 2004, seu atual paradeiro é usado pela CIA para fazer com que Sayid trabalhe com eles. Eventualmente, eles informam que Nadia está trabalhando em "Irvine, California"; "num laborátorio tecnológico em uma empresa de testes médicos". Porém, o avião que Sayid tomaria para reencontrar Nadia, foi o voo 815, que caiu na Ilha. ("The Greater Good")  ("Walkabout")

Ano 2005

Havaí

Quando Sayid escapou da Ilha como um dos 6 da Oceanic, Nadia finalmente o reencontrou depois da primeira conferência de imprensa do grupo. Eles ficaram arrebatados por se verem e se abraçaram chorando. ("There's No Place Like Home: Parte 1")

Los Angeles

Nadiadies

"Leve-me para casa". ("The Incident")

Algum tempo depois ela e Sayid se casaram. Ela tornou-se amiga dos outros cinco sobreviventes, participando da festa surpresa do Hurley e do funeral de Christian Shephard. ("There's No Place Like Home: Parte 1") O casamento deles teve um fim trágico, no entanto, quando ela foi morta em Los Angeles mais tarde, em 20 de outubro de 2005. Ela foi atingida por um carro em um atropelamento enquanto Sayid estava ocupado dando instruções para um estranho. As últimas palavras de Nadia para Sayid, antes de morrer, foram "Leve-me para casa". ("The Incident")

Nadiacoffin

O caixão de Nadia em Tikrit ("The Shape of Things to Come")

Depois da Morte

Sayid foi o carregador de caixão no funeral dela em Tikrit, no Iraque, cinco dias depois. Ben encontrou Sayid no funeral e lhe mostrou uma prova circunstancial, uma foto do trânsito, que apontava para Ishmael Bakir (empregado de Charles Widmore) como possível culpado pela morte de Nadia. Depois de saber a verdade sobre a morte de Nadia através de Ben, Sayid matou Bakir em um ataque de raiva, e insistiu para trabalhar para Ben - assassinando os empregados de Charles Widmore. ("The Shape of Things to Come")

Curiosidades

Nome

NadiaPhoto

A foto de Nadia

  • Noor significa "luz" em Árabe.
  • Nadia significa "suave" e "delicada" em Árabe.
  • Nadia, compartilha o primeiro nome, Noor, com a heroína da Segunda Guerra Mundial Noor Inayat Khan.

Cronologia

  • Nadia deixou o Iraque antes de 1997, já que Sayid tem procurado por ela há 7 anos.
  • Durante a busca por Nadia, Sayid passou pela Inglaterra. Nadia passou algum tempo na Inglaterra, e foi salva por Charlie de um ladrão lá. Charlie ainda não fazia sucesso, por isso isso ocorreu antes do fim de 1997 também.
  • Irvine, onde a CIA disse para Sayid que Nadia estava, é uma cidade em Orange County, Califórnia, ao sul de Los Angeles. Irvine fica logo ao lado da cidade de Tustin, onde Locke vivia.
  • A inspeção de Locke ocorreu entre 1998 e 2000, já que ele ficou paralítico depois disso.

Interferência de bloqueador de anúncios detectada!


A Wikia é um site grátis que ganha dinheiro com publicidade. Nós temos uma experiência modificada para leitores usando bloqueadores de anúncios

A Wikia não é acessível se você fez outras modificações. Remova o bloqueador de anúncios personalizado para que a página carregue como esperado.

Também no FANDOM

Wiki aleatória