Fandom

LOSTpédia

Kate Austen

Redirecionado de Kate

3 425 páginas
nesta wiki
Adicione uma página
Falar7 Compartilhar
Para outros resultados de "Kate", vá à página "Kate (desambiguamento)";


Katherine Anne Austen (comumente chamada de Kate), foi uma das sobreviventes da seção intermediária do Voo Oceanic 815 em 2004. Kate se tornou fugitiva depois de matar seu pai abusivo. Depois, não foi mais capaz de se adaptar a lugar nenhum, nem ter uma vida normal.

Na Ilha, Kate formou fortes laços sentimentais com Jack e Sawyer, fazendo ela se apaixonar por ambos. Além, disso, ela também formou uma forte amizade com Claire, Charlie, Jin, Sun, Sayid e Hurley. A fugitiva, realizou o parto de Claire e ajudou-a com o bebê. Kate também ajudou a abrir a escotilha e foi a primeira a descer lá. Dias depois, foi junto de Claire e Danielle Rousseau, investigar o Cajado e depois, foi ajudar a resgatar Walt, sequestrado pelos Outros, porém, ela também foi levada por eles. A amizade de Jack com Ana Lucia e Juliet, fez Kate se aproximar de Sawyer. Apesar disso, quando Kate fugiu, ela fez questão de voltar e resgatá-lo. Em seguida, foi com Jack até a Torre de Rádio para ligar para o Cargueiro de Naomi e quando o grupo se dividiu, Kate seguiu com Jack. Apesar de desconfiarem da tripulação, Kate e mais cinco sobreviventes, junto de Desmond e Frank conseguiram sair da Ilha e viram a Ilha ser movida.

Um dos cinco sobreviventes, foi Aaron, o bebê que Claire, que foi adotado por Kate. No ano seguinte, Kate foi julgada como culpada pelos seus crimes e começou a visitar Cassidy e Clementine como favor à Sawyer - que ficou na Ilha. Depois, Jack e Kate noivaram, mas por causa dos problemas de auto-controle dele, os dois se separaram. Em 2007, Kate foi visitada por John Locke, que falhou na tentativa de levar Kate de volta para a Ilha. Porém, logo após a morte de John, Kate aceitou voltar para buscar Claire, que deveria cuidar de Aaron. Kate embarcou no voo Ajira 316 e voltou para a Ilha: em 1977. Kate rapidamente, tentou impedir Jack de mudar o passado, mas depois aceitou seu plano, de detonar uma bomba de hidrogênio e impedir que o voo 815 caísse na Ilha.

Porém o plano de Jack falhou e eles voltaram para o presente. Kate e os demais descobriram que eram candidatos a substituir Jacob e impedir que o Homem de Preto saísse da Ilha, mas foi Jack quem assumiu o posto. Kate encontrou Claire e o plano de Jack para impedir o Homem de Preto, começou a afundar a Ilha. Jack levou uma facada tentando matar o Homem de Preto mas Kate atirou no mesmo, dando oportunidade a Jack de matá-lo. Conforme a Ilha afundava, Kate se despediu de Jack, afirmando que o amava, que voltou para salvar a Ilha, e acabou morrendo, enquanto Kate, Sawyer, Claire, Miles, Richard e Frank conseguiram escapar da Ilha usando o avião da Ajira Airways.

Antes da Ilha

Infância e Adolescência (1977-1990)

Nascida em 1977, Katherine Anne Austen foi criada em Iowa por sua mãe e por Sam Austen, que Kate acreditava ser seu pai. Entretanto, seu pai biológico era um homem chamado Wayne. Aos 10 anos, Kate ia roubar uma lancheira, mas, quando foi pega, um homem pagou pelo que ela roubaria. ("The Incident")

Jacob-touches-Kate.jpg

Jacob ajuda Kate.

Kate, quando adolescente, gravou uma fita com e colocou numa cápsula do tempo com seu namorado. Quando Kate já era adulta Diane e Sam se separaram. Sua mãe voltou para Wayne, que Kate detestava intensamente.
Casakatefogo.jpg

A casa de Wayne explodida.

Primeiro porque ele abusava de sua mãe, e, quando estava bêbado, tentava assediar Kate também. Nervosa com isso, Kate viu uma única solução para ajudar sua mãe: matar Wayne.

O que a Kate fez (2001)

Quando Wayne chegou em casa, Kate o colocou na cama. Assim que ele dormiu, Kate ligou o gás e logo a casa inteira explodiu. Ao invés de ficar agradecida, Diane deu queixa de sua filha à polícia. ("What Kate Did")

Desde então, Kate foi perseguida, principalmente pelo oficial americano Edward Mars, que é o responsável por seu caso. Kate escapou de Mars muitas vezes. A primeira vez foi quando ele conseguiu detê-la na estação de ônibus. Quando Mars a estava levando de carro, um cavalo negro apareceu na frente e forçou Mars a jogar o carro para fora da estrada. Kate saiu correndo do lugar deixando Mars, machucado, para trás. ("What Kate Did")

Kate descobriu, então, que Sam não era seu pai quando viu uma foto na qual ele estava na guerra 9 meses antes de ela nascer, indicando que ele não poderia ser o pai dela e que ela havia matado seu verdadeiro pai. ("What Kate Did")

Julietdiane.jpg

Kate conversando com sua mãe.

Left-behind-cap0059.jpg

Kate conhecendo Cassidy.

Kate fugiu durante dois meses antes de entrar em contato novamente com a mãe. Voltou para Iowa, mas o carro dela quebrou antes que pudesse encontrar Diane. Kate acabou conhecendo Cassidy (uma mulher que teve um caso com Sawyer e tem uma filha com ele) em uma garagem de carro, ajudou-a e ela ofereceu um passeio na cidade. Usando o nome "Lucy", elas conversaram, e Cassidy ofereceu ajuda para Kate ver a mãe dela novamente depois de primeiro analisar os motivos de Kate (evitar a atenção policial). Kate explicou que ela havia matado o pai "padrasto" dela e assegurado a casa, e que fez isto se parecer um acidente, tudo para a mãe dela. Diane a denunciou para a polícia e Kate precisava saber desesperadamente o porquê. Com as habilidades de Cassidy como artista, Kate pôde se infiltrar no trabalho da mãe e falar com ela a sós. Lá, ela pediu à mãe para explicar o porquê a entregou e a mãe falou: "você não pode escolher quem você ama, Kathryn, e, para o bem ou para o mal, eu o amei". Enquanto Kate também declarou que ela tinha feito tudo por Diane, a mãe respondeu que ela acreditava que Kate tinha feito isso por ela mesma. Ela escapou com a promessa de que a mãe não a entregaria desta vez, mas gritaria se ela retornasse. Na garagem de carro, o veículo de Kate está pronto, e ela agradece Cassidy por sua ajuda, e admite em uma conversa que ela nunca poderá perdoar a mãe dela pelo que ela fez. Antes de deixar a amiga, ela revela seu nome verdadeiro. ("Left Behind")

Katecasandokevin.jpg

Kate vestida de noiva.

Nascida para Fugir (2002-2003)

Mais tarde, Kate descobre que sua mãe estava morrendo de câncer. Ela pede a ajuda de seu amor de infância para poder entrar no hospital secretamente e falar com a mãe. Mas, ao contrário do esperado, Diane começa a gritar quando vê Kate, e os guardas do hospital tentam prendê-la. Mesmo com ela pedindo para que ele não fizesse isso, Tom ajuda Kate a fugir de carro, mas acaba sendo morto com um tiro, e Kate, realmente abalada, acaba tendo que fugir. ("Born to Run")

Tommortokate.jpg

Kate se descontrola quando vê Tom morto.

Continuando foragida, Kate tenta começar uma nova vida e vai para a Flórida, onde ela assume o nome de Mônica. Lá, Kate acaba se casando com um policial chamado Kevin Callis. Supostamente feliz, Kate liga para Edward implorando que ele parasse de persegui-la. Ele diz que apenas parará se ela conseguir se fixar em algum lugar, mas que ela não é capaz de fazer isso. Sendo assim, Kate realmente não consegue ficar alí. Ela droga Kevin, lhe conta toda a verdade e foge, deixando-o inconsciente, para que os outros policiais não suspeitassem que ele sabia de tudo. ("I Do")

Austrália e o Voo 815 (2004)

Em uma tentativa de aprisionar Kate, Edward lhe avisa que o aviãozinho de brinquedo, que tem um valor sentimental enorme para Kate, pois é o avião que ela e Tom enterraram em uma cápsula do tempo quando eles estavam no ensino médio, está em um cofre em um banco no Novo México. Kate viaja até o Novo México e assume a identidade de Maggie. Ela entra em uma gangue de roubos e se envolve romanticamente com um deles, Jason. A gangue, então, resolve assaltar o banco e Kate revela no final do roubo que o único objetivo dela era conseguir pegar o avião novamente e acaba atirando em Jason. ("Whatever the Case May Be").

Kate, então, foge para a Austrália, onde ela se estabelece na fazenda de Ray Mullen por 4 meses. Obviamente, Ray reconhece Kate em um cartaz de "procura-se" no correio e acaba a dedurando para Mars por uma grande quantia em dinheiro. Na perseguição, Kate acaba tendo de escolher entre salvar a vida de Ray ou escapar. Ela escolhe salvar a vida de Ray e, consequentemente, é aprisionada por Mars, finalmente. ("Tabula Rasa") Alguns dias depois, eles embarcam no voo 815 para Los Angeles, onde Kate seria presa. Mal sabe Mars que Kate fugirá mais uma vez, assim que o avião cair na ilha.

Na Ilha

Dias 01-44 (1ª Temporada)

1x01-KateMeetsJack.jpg

A primeira aparição de Kate na série, vendo Jack.

Durante a turbulência que precedeu o acidente com o voo 815, o policial federal que capturou Kate, Edward Mars, foi atingido na cabeça por bagagens que caíram em cima dele. Kate abriu as algemas com as chaves que pegou do agente inconsciente. Essas mesmas algemas foram encontradas por Walt depois do acidente e usadas para deter Jin. O esconderijo de armas de fogo de Mars também foi descoberto e usado pelos sobreviventes.

A primeira pessoa que Kate conheceu melhor depois do acidente foi Jack, que tinha acabado de atender grande parte dos feridos e precisava da ajuda dela para dar pontos em um corte em suas costas. Este encontro foi o início de seu envolvimento no que posteriormente seria o grupo principal, formado por ela, Jack, Locke, Sayid e Sawyer, que participaram de várias aventuras na Ilha. Isto também abriu passagem para um triângulo amoroso envolvendo Jack, que é o “mocinho”, e Sawyer, que é o “cafajeste”. Enquanto cuidava do agonizante Edward Mars, Jack ficou sabendo por ele que Kate era uma criminosa fugitiva, mas deu a ela o benefício da dúvida, decidindo julgá-la somente por suas ações na Ilha, deixando de lado sua história anterior.

A primeira aventura de Kate na Ilha foi com Jack e Charlie, que foram até a cabine do avião procurar o transceiver, na esperança de conseguir resgate. Durante a expedição, eles foram confrontados pelo "Monstro" pela primeira vez. Uma vez que o transceiver foi achado, precisou ser consertado para que funcionasse com uma melhor recepção.
Katehalliburton.jpg

Kate e Sawyer encontram a maleta.

Isso a levou a um encontro com Sayid, que tinha um conhecimento técnico, e também a Shannon, Boone, e Sawyer. Essa tentativa acabou com a descoberta do sinal em Loop da francesa Danielle Rousseau, que parecia estar rodando por dezesseis anos. ("Pilot, Parte 2")

O começo do triângulo amoroso formado foi poucos dias depois, quando Jack e Sayid tentaram forçar Sawyer a entregar o remédio de Shannon, e Kate aceitou a proposta dele de contar onde estavam os remédios em troca de um beijo. Mas essa foi só uma armação do golpista para ganhar um beijo, já que ele não sabia onde estavam os remédios para a asma da irmã de Boone. ("Confidence Man")

Kate Jack.jpg

Kate e Jack procurando por Charlie.

Depois que Claire e Charlie foram sequestrados por Ethan, Kate e Jack foram juntos procurá-los. Eles enfrentaram Ethan e descobriram que Charlie havia sido dependurado pelo pescoço em uma árvore, estando aparentemente morto. Mas Kate conseguiu cortar a forca e Jack ficou muito tempo tentando reanimá-lo, até conseguir. ("All The Best Cowboys Have Daddy Issues")

Enquanto nadavam em uma cachoeira, Kate e Sawyer descobriram a maleta Halliburton do policial Edward Mars debaixo d’água. Os dois brigaram pela posse da maleta e Sawyer não conseguia de maneira alguma abri-la, por mais que tentasse. Kate convenceu Jack a exumar o corpo do policial federal para recuperar a chave para que pudessem abrir a maleta. Jack recuperou as armas de fogo da maleta, mas o que Kate realmente queria era o aviãozinho de brinquedo que pertencia a Tom Brennan. ("Whatever the Case May Be")

Ela foi confrontada por Shannon e por Arzt, que não concordavam com o fato de ela e Sawyer terem escondido a existência da maleta do restante dos sobreviventes. A “Sardenta” não conseguiu convencer os dois de que a maleta estava em segurança mesmo depois de dizer que ela estava trancada e que a chave estava no pescoço de Jack. Paulo e Nikki se aproximaram, depois que a irmã de Boone e o professor se afastaram revoltados. A atriz perguntou a Kate onde ela e Sawyer tinham encontrado a Halliburton. ("Exposé")

Claire acabou entrando em trabalho de parto no meio da selva e Kate foi incumbida de fazer o parto já que Jack estava muito ocupado, tentando salvar a vida de Boone, que tinha caído de um penhasco. Nervosa, a Sardenta seguiu todas as orientações do médico e ajudou a trazer ao mundo um lindo bebê, que depois foi batizado de Aaron. ("Do No Harm")

Kate e Sawyer começaram a ficar mais próximos depois de uma caçada. Durante a expedição, eles jogaram o jogo do "Eu Nunca", que revelou segredos obscuros de cada um deles e muitos que tinham em comum, como já ter matado uma pessoa. Entretanto, a relação dos dois não era sempre tranquila e ficou pior depois que ele, para conseguir uma vaga na balsa de Michael, contou a todos que Kate era uma fugitiva. Entretanto, quando a balsa partiu, Kate tinha ido numa missão até o navio Black Rock para encontrar dinamite para explodir a recém-descoberta escotilha Cisne. Ela, então, percebeu que carregaria a culpa de não ter se despedido de Sawyer. ("Exodus: Parte 1")

Dias 45-67 (2ª Temporada)

Kate Locke.jpg

Locke enganando Desmond com Kate.

Depois que a misteriosa escotilha foi aberta, Jack decidiu abandoná-la, já que achou que os sobreviventes não poderiam se esconder porque a escada tinha sido destruída. Entretanto, em vez de colaborar com o plano de Jack de manter os sobreviventes nas cavernas até a manhã seguinte, a “sardenta” decidiu desafiar o médico colaborando com o plano de seu rival Locke de explorar a escotilha. Jack seguiu Kate, e descobriu Desmond, um homem que já tinha encontrado no passado e estava mantendo-os reféns. Nos acontecimentos seguintes, o computador da escotilha foi danificado, e Desmond fugiu para a selva. Depois, o equipamento foi consertado por Sayid, tornando a escotilha um recurso valioso do principal grupo entre os sobreviventes. ("Orientation")

Kate continuou a perceber seus sentimentos pelo distraído Sawyer e contou a Sun, que se tornou sua confidente. Com a chegada dos sobreviventes da parte de trás do avião, voltaram também Michael, Jin e o ferido Sawyer. Kate continuou o vínculo e cuidou dele na escotilha. Nesta época, ela começou a ver um cavalo na selva, que era muito parecido com um que apareceu na frente do carro de Edward Mars e causou um acidente que favoreceu sua fuga. Ela teve uma possível alucinação onde Wayne parecia falar através de Sawyer, que estava inconsciente. Perturbada, ela abandonou o doente, a responsabilidade de entrar com os números no computador da estação Cisne e saiu correndo pela selva. Quando Jack finalmente conseguiu encontrá-la, ela repentinamente o beijou, em meio a uma confusão emocional, e começou a correr de novo, deixando o médico paralisado de choque. Então, ela voltou e fez uma confissão pessoal a Sawyer, que logo depois recuperou a consciência. Kate disse que ele lembrava Wayne, quem ela não queria que fosse seu verdadeiro pai. Depois disso, ela percebeu que Sawyer já estava totalmente consciente e o ajudou a sair um pouco da escotilha, onde eles dois puderam ver o cavalo preto. ("What Kate Did")

Kate-cap449.jpg

O beijo de Kate e Jack.

Depois, Claire começou a ter flashes de memória de quando foi sequestrada por Ethan. Kate decidiu ajudá-la a encontrar Rousseau, de quem Claire havia se lembrado que tinha sido atacada. Ao ser encontrada, Rousseau aceitou ajudar por suas próprias razões. O trio continuou a jornada até o lugar onde Rousseau tinha encontrado Claire, já que a moça acreditava que poderia encontrar a porta da estação Cajado. Dentro, a mãe de Aaron procurava a vacina, Danielle procurava por pistas sobre Alex, enquanto Kate encontrou armários que continham roupas surradas e a barba falsa usada por um dos Outros. Quando voltou, Kate contou a Jack sobre essas descobertas o que os levou a deduzir que os Outros não eram a gentalha desorganizada que pareciam ser. ("Maternity Leave")

Jack então escolheu Kate para ir com ele até "A Linha", onde eles planejavam forçar os Outros a trocarem Ben por Walt. O triângulo amoroso de Kate afundou quando Kate pegou uma boneca, caindo numa armadilha junto com Jack, ficando assim num momento bem íntimo. Depois que a tentativa de Jack de atrair os Outros falhou, eles decidiram acampar ali mesmo e Kate pediu desculpas ao médico por ter lhe beijado. Entretanto, Jack imediatamente replicou que ela não precisava pedir desculpas.
Katecavalo.jpg

Kate acariciando o cavalo.

Neste momento, um desorientado Michael apareceu na linha e foi levado para a escotilha Cisne por Jack e Kate. ("S.O.S.")

Desconhecendo as intenções traidoras de Michael de ajudar os Outros, Kate concordou em participar do esquadrão para resgatar Walt dos Outros. Kate percebeu que os Outros os estavam seguindo durante a caminhada, o que fez com que Sawyer acabasse atirando em um deles e que Jack ficasse sabendo da verdade sobre Michael. Logo depois disso, os cinco foram cercados, rendidos e capturados pelos Outros e levados até a Balsa Pala, onde Ben devolveu Walt ao pai, junto com um barco para que os dois fugissem da Ilha. Enquanto o barco partia, Hurley foi libertado e mandado de volta ao acampamento com a ordem de que os outros sobreviventes não tentassem resgatar os capturados. Kate, Jack e Sawyer foram feitos prisioneiros dos Outros. ("Live Together, Die Alone")

Dias 68-91 (3ª Temporada)

Katecafedamanha.jpg

Kate com Ben no café-da-manhã.

Logo no começo, já na posse dos Outros, Kate toma um banho para ter um café-da-manhã com Ben. Ele lhe diz que as próximas duas semanas iriam ser muito desagradáveis. Kate é colocada na mesma jaula em que Karl estava, de frente para Sawyer. ("A Tale of Two Cities")

Ela e Sawyer são obrigados a trabalhar em uma espécia de pedreira. É lá que Sawyer beija Kate e quase consegue escapar, mas Juliet acaba apontando uma arma para Kate e Sawyer se rende. Kate e Sawyer começam a gostar mais um do outro, querem escapar, mas não sabem que são vigiados por Ben, Juliet e companhia. ("The Glass Ballerina")

Kate descobre que consegue escapar de sua jaula pelo teto e escapa. Logo depois da primeira tentativa, quando Colleen acaba morrendo, Pickett desconta toda a raiva em Sawyer e espancando-o pergunta a Kate se ela ama Sawyer e Kate acaba dizendo que sim. ("Every Man for Himself") Em uma das tentativas, com medo de que Pickett acaba matando Sawyer, ela tira Sawyer da jaula e o manda escapar. Sawyer então lhe conta que eles não estão na mesma ilha, que estão em uma ilha com o tamanho de Alcatraz. Kate enfurecida pergunta por que ele mentiu para ela e ele lhe diz que queria que ela tivesse esperanças. Os dois então se beijam e acabam tendo uma noite de amor.

Um pouco mais cedo, no mesmo dia, Juliet pede para Kate convencer Jack a fazer a cirurgia em Ben, dizendo que Pickett matará Sawyer do contrário. Kate tenta convencer Jack, (em um encontro emocionante), mas Jack não aceita. Mas quando ele vê Kate e Sawyer em um momento romântico pelos monitores, ele resolve fazer a cirurgia em Ben. Quando ele começa a cirurgia, Pickett e Jason vão matar Sawyer. Jason prende Kate e Pickett está quase atirando em Sawyer quando Tom interrompe pelo walkie-talkie mandando Pickett dar o walkie para Kate.

Katesawyer.jpg

Kate e Sawyer em um momento envolvente.

Jack fala que ela tem uma hora para fugir, ela tenta explicar que não pode, mas Jack apenas a manda escapar. ("I Do") Ela e Sawyer conseguem reverter a situação e prendem Jason e Danny na jaula e fogem. Juliet manda Ivan ir atrás deles e matá-los se necessário, mas a situação se reverte quando Ben acorda durante a cirurgia e manda Juliet ajudar Kate e Sawyer a escaparem. Juliet tenta falar com Danny, mas ele não lhe dá ouvidos. Kate e Sawyer contam com a ajuda de Alex e depois de libertarem Karl de uma "lavagem-cerebral", eles começam a partir em um barco. Danny aparece e está prestes a atirar em Sawyer, mas Juliet acaba matando Pickett. Então, ela manda Sawyer e Kate fugirem com Karl, mas pede para Alex ficar. Pelo walkie talkie Jack manda Kate nunca mais voltar lá para tentar salvá-lo. ("Not in Portland")

Durante a travessia de Kate e Sawyer para a outra ilha, Kate se mostra triste e decidida a voltar para salvar Jack, mas Sawyer não deixa. Quando chegam à ilha principal, Karl lhes conta que eles moram nessa ilha mesmo. Kate e Sawyer começam a ter problemas novamente. Depois de Sawyer deixar Karl escapar ("Stranger in a Strange Land"), ele e Kate têm uma discussão um pouco antes de chegarem ao acampamento. Quando eles chegam ao acampamento, Kate e Sawyer são recebidos com muita alegria por todos os sobreviventes. ("Tricia Tanaka is Dead")

Kate, no entanto, está relutante em deixar Jack para trás e resolve partir para procurar o lugar em que os Outros moram. No meio da selva, à noite, Kate descobre que Locke e Sayid foram junto com ela e eles começam a discutir, quando escutam tiros. É Rousseau que chega. Kate pede ajuda para Rousseau por ela conhecer a ilha muito bem, ainda falando que a menina que a deixou escapar tem 16 anos, se chama Alex e que ela tem certeza que essa menina é a filha de Rousseau. ("Tricia Tanaka is Dead") Quando ela, Rousseau, Locke e Sayid encontram a estação A Chama, ela parece não acreditar no que Mikhail fala.
Katejackreunited.jpg

Kate e Jack conversando um pouco antes de Jack ir pegar o submarino e ir embora.

Ela conversa com Sayid e os dois acreditam que ele está mentindo. Assim que Mikhail fala para eles pararem com esse joguinho e eles lutarem, ela e Sayid descem até a parte subterrânea, e lá Kate é atacada por Bea. Ela luta com Kate e lhe tira a arma, mas Sayid a faz colocar a arma no chão. Quando Kate reconhece Bea da Balsa Pala, ela lhe dá dois socos e fala que ela sabe onde está Jack. Bea não responde nada e Sayid segura Kate. No final do episódio, Kate segue com Sayid, Locke, Rousseau e Mikhail. ("Enter 77")

Enquanto continuam com sua viagem até o lugar aonde os Outros moram, Mikhail diz: "Você é uma total estranha para mim, Kate Austen", indicando que todos Os Outros sabem o nome dos sobreviventes. Quando eles chegam à cerca sônica, Kate quase vai passar por ela, mas Sayid não deixa. Após a morte de Mikhail, que é usado como cobaia na cerca, eles montam uma passagem por cima dos pilares e Kate é a primeira a passar. Após passar, ela vê que está tudo ok e todos os outros passam. Quando chegam bem perto da vila dos Outros, Kate vê Jack correndo em direção a eles e quase corre até ele, mas novamente é impedida por Sayid. Ela percebe que Jack não estava correndo em direção a eles, e sim para pegar a bola de futebol americano que estava jogando com Tom. Kate, ao ver essa cena, fica totalmente paralisada. ("Par Avion")

Depois que anoitece, Sayid, Locke e Kate invadem a Vila dos Outros. Kate foi direto para a casa onde Jack estava hospedado e, assim que o viu, disse que estava lá para resgatá-lo. Jack pede a Kate que vá embora, pois ele estava sendo vigiado, e, no instante seguinte, membros dos Outros invadem a casa e dominam Kate. A sardenta chama pelo nome do médico, enquanto os Outros perguntam quem mais estava com ela e Sayid. Jack diz apenas para que ela responda à pergunta. Incrédula, Kate diz que não havia mais ninguém e é levada para uma espécie de sala de jogos. Ela está tentando se livrar das algemas quando Tom traz Jack. Kate lhe pergunta o que está acontecendo, por que ele está tão passivo com os Outros. O médico conta a ela que tinha feito um trato com os Outros e que iria embora no dia seguinte, mas que voltaria para resgatá-los. Num momento emocionante, Jack e Kate se olham profundamente e o médico diz que não tinha gostado de ela ter voltado por ele, mas que ele voltaria por ela. Jack se vai e Kate continua naquele salão, sem entender nada. ("The Man from Tallahassee")

Left-behind-cap0579.jpg

Kate e Juliet se escondendo do monstro.

Kate está na sala de jogos na Vila dos Outros, algemada e nervosa. Então ela vê alguém vindo e se esconde, tentando atingi-lo, caso aparecesse. É Juliet, que rapidamente se esquiva e a joga no chão. Ela estava trazendo um sanduíche. Mais tarde, Kate está jogando, quando Locke entra para dizer adeus. Ele está "partindo com eles". Locke lhe diz que Jack tem que "ficar para trás", como ela. Ele tenta convencer os outros e levá-la, mas eles sabiam "o que ela tinha feito", e "perdão não é um dos fortes deles". Kate pergunta sobre Jack, Sayid e Rousseau, mas ele não responde e vai embora.

Depois, na sala de jogos, Kate acorda e começa a comer a comida caída no chão. Ela ouve movimentos do lado de fora e vê os Outros arrumando suas malas e colocando máscaras de gás. Então, jogam gás onde ela está, impossibilitando-a de fugir. Ela desmaia. Acorda na floresta, mas está algemada a Juliet, que ainda está inconsciente. Ela vê e pega um canivete no bolso de Juliet, e tenta roubá-lo, mas ela acorda e segura sua mão. Juliet pergunta "o que estou fazendo aqui?", e concorda em soltar o pulso de Kate. A faca é larga demais para abrir as algemas. Kate quer voltar à vila para pegar seus amigos. Juliet parece surpresa que os Outros tenham partido.

Kate insite em querer voltar à vila na noite, embora Juliet tenha dito que iria chover; então de repente começa a chover. Ela diz a Kate para não voltar pelo Jack, e as duas começam a brigar. O ombro de Juliet se desloca e ela grita.
Katedesculpas.jpg

Kate pedindo desculpas a Jack.

Então Kate ouve o monstro, e Juliet pergunta "que diabos é aquilo?". Elas correm e se escondem entre árvores, apavoradas com o som da "coisa" passeando pela selva. Então ele vem sobre elas, fazendo flashes fortes e claros de luz, assim, indo embora. Juliet pergunta se estão bem, e Kate diz "diga-me você". Juliet diz que seu ombro já fora deslocado 4 vezes, e que precisa da ajuda de Kate. Ela diz a Kate sobre haver câmeras nas jaulas do Hydra, e que Jack a viu com Sawyer. Ela disse que Jack não queria que ela voltasse porque ela o magoou.

Kate e Juliet ainda estavam escondidas na manhã do dia seguinte. Kate pergunta se Jack disse que ela o magoou e diz que Juliet não sabe nada sobre ela. Juliet diz que sabe de muita coisa sobre ele, e questiona o que Kate sabe sobre ele. O monstro vem novamente, e elas correm em direção à Barreira Sônica. Juliet diz que a barreira está desligada, mas Kate não vai. Juliet tira a chave do bolso, abre as algemas, passa entre as colunas, e abre um painel de controle no pé de uma delas. Ela chama pela Kate, e quando esta passa, ela ativa a barreira logo que o monstro aparece. Juliet percebe que ele não consegue passar entre o muro sônico e vai embora. Ela diz "nós não sabemos o que é isso, mas sabemos que ele não gosta da nossa cerca". Kate se irrita por saber que a chave estava com Juliet o tempo todo, e que mesmo assim não fez nada para abrir as algemas. Juliet diz que queria que Kate pensasse que elas estavam "nisso juntas", porque não queria ser deixada para trás novamente.

Catch22-cap349.jpg

Kate atacando Sawyer depois de ver Jack com Juliet.

Elas chegam ao quartel, que aparenta estar deserto. Juliet vai procurar por Sayid, e Kate por Jack. Jack está inconsciente em sua casa, que está toda revirada. Ela o acorda e diz que "todos se foram". Ela percebe que por causa de ela ter vindo por ele, Jack não poderia voltar para casa, e pede desculpas. Jack pergunta por Juliet, e Kate diz que eles a deixaram. Ele decide voltar ao acampamento na praia.

Do lado de fora, Jack encontra Juliet. Sayid diz que checou todas as casas, e que todos sumiram, "como se 50 pessoas estivessem simplesmente evaporado". Ele olha para Juliet e diz que "ela não vai conosco", mas Jack discorda, dizendo "eles a deixaram para trás também". ("Left Behind")

Kate foi acompanhar Jack que tinha ido pegar lenha quando o grupo decidiu acampar perto do rio. Quando os dois voltaram, Jack defendeu Juliet de Sayid que a interrogava sobre seu passado com os Outros. A Sardenta se surpreendeu com a atitude do médico. Ao voltar ao acampamento, Kate foi recepcionada efusivamente pelos sobreviventes, em especial por Sawyer que lhe deu um longo e carinhoso abraço. À noite, quando Claire começou a passar mal, ela foi abordada por Juliet, que lhe pediu para chamar Jack, que disse saber como salvar a mãe de Aaron. ("One of Us")

Man-promo26.jpg

Kate assustada quando soube da verdade sobre Jack e Juliet.

Kate estava se vestindo em sua tenda quando foi surpreendida por Sawyer que queria que passassem o dia juntos. Ela nem lhe deu ouvidos e, à noite, comia na cozinha improvisada do acampamento dos sobreviventes quando Jack chegou. Ela puxou conversa e comentou que sentia algo estranho em estar de novo em “casa” e não ter mais que fugir. Jack não deu muita conversa, pediu a ela uma colher e se afastou. Quando juntava a louça para lavar, ela o viu jantando com Juliet. Enciumada, ela foi para a tenda de Sawyer que estava lendo, pulou em cima dele, mandou que se calasse e começou a beijá-lo. Ele não entendeu nada, mas não resistiu e os dois passaram a noite juntos. No dia seguinte, depois de saber da verdade, Sawyer disse que ela não precisava usá-lo, era só pedir. ("Catch-22")

Kate estava ajudando Sun na praia quando a coreana começou a perguntar se Kate confiava na lealdade de Jack para com os sobreviventes, já que ele tinha ficado um semana em companhia dos Outros. A coreana contou que o médico havia feito perguntas sobre sua gravidez e disse que estava com medo de que os Outros estivessem querendo o seu bebê, assim como queriam o de Claire. Então, Kate contou a Sun que, quando Claire ficou doente, Juliet pôde ajudar porque sabia o que estaa acontecendo com ela graças à pesquisa que tinha feito. Sun, então foi procurar Juliet e Kate tentou impedir, mas não conseguiu. ("D.O.C.")

Ep321 24 240x360.jpg

Kate e Sawyer indo até o lugar que Jack queria mostrar.

Algumas noites mais tarde, Kate deixa a barraca de Sawyer no meio da noite, ainda com certo desconforto. No próximo dia, ela encontra Sayid e Hurley tentando consertar o Aparelho de GPS, e Sayid conta sobre Naomi pedindo para ela guardar segredo. Ela vai até Jack e conta tudo, mas questiona o porquê de ter que falar na presença de Juliet. Ela fala sobre a possibilidade de resgate e diz que ninguém mais confia nele. Jack parece não dar muita importância e tenta conseguir mais informações de Kate. Juliet então diz que há algo que Kate precisa saber, mas Jack recusa contar, deixando Kate confusa. ("The Brig")

Kate encontrou Sawyer e Sayid procurando por Juliet em sua tenda e disse que ela não estaria lá, pois tinha saído na noite passada com Jack depois que ela tinha contado sobre Naomi. Sayid perguntou à Sardenta o porquê de ela ter dito e ela respondeu que Jack era médico e tinha o direito de saber. O muçulmano perguntou então se ela sabia onde encontrá-lo e ela respondeu que não e disse que talvez aquela seria a hora de contar a todos sobre Naomi. Sayid mandou que Sawyer tocasse a fita para ela que perguntou curiosa que fita seria. Durante a noite, os sobreviventes estavam discutindo sobre a confiabilidade de Jack, depois de tomarem conhecimento sobre as revelações de Naomi. Kate ouviu atentamente Sayid dizer que Jack não era mais confiável, Sun interferir dizendo que ele nunca faria mal a eles e Sawyer ser contra, apresentando a todos o conteúdo da fita gravada pela médica dos Outros. Ela também viu Jack aparecer logo depois com Juliet que pediu que o verso da fita fosse tocado, revelando que os Outros planejavam atacar o acampamento em dois dias. Kate também ficou sabendo que Jack já sabia que a médica do Outros estava infiltrada, mas que não tinha dito nada porque ainda não sabia o que fazer. ("The Man Behind the Curtain")

Katescared.jpg

Kate, assustada com o mal educado Sawyer.

Kate estava caminhando junto com outros sobreviventes pela mata. Eles seguiam Jack, que tinha dito ter uma ideia para surpreender os Outros. Em certo ponto da floresta, o líder dos sobreviventes parou e disse que Juliet já havia lhe contado há algum tempo sobre os planos de Ben e que, desde então, ele pensava em uma maneira de se defenderem. Nesse momento, ele chamou Danielle e disse que ela estava ajudando em seu plano. Ele contou que Juliet marcaria as tendas, mas ao invés de grávidas, os Outros encontrariam dinamite. Depois da chegada de Karl, durante a reunião com os sobreviventes, Jack perguntou à Kate se o garoto era confiável e ela não disse nem que sim, nem que não. Mais tarde, depois de decidirem o que fazer, a Sardenta se encontrou num breve momento com o médico e os dois se cumprimentaram meio sem jeito e ambos disseram: “Lá vamos nós de novo!”. ("Greatest Hits")

Katejuleskiss.jpg

Kate vendo Jack e Juliet se beijando.

Um breve troca de olhares com Jack foi a última ação de Kate antes de deixar a praia em direção à Torre de Rádio com o demais sobreviventes. Naquela noite, ela e os outros ouviram com apreensão apenas duas das três explosões programadas para acontecer e diante do desespero de todos, Jack disse que tudo estava sob controle e que deviam continuar. No dia seguinte, quando todos pararam em um riacho para se refrescarem, Kate se aproximou de Sawyer e comentou sobre a tensão sob a qual todos estavam sem saber notícias dos atiradores da praia, mas o golpista pareceu não lhe dar ouvidos. Então, ela lhe jogou água, dizendo que ele precisava acordar, pois desde o dia em que encontrou Locke, nunca mais tinha sido o mesmo. Mas ele disse que estava tudo bem e a chamou de “Kate”. Numa última tentativa para chamar sua atenção, Kate disse que Juliet havia se infiltrado no grupo para descobrir as mulheres grávidas e que ela podia estar entre elas. Com bastante frieza, Sawyer disse que deveriam torcer para que ela não estivesse. De volta a caminhada, ela se assustou com o fato de Sawyer ter decidido de repente voltar à praia para saber o que tinha acontecido com os sobreviventes. Quando se ofereceu para ir junto, recebeu um sonoro não como resposta e retrucou dizendo que o golpista há pouco tempo nem queria ir. E de novo recebeu um resposta rude, pois ele respondeu que não queria era ir com ela. Juliet, então, se ofereceu para ir com o golpista e se despediu de Jack com um romântico beijo, o qual Kate ainda teve que assistir.

Iloveyoukate.jpg

"Porque eu te amo". (Jack)

Durante a caminhada, ela parou para tirar pedras dos sapatos e Jack se aproximou para conversar. Ele disse que Sawyer tinha desdenhado sua companhia simplesmente porque queria protegê-la. Sem entender nada, a Sardenta perguntou por que o médico estava defendendo o golpista e ele respondeu: “É porque que eu te amo.” Kate não poderia ter ficado mais surpresa e enquanto Jack continuou caminhando , ela permaneceu sentada, sem entender nada. O grupo, então, foi interceptado por Ben, que pediu para conversar em particular com o médico. Os dois se afastaram e ao voltarem, Jack estava carregando Ben, em quem tinha dado uma boa surra. Ela ainda presenciou a revelação de que Alex era a filha de Rousseau da própria boca do líder dos Outros.

Estranhando as atitudes de Jack, Kate foi perguntar o que tinha havido e ele acabou revelando que Ben tinha ordenado as mortes de Sayid, Jin e Bernard bem na sua frente pelo simples fato de ele não ter querido dar-lhe o Telefone via Satélite. A caminhada continuou morro acima e através do rádio que estava em poder do líder dos Outros, Jack e todos os outros sobreviventes ficaram sabendo que todos na praia estavam sãos e salvos, para alívio geral. Finalmente eles alcançaram a Torre de Rádio e, na sala de controle, Rousseau interrompeu sua mensagem. Naomi resolveu sair para conseguir um sinal e ao detectar um, foi atingida nas costas por uma facada dada por Locke. Ele também tentou impedir Jack de fazer ligação com o mundo exterior, mas não conseguiu. O médico falou através do telefone e pediu que determinassem sua localização e enviassem resgate. Ao ouvir as boas novas, todos, incluindo Kate, ficaram extremamente felizes e emocionados. ("Through the Looking Glass")

Dias 92-108 (4ª Temporada)

Naomikate4x01.jpg

Kate sendo atacada por Naomi.

Kate, assim como os demais sobreviventes, está animada com a possibilidade de finalmente ser resgatada. Porém, quando Naomi desaparece, ela acha o que acredita ser uma trilha. Jack, entretanto, pretende seguir uma diferente trilha achada por Rousseau, e diz a Kate para ela levar o resto dos sobreviventes de volta para a praia. Kate parece concordar e dá um abraço em Jack, mas nesse momento, ela rouba de Jack o telefone via satélite pertencente a Naomi e parte para seguir a trilha que ela achou. Kate descobre estar correta, e depois de uma breve conversa com Minkowski pelo telefone, na qual ela diz que eles estão "procurando por" Naomi, ela é atacada por Naomi, que acredita que os sobreviventes querem matá-la. Kate se esforça para convencer Naomi que Locke a atacou sozinho, e quando Naomi fala pelo telefone com Minkowski, ela não revela como foi ferida.

Depois de Naomi definitivamente morrer por causa do ferimento ocasionando pela facada dada por Locke, Kate encontra os demais sobreviventes na floresta, na cabine do piloto do avião.
Katehelpingdan.JPG

Kate ajudando a carregar o corpo de Naomi.

Kate diz a todos que Naomi está morta e então decide ficar com Jack e os demais sobreviventes que acreditam que as pessoas que estão com Naomi estão vindo para resgatá-los. Ela confronta Sawyer sobre sua decisão de ficar com o grupo do Locke, mas os dois definitivamente se separam. Logo depois, Kate e Jack veêm um homem cair de paraquedas na ilha, aparentemente membro do "grupo de resgate" do cargueiro. ("The Beginning of the End")

Kate e Jack concordam em ajudar Daniel Faraday, o paraquedista, a encontrar os outros membros de sua equipe, que foram forçados a pular do helicóptero por problemas mecânicos. Kate acha que Daniel realmente veio resgatá-los e quando Minkowski pergunta se Dan está no viva-voz e o físico se desculpa, Kate ainda diz que Naomi mentiu por eles. Jack duvida e mostra a Kate que Daniel está com uma arma nas costas. Quando encontram Miles, o caçador de fantasmas finge estar morto e mantém Jack e Kate na mira de uma arma. Kate tenta pegar a arma de Dan, mas Miles a interrompe, perguntando onde estava Naomi, alegando que Kate havia matado a paraquedista. Quando Miles conta que "apenas diga para a minha irmã que eu a amo", é um código para: "estou na mira de uma arma", Kate conta que foi Locke quem matou Naomi, mas diz que ele não está mais com eles agora. Eles levam Miles até o corpo de Naomi e ele, de algum jeito, se comunica com a alma de Naomi e sabe que foi realmente Locke quem a matou. Mesmo com os comentários de Dan, dizendo que Jack e Kate são boas pessoas, Miles ainda tem suspeitas.

Kate tenta conversar com Daniel, para eles abaixarem as armas, mas Miles não aceita. Jack então fala para Miles que seus amigos estão na floresta com armas apontadas para eles. Miles não acredita e então Juliet e Sayid saem atirando e os dois se rendem. Kate parece ficar desapontada que Juliet, sua rival, foi quem os salvou. Mais tarde, quando estão rastreando Charlotte, Kate está prestes a chegar perto da ruiva, quando descobrem que, na verdade, é Vincent, com o transponder de Charlotte amarrado em seu corpo. Logo depois, o grupo encontra o piloto Frank Lapidus e o helicóptero. Kate parece estar feliz ao ver o helicóptero inteiro. Ela ajuda Dan a carregar o corpo de Naomi para junto do helicóptero e fica assustada ao saber que o grupo está, na verdade, procurando por Benjamin Linus. ("Confirmed Dead")

KatetalksJack4x03.jpg

Kate conversa com Jack.

Sayid e Lapidus fazem um trato; se Sayid trouxer Charlotte do grupo de Locke a salvo, então o piloto levará o iraquiano até o cargueiro. Jack não é convidado a ir junto, e então, Kate brinca com ele sobre como é não ser convidado a ir junto. Jack, entretanto, encoraja Kate a ir junto, visto que ele não confia em Locke e que Sawyer a protegeria. Kate, então, se junta a Sayid e Miles na viagem até o quartel.

Chegando lá, Kate escuta gritos abafados vindo de dentro de uma das casas. Com Sayid e Miles, ela investiga o barulho e encontra Hurley amarrado dentro de um armário. Ele diz ao grupo que Locke ficou louco e que o amarrou, e depois iria embora da vila, mas antes passaria na casa de Ben. O grupo vai até a casa de Ben para investigar, e enquanto Kate está investigando o quarto de Ben, Sawyer entra e faz sinal para ela não fazer barulho. Ele diz a Kate que não quer sair da ilha, porque não há nada para ele lá fora. O golpista ainda diz que eles deveriam ficar na vila, já que lá tem tudo o que eles precisam.

Mais tarde, quando Sayid volta com Charlotte, ele diz a Jack que Kate decidiu ficar e o médico fica visivelmente triste com a notícia. ("The Economist")

Kate se muda para a vila na casa de Claire, mas não muito tarde, ela pede a Locke para falar com Miles. Mesmo o careca tendo negado, ela consegue enganar Hurley e descobre onde está o tripulante do cargueiro. Ela exige que Miles conte tudo o que sabe sobre ela. Ele concorda, mas em troca quer que Kate consiga que ele tenha um minuto de conversa com Ben. Usando Sawyer para distrair Locke, a fugitiva consegue que Miles converse com Ben e testemunha Miles pedindo 3,2 milhões de dólares a Ben e em troca, dirá a todos que o líder dos Outros está morto.
Katesawyerhouse.jpg

Kate na casa de Sawyer.

Tendo conversado com Ben, Miles conta o que sabe sobre Kate, que ela é uma fugitiva, que matou o pai, acusada de vários crimes. Quando Kate está levando Miles de volta, Locke aparece e manda Kate voltar para casa. Quando está em sua casa conversando com Claire, Locke aparece e diz a Kate que ela não é mais bem-vinda ali e que terá de ir embora pela manhã. Ela vai até a casa de Sawyer, aonde eles dormem juntos, mas não fazem sexo. Pela manhã, os dois acabam brigando sobre Kate não estar grávida e diz a Kate que ela está procurando uma razão para ir embora. Ele diz que depois de uma semana na praia, ela irá brigar com Jack e voltará aos braços dele. Kate lhe dá um tapa e começa a voltar para a praia. ("Eggtown")

No caminho de volta, Kate encontra Daniel e Charlotte indo para a Tempestade. Ela descobre que eles estão mentindo e encontra suas máscaras de gás, mas Charlotte bate em sua cabeça e Kate desmaia. Jack e Juliet encontram Kate desmaiada e enquanto Jack a ajuda, Juliet foge para a estação Tempestade. Indo atrás de Juliet, Kate conta a Jack que ficou na vila para saber se os tripulantes do cargueiro sabiam que ela era uma fugitiva. Mais tarde, os dois encontram a Tempestade quando Juliet já havia controlado a situação. Kate aponta uma arma para Charlotte, mas a ruiva se desculpa e pede para Kate entrar com ela, para que expliquem que eles acabaram de salvar a todos. ("The Other Woman")

No dia seguinte, Kate, junto de Jack, Juliet, Dan e Charlotte voltam à praia. Sun e Jin vão falar com a morena e perguntam o que aconteceu. Kate conta que Charlotte bateu nela e fala sobre os acontecimentos na estação Tempestade. Ela ainda diz que Juliet mentiu sobre a estação e quando Sun pergunta se eles falaram sobre resgate, Kate diz que eles já falaram de tudo, mas nada tinha a ver com resgate. Mais tarde, quando Sun decide ir até o acampamento de Locke com Jin, ela pede ajuda a Kate. A fugitiva desenha um mapa até o caminho e dá algumas instruções. Kate diz que terá de contar a Jack, mas que dará vantagem a eles. Ela abraça Sun e se despede, mas quando Juliet chega para impedi-los, Kate presencia toda a cena dos três. ("Ji Yeon")

4x10-promo17.jpg

Kate preocupada com Jack.

Kate estava tomando sol na praia quando vê Jack passando. Ela o segue até a barraca e o vê tomando remédio. Eles conversam um pouco até que Bernard pede por socorro. Ela e Jack encontram o corpo de Ray na beira-mar com um corte na garganta. Eles perguntam a Faraday quem ele é e Daniel responde que é o médico do cargueiro. Mais tarde, à noite, Kate está lá quando Jack descobre que Faraday e Lewis estavam mentindo sobre a intenção do cargueiro na Ilha. Ela tenta ajudar Jack quando o estômago dele começa a doer.("The Shape of Things to Come")

Quando a dor de Jack torna-se mais que algo no estômago, Kate fica preocupada. Juliet a recruta para ajudar com a cirurgia de remoção do apêndice de Jack, mas Kate tem problemas com isso; quando Jack começa a sentir muita dor durante a cirurgia, feita sem anestesia geral, ela começa a chorar, e é mandada para fora da barraca. Após a cirurgia, Kate vai vê-lo e encontra Juliet suturando o estômago de Jack. Juliet explica a Kate sobre ela e o beijo de Jack, e Kate está inicialmente chateada. Juliet diz que o beijo foi bom, mas também serviu como prova que Jack "está apaixonado por alguém mais", o que implica Kate. Aliviada, Kate agradece Juliet por salvar a vida de Jack. ("Something Nice Back Home") Na noite seguinte, Kate está presente quando os sobreviventes se reúnem na praia no momento em que ouvem barulho de helicóptero. Assim que Jack pega o telefone que foi jogado do helicóptero, Kate e os outros ficam surpresos quando Jack diz que eles devem segui-los. ("Cabin Fever")

Kate e Jack, ambos armados, seguem o helicóptero pela floresta, rastreando-o através do telefone por satélite. Após caminharem por toda a noite, eles se deparam com Sawyer, Miles e Aaron que estavam voltando para praia. Kate pega Aaron, e ela e Miles retornam para a praia, enquanto que Jack e Sawyer continuam seguindo o helicóptero. Após chegarem na praia, Kate conta as notícias para Sayid, que decide ir atrás de Jack e Sawyer. Kate entrega Aaron para Sun e segue Sayid de volta a floresta. Durante a caminhada, eles encontram rastros que não pertencem a Jack ou Sawyer, indo na mesma direção deles. Kate e Sayid sacam as armas, quando Richard Alpert emerge da floresta, junto com um grupo de Outros armados ao redor deles. Kate e Sayid são desarmados e levados para dentro da floresta. ("There's No Place Like Home: Parte 1")

Kate mais tarde aparece correndo da selva até onde Keamy, Ben e os assassinos estão. Ela afirma que está fugindo dos Outros. Keamy envia seus homens para a floresta e os Outros surpreendem seus homens e os matam. Kate solta Ben de suas amarras. Ela volta para o helicóptero com Sayid, enquanto Ben volta para a Orquídea.

Aaron-kate-lost.jpg

Kate e Aaron, quando encontram Penny.

Kate, Sawyer, Sayid, Jack e Frank e Hurley embarcam no helicóptero e decolam em direção ao cargueiro. Kate fica ao lado de Sawyer. No percurso, Frank percebe que o helicóptero tem um vazamento de combustível, devido a um buraco no tanque causado por uma bala perdida. Como o nível de combustível estava muito baixo, Frank acreditava que eles conseguiriam chegar até o cargueiro. Ele diz que eles tem que eliminar 75Kg. Sawyer beija Kate, sussurra algo em seu ouvido e salta do helicóptero, permitindo aos demais passageiros chegar ao cargueiro.

Eles enchem o tanque e voltam o voo. Enquanto se dirigem novamente para a ilha, uma luz forte preenche o céu e a ilha desaparece. ("There's No Place Like Home: Parte 2")

Fora da Ilha

2005-2007

Com pouco combustível e nenhum lugar para pousar, Frank diz a todos para colocarem coletes salva-vidas e prepararem-se para o impacto. Os sobreviventes nadam em direção à balsa inflável atirada na água por Sayid momentos antes do impacto. Jack, Kate, Aaron, Sayid, Hurley, Sun, Frank e Desmond continuam a flutuar no bote salva-vidas. Quando veem um barco, todos começam a gritar e o barco começa a se aproximar do bote salva-vidas. Neste momento, Jack repentinamente se lembra do que Locke lhe disse sobre terem que mentir sobre o que aconteceu com eles, e compreende que isto deverá ser feito, e rapidamente divide seu plano com os outros no bote. ("There's No Place Like Home: Parte 2")

Kateintheplane.jpg

Kate no resgate.

Após dois dias no Searcher, Kate conversa com Jack sobre Aaron, e ambos decidem que é melhor o menino ficar com ela. Assim, ela dirá que tinha 6 meses de gravidez quando o avião caiu. Jack a apoia e pergunta se, no dia seguinte, quando ele pedir aos outros que também mintam, ela o apoiará. Ela diz que sempre esteve com ele. No dia seguinte, ela o apoia. ("The Little Prince")  ("The Lie")

Uma semana depois, os Oceanic 6 preparam-se para partir do barco de Penelope com uma história falsa bem preparada, enquanto Desmond e Frank permanecem no barco. Os 6 da Oceanic embarcam no bote salva-vidas e se dirigem para a ilha de Sumba. ("There's No Place Like Home: Parte 2")

Durante o resgate dos Oceanic 6, Kate permanece com Aaron no colo o tempo todo. Ela diz ao mundo que ele é seu filho. Em Honolulu, Kate, vendo todos com seus familiares, apenas abraça Aaron bem forte e olha ao seu redor: não há ninguém os esperando. ("There's No Place Like Home: Parte 1")

Kateflf.jpg

Kate na coletiva.

Mais tarde, Kate participa da coletiva dos 6 da Oceanic. A pergunta feita a ela é: "Como foi dar à luz na ilha?". Ela responde que foi assustador. Um repórter sugere que, por ter estado tanto tempo isolados em uma ilha, eles estão com uma ótima saúde. ("There's No Place Like Home: Parte 1")

Kate vai ao aniversário de Hurley e diz a ele que Jack está atrasado. Ela leva Aaron. ("There's No Place Like Home: Parte 1")

10 meses após o Resgate, Kate vai ao funeral de Christian Shephard. Ela encontra Carole, que elogia Aaron sem imaginar que ele é seu neto. ("There's No Place Like Home: Parte 1")

Kate retorna à Califórnia como uma heroína por ter salvo cinco vidas durando o acidente do voo 815 da Oceanic Airlines. Antes de ir a julgamento, Kate realiza o pedido de Sawyer no helicóptero. Ela consegue encontrar Cassidy e vai até a casa da mulher. Lá, Kate conta a verdade sobre os Oceanic 6 e a saída da ilha. Ela fala que Sawyer está vivo e que pediu que a procurasse. Kate também conta sobre Aaron e diz que a verdadeira mãe do garoto está viva na ilha. As duas voltam a ser amigas. ("Whatever Happened, Happened")

4x04 Kate enters.jpg

Kate entrando no tribunal.

4x04 Kate Aaron.jpg

Kate com Aaron.

Entretanto, Kate vai a julgamento por suas ações no passado, (ter matado Wayne). Mesmo depois de Jack testemunhar a favor de Kate, o júri segue contra ela, já que sua mãe, é a testemunha principal da acusação. Kate recebe a visita de sua mãe, ainda doente, que diz que não vai testemunhar contra a filha. Diane fala que tudo mudou depois que ela achou que Kate estivesse morta. Ela pede para conhecer o neto, mas Kate nega. Diane não testemunha por "problemas médicos" e, com isso, a acusação faz um trato com Kate: 10 anos sem sair do estado. Kate diz que, por ter um filho, não sairá do estado. Ao retornar para casa, Jack a encontra. Kate diz que ele deve visitá-la, mas o médico se recusa. Kate fala então que, enquanto ele não aceitar o filho dela e visitá-los, não existirá um encontro entre eles. Chegando em casa, Kate vai ver seu filho, que está dormindo. A criança acorda e chama Kate de mãe. Ela o abraça e o chama de Aaron, que está com 2 anos agora. ("Eggtown")
Bscap0585.jpg

Kate fora da ilha, depois do acidente, se encontrando com Jack.

Um tempo depois, Kate entra em uma relação estável com Jack. Ele se muda para a casa dela e torna-se a figura paterna de Aaron – algo que agrada Kate. Ele pergunta se ela quer casar com ele: ela concorda. Contudo, os problemas deles fora da Ilha começam em um embate sobre as idas e vindas de Kate, relacionadas ao pedido feito por Sawyer no helicóptero. ("Something Nice Back Home")

Após sair da Ilha, John Locke visita Kate na Califórnia. Ela o que acredita que o único motivo dele querer ficar na ilha é porque ele não tem ninguém para amar fora dela. Locke discorda, contando sobre seu relacionamento com Helen, o qual ele diz não ter funcionado porque, no passado, ele era "nervoso e obcecado". Kate responde que ele não mudou muito. ("The Life and Death of Jeremy Bentham")

Algum tempo depois disso, Kate "acorda" em sua casa com o som de passos, mas não vê ninguém. O telefone toca. Uma voz masculina, falando de forma invertida, diz: "A ilha precisa de você. Você tem de voltar antes que seja tarde demais." Ela ouve passos novamente e retira uma arma do armário. Ao conferir o quarto de Aaron, ela confronta o intruso debruçado sobre a cama dele, e descobre que é Claire. Claire adverte Kate para não trazer Aaron de volta para a ilha. Repentinamente Kate acorda, e rapidamente dirige-se ao quarto de Aaron; não há nenhum intruso e nem sinal de Claire. Ela percebe que estava sonhando. ("There's No Place Like Home: Parte 2")

Após receber uma ligação de Jack, um mês após seu encontro com Locke, Kate aceitou se encontrar com ele na frente do aeroporto de Los Angeles. Kate mencionou ter visto Jack nos noticiários, mas logo demonstrou que não queria estar ali. Jack explicou que andava usando o "bilhete livre" que ganhou da Oceanic para viajar a vários lugares, sempre esperando que o avião caísse novamente. Kate explicou que precisava ir embora e voltar para "ele" e se afastou. Jack começou a gritar, dizendo que eles "precisam voltar", mas Kate entra no carro mesmo assim e dá partida. Kate volta com o carro e começa a gritar com Jack. Ela condena Jack por ele querer tanto voltar para a Ilha após passar 3 anos mentindo e por mostrá-la o obituário de Jeremy Bentham. Jack tenta acalmá-la, mas ela se recusa a ouvi-lo. Ela volta para o carro e vai embora ("Through the Looking Glass")  ("There's No Place Like Home: Parte 2")

SunKatehotel.jpg

Kate e Sun no hotel.

2007 (5ª Temporada)

Após isso, dois advogados aparecem na casa de Kate pedindo amostras de sangue dela e de Aaron para confirmar o parentesco entre eles. Kate não dá, e Dan Norton diz que voltará com o xerife. Ela junta suas coisas, pega Aaron, dinheiro, uma arma e foge. ("Because You Left")

Ela pensa em ligar para Jack, mas desiste e recebe uma ligação de Sun. Kate visita-a, e elas conversam sobre seus filhos. Sun diz que não culpa Kate pela suposta morte de Jin. Kate lhe conta dos advogados e Sun manda Kate proteger Aaron a qualquer custo. ("The Lie")

Littleprince06.jpg

Kate vai ao escritório de Dan Norton.

No dia seguinte, Kate vai conversar com Dan Norton. Ela diz que cederá as amostras de sangue com uma condição: ela conversará com o cliente dele antes. Dan diz que oferecerá isso a seu cliente, mas a resposta será com certeza "Não", e manda ela se preparar, pois ela vai perder a custódia do bebê. Ela conversa com Jack no celular sem saber que ele encontrou o endereço dela no bolso de Tony. Então, Jack e Kate seguem Dan Norton até uma cliente sua: Carole Littleton, a avó de Aaron. Kate presume que seja ela, mas Jack conversa com Carole, que na verdade está processando a Oceanic Airlines, e não faz ideia de quem seja Aaron.

Kate e Jack vão até onde Ben mandou Jack se encontrar com ele, e Kate pensa, e descobre que quem pagou Norton para fazer aquilo com ela, tinha sido Ben. ("The Little Prince") Kate questiona o motivo de Ben fazer isso com o filho dela, e Ben responde que Aaron não é filho de Kate. Sun chega mirando uma arma para Ben e manda Kate sair da frente. Kate se assusta e pergunta para a coreana onde está seu filho, o que Sun responde que está no carro. Kate busca Aaron e o coloca no carro dela e quando escuta Ben dizer que eles deveriam voltar para ilha, Kate explode. Ela acusa Jack de estar fingindo o tempo todo sobre estar preocupado com Aaron, apenas para colocar Kate e o bebê nos planos de Ben. Jack tenta argumentar, mas Kate o manda parar de falar, entra no carro e vai embora. ("This Place is Death")

No carro, Aaron diz que está com sede e Kate vai até o supermercado com o filho. Lá, ele muda de opinião e diz querer suco. O telefone de Kate toca e ela o pega para atender. Vendo que é Jack, ela desliga e vai pegar a mão de Aaron novamente, quando percebe que o filho sumiu. Kate começa a se desesperar, procurando por todos os cantos do supermercado e perguntando para ajudantes de lá. De repente, a morena vê uma mulher loira, igual a Claire, segurando a mão do pequeno e corre até lá. A mulher se vira e se vê que não é Claire. Ela diz que estava ajudando Aaron a encontrar sua mãe.

Kate316.jpg

Kate no voo 316.

No dia seguinte, Kate vai até a casa da amiga Cassidy. Lá, Clementine atende a porta e a chama de tia Kate. Kate conta a Cassidy que irá voltar para a ilha e que vai deixar Aaron com a avó dele. Cassidy diz que isso é loucura e que tudo isso aconteceu porque Sawyer partiu o coração da morena, e que por isso, ela pegou Aaron para si. Kate deixa a casa da amiga e àquela noite ela vai até o apartamento onde Carole Littleton está hospedada. A mãe da Claire deixa Kate entrar. Lá, Kate conta toda a verdade para Carole, dizendo que Claire está viva, assim como vários outros sobreviventes, além de contar que Claire deu a luz a uma criança, que é Aaron. Kate conta que voltará para a ilha e que deixará Aaron com Carole. Quando Carole pergunta por que ela irá voltar, Kate responde que irá encontrar Claire. ("Whatever Happened, Happened")

Mais tarde, quando Jack chega em casa, ele escuta barulhos no seu quarto e vai averiguar. Ele descobre que Kate está ali deitada e pergunta o que ela está fazendo e onde está Aaron. Kate pergunta se ele ainda vai voltar para a ilha e diz que irá com ele, mas apenas se ele parar de perguntar onde está Aaron. Jack aceita e os dois se beijam. No dia seguinte, Kate toma café da manhã com Jack e, logo que o telefone toca, ela diz que o verá no aeroporto e vai embora. Já no aeroporto, Kate embarca no voo 316 e se senta sozinha. No caminho, Jack senta ao lado dela e pergunta se não é coincidência que Hurley e Sayid tenham vindo no mesmo voo, e Kate diz que não é por esse motivo que eles estão "todos juntos", mas porque, simplesmente, eles compraram uma passagem. Mais tarde, Kate é acordada pelas turbulências e já se prepara para o que vem pela frente, e, depois do flash, o avião supostamente cai. ("316")


De Volta à Ilha

1977 (5ª Temporada)

Quando Jack está ajudando Hurley a sair da cachoeira, ele avista Kate sobre as rochas e vai até ela. Kate está desacordada, mas Jack consegue fazê-la acordar. Kate levanta e pergunta onde estão Sun, Sayid e Ben e Jack diz para eles procurarem. Kate vê que eles conseguiram voltar a ilha e presencia a chegada de Jin numa Kombi da DHARMA e os três e o coreano se entreolham assustados. ("316")

Jin avisa Sawyer sobre o grupo e o agora chefe de segurança vai até o encontro deles. Em um vale, Jack, Kate e Hurley saem da kombi e olham, felizes e surpresos, para Sawyer também em um uniforme da DHARMA. ("LaFleur")

KatehurleyjackDHARMA.jpg

Kate, Jack e Hurley na recepção da DHARMA.

Kate é a última a cumprimentar Sawyer, com um forte e longo abraço. Kate ouve e descobre que eles voltaram no tempo. Kate ouve a conversa entre Jack e Sawyer, então fica esperando Sawyer trazer roupas para os recém chegados. Ela coloca uma camisa (provavelmente de Juliet) e em seguida volta para a Vila com os "novos recrutas".

Kate, Jack e Hurley são ajudados por Sawyer, e se fingem de novos recrutas da Iniciativa DHARMA, fingindo que chegaram no Galaga. Depois de assistir a Orientação, enquanto Jack é entrevistado por Pierre Chang, Phil vem conversar com Kate. Ele pergunta se ela já foi entrevistada e ela afirma que não. Phil suspeita por que o nome de Kate não está na lista de novos recrutas e nem na lista do submarino, mas na hora, Juliet vem correndo e entrega uma nova lista para ele, dizendo que a pegou de Amy, e que contém o nome de Kate. Phil checa e está tudo OK. Kate e Juliet se cumprimentam como se não se conhecessem. O grupo de "novatos" tira uma foto. Logo após a foto, Kate vê Sawyer, trazer Sayid como prisioneiro. À noite, Sawyer vai até sua varanda e vê Kate, também em sua varanda a algumas casas dali. Ambos acenam. ("Namaste")

No dia seguinte, Juliet observa Kate e Jack saindo de casa e pergunta a Sawyer se algo mudou, ao que ele responde que não. No almoço, Hurley traz comida para Kate e Jack e os três conversam sobre Sawyer e Juliet estarem juntos, algo que parece incomodar Kate. Mais tarde, Juliet mostra as ferramentas de mecânica para Kate, mas a morena não entende muita coisa.
Katesawyer5x11.jpg

Kate conversando com Sawyer sobre Ben.

Juliet pergunta se Kate sabe que ela e Sawyer estão juntos e Kate diz que sim, que Hurley contou. Juliet fica aliviada, pois tinha medo de que, se contasse, Kate pensasse que Juliet queria afastá-la. As duas veem quando Sawyer traz Sayid na kombi. De noite, Sawyer vai até a casa de Kate e pergunta por que eles voltaram. Kate diz que não sabe por que os outros voltaram, mas que sabe o motivo dela mesma ter voltado. Antes de falar, eles são interrompidos pelos barulhos da kombi em chamas. ("He's Our You")

Na mesma noite, Roger pede a Kate que o ajuda a puxar a kombi, antes incendiada, da casa. Kate, que não sabe nada de mecânica, tenta ajudar. Jin chega com o pequeno Ben baleado e Roger diz que ele o garoto é seu filho. Kate fica surpresa em saber que aquele é Ben e que o pai dele está na ilha também. No dia seguinte, Sawyer está procurando por vestígios de Sayid nos monitores quando Kate vai até lá. Ela diz que o garoto era Ben e pergunta se foi Sayid que atirou nele. Sawyer a manda voltar, pois ela não deveria estar ali. Quando Horace chega, Sawyer mente dizendo que estava fazendo algumas perguntas a Kate.

Quando Miles fica cuidando de Hurley, Jack e Kate em uma casa, Sawyer chega para pedir que Jack opere Ben, o que o médico se recusa. Kate fica assustada e pergunta por que ele não irá ajudar. Quando Jack diz que já o salvou uma vez e que fez isso por Kate, a morena diz que gostava mais do antigo Jack do que esse novo, algo que Jack diz que é mentira. Kate decide ir ajudar Ben e sai da casa. Ela vai até a enfermaria onde uma enfermeira avisa Juliet que uma novata veio doar sangue para Ben. As duas conversam e Juliet pergunta o motivo de Kate estar ajudando. Kate diz que Jack não o fez e que ela não gostou. Quando Juliet pergunta se algo aconteceu entre a morena e Jack fora da ilha, Kate diz que eles ficaram noivos, mas que isso não importa mais. Roger chega para ver o filho e Kate diz a Juliet para deixá-lo ficar com ela.
Katebeforejelping.jpg

Kate, antes de ir doar sangue.

Roger conta que Ben pegou suas chaves para libertar o hostil e Kate pergunta por que ele faria isso. Roger conta sobre a história de Ben e sua mãe e sobre como trata o filho e pergunta se Kate tem filhos, ao que ela responde que não.

O sangue de Kate não é suficiente para salvar Ben, e ele irá morrer se ninguém fizer algo. Juliet tem a ideia de levá-lo aos Outros e Kate diz que fará isso. Elas colocam o garoto numa das kombis e Kate não deixa Juliet ir junto, pois a loira tem uma vida ali. Kate dirige a kombi até o perímetro de segurança, onde se encontra a cerca sônica. Lá, ela percebe outra kombi chegando: Sawyer. Ele diz que a ajudará, mas que faz isso por Juliet. Os dois, então, entram na floresta, com Sawyer carregando Ben. Algum tempo depois, eles param para descansar e Juliet conta que foi até Cassidy, que contou a ela sobre Sawyer e ainda diz que a filha do ex-golpista, Clementine, se parece com ele quando ri. Ela ainda conta que Cassidy disse que Sawyer pulou do helicóptero porque tinha medo da vida que teria fora da ilha. Sawyer responde que não conseguiria namorar Kate, assim como não conseguiria ser pai de Clementine. Quando Kate diz que está funcionando com Juliet, ele diz que amadureceu nesses últimos três anos. De repente, os Outros chegam e Sawyer ordena que eles os levem até Richard Alpert.

O grupo de Outros, leva o trio até Richard e ele pergunta se aquele baleado é Benjamin Linus. Sawyer quer saber como os dois se conheciam, mas Richard não fala. Kate pede a Richard que eles ajudem Ben, pois eles não conseguem. Richard avisa que se o fizer, Ben perderá sua inocência, esquecerá o passado e será sempre um dos Outros. Kate e Sawyer dizem que mesmo assim, querem que Richard o salve. Richard pega o garoto e vai embora, enquanto Sawyer e Kate começam a voltar para a vila. ("Whatever Happened, Happened")

Kate e Sawyer voltam pela cerca, e na cerca, Sawyer pede que Miles apague a fita de segurança da câmera 4. Kate chega de volta na enfermaria, e avisa Juliet que entregaram Ben aos Outros, e agradece por ela ter enviado Sawyer. Na hora, chega Roger, às pressas, dizendo que não tinha kombis e trouxe os remédios. Juliet mente, quando Roger ve que o adolescente sumiu, e diz que ela só saiu por 10 minutos e não achou o menino. Mas Roger não acredita e vai até a segurança. Kate depois, tenta confortar Roger, indo beber uma cerveja com ele, dizendo que tudo ficará bem. Roger pergunta por que ela acha, mas ela só diz que ele não deve desistir da esperança. Ao invés de confortá-lo ela levanta suspeitas sobre ela mesma, deixando Roger nervoso. Roger, apos confrontado por Jack, deixa de suspeitar de Kate. ("Some Like it Hoth")

Kateworried.jpg

Kate escutando Sawyer.

Kate participa da reunião que Sawyer comanda em sua casa. Na reunião, estão Sawyer, Kate, Juliet, Jack, Hurley e Jin. Lá, com as mentiras começando a se desmanchar, Sawyer propõe duas coisas: roubar o submarino e sair da Ilha, ou recomeçar do "zero" e acampar na selva ou na praia. Kate não concorda nem discorda de nenhuma opção. Daniel, (que voltou para a Ilha vai à casa de Sawyer, e fala com os que estão lá: Sawyer, Kate, Juliet, Jack, Hurley, Jin e Miles. Ele pergunta se eles sabem onde os Hostis estão. Jack diz a Kate que ela, pediu que ele nunca perguntasse porque ela voltou e o que ela fez com Aaron, mas sabe que o motivo não está em 1977. Sawyer discute um pouco, mas Kate revela que sabe. Daniel diz que precisa falar com sua mãe, Eloise, que é uma hostil. Quando Sawyer pede a Kate que fique com ele, chamando-a de sardenta, Juliet conta o código da Cerca Sônica. Daniel, Kate e Jack partem em direção aos Hostis.

Os três param na oficina para pegar armamentos. Kate entrega uma arma a Dan, mas ele pede algo mais fácil de usar. Ela então entrega uma pistola. Enquanto estão lá, Stuart Radzinsky e outros dois membros da DHARMA chegam armados, e, pergunta o que eles estão fazendo lá. Durante um verdadeiro interrogatório, Stuart percebe que Daniel está armado, e o manda se entregar. Daniel se recusa a fazer isso, e em meio a ferramentas, galões de gasolina, kombis e jipes, Kate, Dan e Jack começam um tiroteio contra Radzinsky e dois desconhecidos. Um dos tiros acerta o pescoço de Daniel, de raspão, mas ele ainda consegue se mover. Daniel também acerta Stuart. Kate manda os dois irem até o Jipe da DHARMA, e Jack, para ganhar tempo, atira em um barril de gasolina, causando uma explosão. Os três pegam um jipe, e rapidamente, vão para a Cerca. Kate a desativa, dizendo que lembra o código.

Katedanjack.jpg

Kate, Daniel e Jack indo até Os Outros.

O grupo atravessa a cerca e vai até A Linha. Kate, ouve Jack questionar a arma, já que Daniel só quer falar com a própria mãe. Daniel diz que Jack não conhecesse sua mãe. Dan diz que em 4 horas, o grupo de pessoas na Estação O Cisne, irá perfurar um local e acidentalmente irá liberar um enorme acúmulo de energia. Os resultados serão catastróficos. Para conter essa energia, o local deverá ser colocado sob muito concreto, assim como em Chernobyl. O local que eles construirão em volta desse lugar, será o que eles vão achar e chamar de A Escotilha. Ele diz que, por causa desse pequeno, porém catastrófico acidente, a DHARMA, passará os próximos 27 anos apertando um botão, e um dia o amigo deles, Desmond, não apertará esse botão, fazendo o Voo 815 cair na Ilha, e porque o avião caiu na Ilha, um cargueiro será mandado para a Ilha. Tudo isso, começará nessa tarde. Mas Dan acha que pode mudar tudo. Dan, então, revela que acha que pode conter e destruir a energia sob O Cisne, sendo assim, a DHARMA nunca terá que construir a Escotilha e o avião pousará em Los Angeles, anulando tudo que já aconteceu. Ele planeja fazer isso, detonando uma Bomba de Hidrogênio.

Katesurrended.jpg

Kate é rendida por um dos Outros.

Kate diz a Jack que acha loucura, simplesmente cancelar tudo que já ocorreu com eles, mas Jack diz que sumiu de um avião no ar, e parou em 1977: ele está se acostumando a loucuras. Ao chegarem ao acampamento hostil, Jack tenta impedir Dan de ir sozinho, mas Kate manda Jack ficar quieto e Dan desce sozinho. ("The Variable") Enquanto observam Dan, Kate diz que ele é louco, ao que Jack diz que não. Enquanto conversam, Daniel leva um tiro no peito de Eloise e Jack tenta correr para lá. Kate o segura, dizendo que ele será morto também e os dois começam a correr. Entretanto, um homem a cavalo chega e nocauteia Jack e outro manda Kate ficar quieta.

Eles são levados para Eloise e Richard e explicam toda a situação, Eloise manda levá-los para sua barraca. Lá, Jack e Kate discutem sobre o plano a seguir. Jack quer evitar tudo, e explodir a bomba, sendo assim, o avião aterrissaria em Los Angeles e ninguém morreria, mas Kate fica relutante, pois assim ela não teria conhecido Jack nem Sawyer. Jack diz que todas as coisas ruins não aconteceriam, mas Kate diz que coisas boas também aconteceram. Eloise chega e eles contam o plano, e ela diz que os ajudará, pois aceita que eles sejam do futuro e que acabou de matar o próprio filho. Eloise diz para Richard e Erik irem juntos e quando Jack pergunta quem é o homem falando com Eloise, Richard responde que é Charles Widmore e Jack e Kate observam assustados.

Kateinthesub.jpg

Kate com Juliet e Sawyer no submarino.

Quando chegam em um lago, Kate diz que não irá com eles. Ela diz a Jack que não pode continuar com isso e começa a ir embora. Erik aponta a arma pra ela e diz para Kate parar, como ela não para, um tiro é ouvido. Kate se assusta e olha para seu peito, mas vê que não foi ferida; era Sayid que apareceu matando Erik. Sayid, Jack e Kate conversam sobre apagar os três anos em que eles estiveram ali. Sayid diz que mudou as coisas matando Ben, mas Kate conta a verdade dizendo que ela e Sawyer salvaram o pequeno Ben. Quando Sayid pergunta por que, Kate diz que atirar em crianças e explodir bombas de hidrogênio não são as coisas certas para se fazer. Jack diz que sabe que está certo e que eles estão alí para mudar as coisas, para salvar o pessoal, pois esse é o destino deles. Kate diz que ele está parecendo com Locke e que o médico havia dito antes que achava Locke louco e agora age como ele. Kate diz que voltará à vila, pois, se ela não pode parar Jack, talvez eles possam.

KATE-promo5x16.jpg

Kate espera Jack e Sawyer conversarem sem saber que eles estão brigando. ("The Incident")

Mais tarde, quando Sawyer e Juliet estão no submarino, Phil traz Kate dizendo que Horace também quer que ela vá embora. Eles prendem-na junto ao casal e Kate olha para eles e os cumprimenta, enquanto Sawyer e Juliet trocam olhares. ("Follow the Leader")

Com o submarino saindo da Ilha, Kate convence Juliet e Sawyer que eles precisam impedir Jack de detonar a bomba de Hidrogênio na Ilha. Eles lutam para fugir e forçam o capitão a emergir o submarino, para eles saírem de lá e o instruem a continuar sua rota depois. Quando eles chegam à Ilha, Vincent vem correndo da floresta, e logo em seguida, encontram Rose e Bernard, que têm vivido a vida de seus sonhos, pelos últimos três anos. Kate pede a direção a direção da Vila, e Rose a aponta. Kate, Juliet e Sawyer interceptam Jack e os demais sobreviventes no caminho deles para O Cisne.

Depois de Jack e Sawyer brigarem, Kate cuida de Jack e finalmente muda de idéia sobre ajudá-lo, quando ele a convence que estará ajudando Claire. Com junto dos demais do grupo, Kate participa do tiroteio na Cisne enquanto ele vai até o poço e joga a bomba. Quando a bomba falha em detonar, uma carga de eletromagnetismo sobe, puxando metálico em volta. Correntes se enroscam em Juliet, e Kate tenta soltá-las para ela. Ela segura Juliet, que está sendo puxada para o poço, até Sawyer ir lá e segurá-la pela mão, tentando desesperadamente salvá-la, mas Juliet, chorando, diz a Sawyer que o ama muito e cai no buraco. Kate puxa Sawyer para longe dali, antes da broca ser inteiramente puxada. Momentos depois, a bomba detonou. ("The Incident")

2007 (6ª Temporada)

6x01 Kate.jpg

Kate está de volta em 2007. ("LA X, Partes 1 & 2")

Kate abre os olhos lentamente, acordando depois de ter sido transportada novamente para 2007. Ela se desequilibra e escorrega pelo lado de uma galho. Ela se segura a tempo de não cair de uma árvore imensa onde ela está quase no topo. Há algo errado com sua audição, pois todos os sons que ela ouve estão muito abafados. Quando ela desce da árvore, sua audição volta ao normal e ela é abordada por Miles que aparentemente está com problemas de audição também. Ela olha para lado e reconhece, meio escondida pelo mato, a antiga porta lateral da Cisne. Ela então corre morro acima com Miles e eles descobrem as ruínas da estação, do jeito que ficou depois que Desmond a explodiu em 2004. Ela olha para o lado e descobre Jack e Sawyer desmaiados no mato. Ela acorda Jack, que abre os olhos perguntando onde eles estão. Kate responde que estão na escotilha e Jack parece surpreso por ela ter sido construída. Sawyer aparece e dá um chute no rosto de Jack, que rola para dentro do buraco. Sawyer acusando Jack de ter matado Juliet.

Kate está tentando separar os dois, quando Jin chega pedindo para Jack voltar para ajudar Sayid, que está morrendo. Eles então ouvem a voz de Juliet no fundo de um poço, no centro do terreno e coberto por destroços e começam a tentar salvá-la. Há uma viga pesada no caminho, que eles retiram com a ajuda da kombi e uma corrente. Sawyer então desce para salvar Juliet, sem antes avisar a Kate que, se Juliet morrer, ele vai matar o Jack. Momentos depois, Sawyer sai do buraco carregando o corpo de Juliet.

Na manhã seguinte, Kate se oferece para ajudar Sawyer a enterrar Juliet, mas ele recusa e pede para que ela vá com os outros levar Sayid ao Templo para tentar salvar a vida dele. Quando chegam no templo, todos descem pelo buraco mostrado por Jin e começam a andar pelos túneis. Kate vai frente e começa a ouvir os sussurros e então é levada por pessoas estranhas que estão lá embaixo, que também capturam Hurley, Jack, Jin e Sayid. Na verdade, essas pessoas são os Outros, o grupo remanescente do Templo.
HurleysendedbyJacob.jpg

Kate surpresa ao Hurley falar que Jacob os enviou. ("LA X, Partes 1 & 2")

Kate é feita de refém, e é salva quando Hurley diz para os Outros que eles foram mandados por Jacob. Kate é obrigada a dizer seu nome, e assiste enquanto os Outros tentam curar Sayid, mergulhando-o numa fonte. Ela, junto de seus amigos, quando veem Sayid se debatendo na água, os manda tirarem de lá, e assiste Sayid morrer. Mais tarde, quando Sawyer e Miles são capturados, Kate limpa os ferimentos de James, e o ouve dizer que não mataria Jack. Kate fica com os demais sobreviventes remanescentes no Templo quando os Outros os mantêm lá dentro para protegê-los do Homem de Preto. Pouco tempo depois, Kate estava dentro da sala da Fonte, quando Sayid ressuscitou. ("LA X, Partes 1 & 2") Enquanto Jack, Jin, Hurley e Miles lidavam com a ressurreição repentina de Sayid, Sawyer decidiu deixar O Templo, apesar de Dogen pedir para que ele ficasse. Enquanto Os Outros e Jack discutiam, ele aproveitou, atirou para o alto e deu a ordem restrita para Kate que não o seguisse.
KatelistentoSawyerplan.jpg

Kate ouve Sawyer dizer que ela não deve segui-lo. ("What Kate Does")

Kate não se importou. Se voluntariou para ir buscá-lo, deixando Jack preocupado, até que Jin se voluntariou para acompanhá-la. Lennon não soube porque Kate pensava que poderia trazer Sawyer de volta, mas ela respondeu que podia ser muito convincente quando quisesse.

Aldo apressou Kate para que eles fossem logo. Jack, disse para Kate tomar cuidado e só não ia com ela porque senão, Sawyer o mataria. Na selva, Kate liderou Jin, Aldo e Justin pela mata, e começou a perguntar coisas para Aldo. Por exemplo "De quem vocês estão nos protegendo?". Aldo respondeu que era de uma "fumaça negra que faz barulho de chocalho". Logo, Justin segurou Kate, evitando que ela pisasse em um fio, que parecia conectado a uma armadilha. Jin, supôs que fosse de Danielle, mas Justin logo negou, contradizendo que ela estava morta há anos, antes de dizer de quem a armadilha era, Aldo o interrompeu. Kate e Aldo começaram a discutir, e Aldo lembrou a Kate a vez que ela o nocauteou na Ilha da Hidra. Imediatamente, Kate o fez novamente, derrubando Aldo e Justin. Jin ficou confuso, mas Kate deu a desculpa que estava fugindo, e pretendia seguir Sawyer, mas não levá-lo de volta ao Templo para ser prisioneira. Jin a disse que precisava encontrar Sun e Kate retrucou que Os Outros não se importavam com ela, ele, Sawyer ou Sun. Jin então, perguntou com quem Kate se importava. Kate o deseja boa sorte, e os dois então, se separaram.

Kate encontrou Sawyer na Vila, na mesma casa em que ele viveu com Juliet de 1974 a 1977, enquanto estavam nessa época. Ele estava nervoso e quebrando o chão, para pegar uma caixa, que ele escondeu 30 anos antes. Kate o observou na surdina, e depois de desistir de falar com ele, ele a percebeu. Logo, os dois se sentaram na doca. Sawyer ficou chorando, enquanto Kate se desculpou por ter seguido-o. Ela disse que tinha voltado para a Ilha para encontrar Claire e então, poder reuni-la com Aaron, para tudo que eles tivessem passado não ser em vão. Em seguida, Kate se desculpou pela morte de Juliet. Ela o disse que era culpa dela, por ter entrado no submarino e convencido-os a voltar. Mas Sawyer culpou a si mesmo, dizendo que não devia ter pedido que Juliet ficasse com ele na Ilha, porque ele não queria ficar sozinho, mas "aparentemente, algumas pessoas são destinadas à solidão". Ele não mostrou interesse no plano de encontrar Claire e disse para Kate que ela chegaria ao Templo até o anoitecer. Ele jogou o anel no mar, e voltou para sua antiga casa. Kate começou a chorar, e logo encheu seu cantil. ("What Kate Does")

Kate se encontra com Jack e Hurley, quando estes estavam indo para o Farol, a mando de Jacob. Inicialmente, ela não os reconhece e aponta sua arma para eles, mas depois, quando ela percebe quem são, ela os informa que Jin voltou ao Templo e Sawyer está por sua conta própria. Ela diz também que não quer de jeito nenhum voltar ao Templo, e que está determinada a encontrar Claire. Jack então fala que Claire não está no acampamento da praia, e que o pessoal do Templo alertou que tinha acontecido algo de estranho com ela. Ele então convida Kate para ir com eles ao farol, ao que ela diz recusa, para o alívio de Hurley, que recebeu a ordem de não chamar ninguém além de Jack para aquela missão. ("Lighthouse")

Kate-achaClaire260.jpg

Kate vê Claire no "buraco".

No caminho de volta ao Templo, Kate encontra Sayid e pergunta se ele estava de partida e Sayid responde que não tem certeza, ela também pergunta o que perdeu e Sayid pede para ela perguntar para Miles. Kate chega ao Templo e vai direto conversar com Miles que está jogando baralho, Miles pergunta a Kate se Sawyer a mandou embora, Kate não responde e Miles fala que também pensou em ir atrás dele, mas ele sabia que Sawyer acabaria o repreendendo até ele desistir e voltar, então pergunta se isso aconteceu a Kate, e a mesma responde que mais ou menos. Kate pergunta a Miles o que aconteceu no Templo e o mesmo responde que Claire veio até o Templo algumas horas atrás e que ela parecia estranha, Kate pergunta onde ela está Miles não responde. Kate adentra no Templo a procura de Claire e Lennon a encontra perguntando onde ela estava e se Sawyer e Jin estavam com ela, Kate ignora as perguntas e pergunta a Lennon onde está Claire, Lennon não responde então Kate o joga na parede e pergunta outra vez onde está Claire, Lennon pede para ela o solta-lo, Kate o solta e o mesmo a leva até Claire que está presa em buraco, Lennon avisa a Kate que ela tem dois minutos, Kate chama Claire que fica feliz em ver Kate. Kate pergunta a Claire porque a colocaram naquele buraco e Claire fala que eles roubaram Aaron dela, então Kate fala que Aaron não está com eles, que ela mesma o levou para fora da ilha e o criou, Claire fica surpresa, e Kate continua falando que voltou para resgatar Claire, para ela ficar com Aaron e Claire fala que não é ela que precisa ser salva, Lennon chega e fala que acabou o tempo e tira Kate dali, enquanto Kate vai embora, Claire grita que "ele" está chegando. Já à noite, Kate ouve o barulho do Monstro e vai até o pátio e avisa Miles que eles têm que ir agora, então O Homem de Preto em forma de fumaça surge, Kate fala para Miles correr, eles correm até mais adentro do Templo, então Kate fala que tem que salvar Claire e vai atrás da mesma. No buraco, Kate joga uma escada para Claire, mais a mesma não quer sair dali, avisando que elas duas estarão mais seguras ali, O Monstro aparece e Kate se pendura no buraco para não ser atacada. Depois que tudo se acalma Kate e Claire sai do buraco. Kate segue Claire e Sayid até fora do Templo onde se encontraram com John Locke. ("Sundown")

6x08 KatesUpsetAboutClaire.jpg

Kate estranha o ataque de Claire. ("Recon")

Kate seguiu O Homem de Preto, sob a forma de John Locke, até o esconderijo de Claire, onde estavam Sawyer e Jin. Kate entrou na cabana de Claire e questionou-a sobre um esqueleto de animal num berço. Claire segurou a mão de Kate por alguns segundos enquanto O Homem de Preto explicou para Zach e Emma que o Monstro tinha matado as pessoas no Templo. Depois, Kate foi conversar com Sayid, que a tratou estranhamente, aparentemente sem emoções, quando ela perguntou sobre confiar ou não em Locke, quando Claire a atacou por trás com uma faca, colocando-a em seu pescoço. Sayid permaneceu parado, observando, quando O Homem de Preto veio e jogou Claire para trás. Ele deu um tapa em seu rosto e perguntou se Kate estava bem. Ela gritou furiosamente que não.

Mais tarde, O Homem de Preto veio pedir desculpas para Kate. Ele diz que a culpa foi sua, por ter dito para Claire que Os Outros tinham levado Aaron, para que ela não ficasse devastada, e o ódio a fizesse se manter firme. Infelizmente, a raiva foi descontada em Kate, e ainda diz que incluiu Kate quando disse que protegeria todos que o seguiram. Ela conclui que aquilo é muito "emocionante", vindo de um homem morto. Depois que Kate pergunta para onde O Homem de Preto tinha levado Sawyer, O Homem de Preto levou Kate até a praia e lhe mostrou a Ilha da Hidra. Então, ele lhe disse que teve uma mãe. Só que ela era louca e por causa disso, teve vários traumas. E completa, dizendo que Aaron, agora também tem uma mãe louca.

KateandtheMiB.jpg

Kate conversa com O Homem de Preto. ("Recon")

Na selva, momentos mais tarde, Claire encontrou Kate e se desculpou pelo ataque, dizendo que agora entendia que tudo que ela fez, ela fez por se preocupar com ela e Aaron. Kate ficou um tanto quanto defensiva de início, mas Claire começou a chorar e abraçou Kate.

De noite, Kate ficou olhando uma fogueira no acampamento. Sawyer chegou perto dela e ela lhe perguntou por que ele estava cumprindo missões para Locke. Saywer então lhe disse que não tinha "lado". Então, lhe contou que Charles Widmore chegou na Ilha, e que ele ia levar O Homem de Preto até ele, porque enquanto eles estivessem lutando uns com os outros, ele e ela aproveitariam a distração para sair da Ilha, usando o submarino de Widmore. ("Recon") No dia seguitne, dardos tranquilizantes acertam o acampamento inteiro. Naquela noite, Hugo, Jack, Sun e Frank chegaram ao acampamento e Kate ficou feliz de vê-los de volta. ("The Package")  ("Everybody Loves Hugo")

Kate100.jpg

Kate observa Jack se tornando o novo protetor da luz. ("What They Died For")

Kate contou discretamente para Sun o plano de Sawyer de enganar O Homem de Preto. Sawyer e Kate foram até o Elizabeth e embarcaram junto com Jack, Sun, Hurley e Frank. Então, Claire os seguiu, armada com um rifle, e Kate a apressou pedindo para que se juntasse na fuga com eles e também se desculpando por ter criado Aaron. Claire embarca e eles começam a navegar até a Ilha Hidra. No meio da viagem, Sawyer pediu para que Kate os navegassem para que ele pudesse falar com Jack, quem acabou pulando do veleiro, e Sawyer se recusou a voltar por ele. O veleiro chegou à ilha Hidra, onde o time de Widmore os capturou. Numa tentativa de fuga, Sawyer pegou a arma de Seamus, mas Widmore colocou uma arma na cabeça de Kate, forçando todos a entrarem numa jaula. Ali, Sawyer explicou para Kate que ela não era uma candidata. De repente, a energia da estação DHARMA foi cortada, e o Monstro apareceu e matou os soldados de Widmore. Kate tentou pegar as chaves da jaula no bolso do corpo de Seamus, já morto pelo ataque, mas Jack os libertou e eles foram ao avião da Ajira. O Homem de Preto, tendo encontrado explosivos dentro do avião, sugeriu um novo plano de deixar a ilha pelo submarino, onde eles engajaram um tiroteio com os homens de Widmore. No meio dos tiros, Kate é atingida7 e levada até o interior do submarino. Então, os sobreviventes acharam uma bomba na mochila de Jack, e Sawyer a acionou. Sayid correu com a bomba em mãos para uma parte mais isolada do submarino, mas acabou abrindo um grande buraco que afundou o submarino. Seriamente ferida, Kate foi levada por Hurley até a praia. Lá, os dois encontraram Jack e Sawyer na areia, e Jack deu-lhes a notícia da morte de Sun e Jin. Mais tarde, Jack costurou o ferimento de Kate, e ela refletiu sobre Ji Yeon. Na noite seguinte, Hurley guiou Kate e os outros até Jacob, onde Kate perguntou sobre os candidatos. Jacob disse que o nome de Kate foi riscado por ela ter se tornado mãe, mas mesmo assim estaria livre para aceitar a função de proteger a luz, substituindo Jacob. Porém, Jack aceita a proposta. ("The Last Recruit")  ("The Candidate")  ("What They Died For")

Depois das cinzas de Jacob queimarem, Kate foi com Jack e Hurley, para encontrar o Coração da Ilha. Depois, o grupo reencontrou Sawyer. Os quatro, acidentalmente encontraram O Homem de Preto, e Kate começou a atirar contra ele, culpando-o pelas mortes de Jin, Sun e Sayid, mas ele aconselhou que ela economizasse as balas, que não faziam efeito nele. O Homem de Preto, Jack e Desmond, foram até o Coração da Ilha e Kate os esperou com os demais perto dali. Quando a tempestade começou, depois de Desmond "desligar" o Coração da Ilha, Kate alcançou-os num barranco próximo, onde eles estavam lutando. Ela atirou no Homem de Preto - agora, com a Ilha "desligada", mortal - dizendo que economizou a bala e deu a Jack a chance de chutá-lo do barranco. Jack resolveu voltar até o Coração para religá-lo e impedir que a Ilha afunde, então ela e Jack despediram-se, confessando seu amor, um pelo outro, ela pede que o encontre novamente, eles se beijam e partem. Ela e Sawyer seguiram até o barco que O Homem de Preto usaria para sair da Ilha e navegaram até a Ilha da Hidra, chegando logo quando Frank se preparava para decolar o avião da Ajira. Os dois encontraram Claire na praia, depressiva, mas conseguiram convencê-la a voltar para a civilização com eles. Juntos, Kate, Sawyer e Claire, chegaram até o avião a tempo de embarcar nele, antes de Frank Lapidus levantar voo. Kate, Sawyer, Claire, Frank, Richard e Miles conseguiram sair da Ilha usando o avião da Ajira e voltaram até a civilização. ("The End")

Depois da Ilha

É desconhecido o que aconteceu com Kate depois que ela deixou a Ilha. Entretanto, é presumível que ela tenha cumprido sua promessa e ajudado Claire a cuidar de Aaron. Também é possível que Kate tenha mantido contato com Sawyer, Cassidy e Claire por vários anos depois de sair da Ilha. E por último, é bastante provável que Kate tenha sido presa, por quebrar o acordo de passar dez anos na Califórnia. Sob circunstâncias desconhecidas, Kate morreu. ("The End")  ("Whatever Happened, Happened")  ("Eggtown")

Pós-Vida

Ao passar para o purgatório, o espírito de Kate se esqueceu de tudo que havia acontecido enquanto ela estava viva.

No Pós-vida de Kate Austen, ela tentou matar seu pai, mas acabou matando uma outra pessoa, Ryan Milder, um encanador, com uma explosão. A bordo do voo 815, ela ainda está sendo levada de volta para Los Angeles por Edward Mars, o agente federal, e esbarra em Jack Shephard ao sair do banheiro do avião. Ela se desculpa e é levada por Edward de volta ao seu assento, onde a comissária de bordo lhe serve um prato de lasanha. Edward retira os talheres de metal de Kate e neste momento, Sawyer esbarra no braço de Edward. Sawyer pede desculpas, mas consegue ver as algemas de Kate antes dela esconder os braços debaixo da mesinha. ("LA X, Partes 1 & 2")


6x01 ImCaptured.jpg

Kate anda com Edward Mars pelo avião. ("LA X, Partes 1 & 2")

Depois que a avião pousar, Kate e Edward saem do avião e passam pela alfândega. Kate pede então para usar o banheiro, e depois de entrar em uma cabine reservada, tenta se libertar das algemas usando uma caneta que ela roubou de Jack ao se esbarrar com ele no avião. A tentativa é falha, e Edward percebe o que Kate está tentando fazer.
KatecabClaireDriver.jpg

Kate sequestra o táxi com Claire e um motorista desconhecido ("LA X, Partes 1 & 2")  ("What Kate Does")

Ela acaba o fazendo desmaiar, batendo sua cabeça na pia, e tenta achar as chaves em seu paletó, mas duas mulheres entram no banheiro e Kate, dizendo que Edward havia tentado a atacar, sai do banheiro correndo com as algemas escondidas de baixo de uma blusa e com a arma de Edward. Ela corre até um elevador em que Sawyer está dentro e este vê que ela está de algemas, mas ele não a entrega mesmo depois que guardas do aeroporto também entram no elevador, ele na verdade a ajuda sair sem ser notada. Kate então consegue sair do aeroporto usando uma saída de funcionários e consegue embarcar em uma táxi instantes depois de ser localizada por Edward , que corre velozmente em sua direção. O motorista do táxi diz para Kate sair, pois ele já tem uma passageira mas ela aponta a arma roubada de Edward para a cabeça do taxista e este acelera antes de Edward alcançá-los. ("LA X, Partes 1 & 2")
Katetakemycreditcard.jpg

Kate e Claire se tornam amigas. ("What Kate Does")

Kate, com Claire Littleton e o Taxista, consegue fugir do aeroporto. No primeiro semáfaro, o taxista aproveita que Kate se distraiu, e foge. Nervosa, Kate manda Claire sair rápido e vai em frente com o táxi. Ela desce depois de encontrar um mecânico e pede a ele um martelo pneumático, mantendo-o sob a mira de sua arma. Mas ele responde que ela não conseguiria abrir as algemas com o martelo. Ela precisaria de uma punchadeira, e não poderia usá-la apontando a arma para ele. Logo, Kate lhe pagou US$20 e ele abriu as algemas dela. Kate se trocou em sua garagem e olhou na bagagem de Claire, uma foto dela grávida, e um brinquedo de bebês. Comovida, Kate levou a mala de volta para Claire, e conseguiu encontrá-la no mesmo lugar onde a deixou antes. Claire, constrangida, agradeceu e falou que estava esperando um ônibus. Kate lhe ofereceu carona e depois de pensar um pouco, aceitou. Juntas, ela foram até a casa dos Baskum, o casal, para quem Claire daria seu bebê. Kate foi com Claire até a porta. Em prantos, Lindsey Baskum as atendeu, dizendo que sua vida estava complicada, pois seu marido tinha a abandonado e não conseguiria cuidar do bebê sozinha. Claire ficou sem saber o que fazer e Kate perguntou se a Sra. Baskum não podia ao menos ter ligado. Claire então, entrou em trabalho de parto.


6x08 DaguhterOfABitch.jpg

Kate é pega por James e Miles. ("Recon")

Imediatamente, Kate levou Claire até o hospital. Lá, o Dr. Ethan Goodspeed disse a Claire que poderia dar a luz ao bebê; se ela quisesse. Claire ficou confusa, mas o Dr. Goodspeed lhe disse que como ainda faltava um mês para completar a gestação, poderia retardar o nascimento, com drogas, que apesar da preocupação óbvia de Claire, eram seguras. Claire preferiu esperar mais para ter o bebê até que os batimentos dele pararam. Claire ficou desesperada, gritando, até sem querer dizer "O que está acontecendo com meu bebê? O que está acontecendo com Aaron?". Porém, era apenas um erro na máquina, já que o bebê tinha se mexido.

Algum tempo depois, uma detetive, Rasmussen veio procurar Kate, sob o nome de Joan Hart, mas Claire fez questão de protegê-la e dizer que era apenas a taxista e já tinha ido embora. Kate ouviu do outro lado da porta, e veio agradecer Claire. Claire lhe disse que ela deveria agradecer, já que Kate não precisava fazer o que tinha feito. Kate repete as mesmas palavras. Claire então, oferece seu cartão de crédito a Kate, dizendo que o limite é baixo, mas já é algo. Kate inicialmente recusa, mas logo aceita, e diz que Claire deveria ficar com o bebê e vai embora. ("What Kate Does")

Uma semana depois, Kate continuava em fuga. Eventualmente, ela bateu o carro num outro e teve de continuar fugindo a pé. Ela correu por dois quarteirões antes de finalmente ser pega pelo oficial James Ford. ("Recon").

Kate e James se reconheceram logo, afinal tinham se encontrado anteriormente no elevador. Na delegacia, Kate começou a conversar com James, percebendo que ele não queria ser descoberto - sobre estar na Austrália -, mas o detetive foi interrompido por Miles Straume, que o chamou, para que eles fossem prender Sayid Jarrah. ("The Last Recruit")

Na delegacia, Kate ficou presa em uma cela ao lado da de Sayid, e mais tarde, Desmond. Antes de entrar no carro para ser transportada para a prisão federal, ela tenta convencer James a deixa-lá ir. Mas ele não deixa. No caminho para a prisão, Desmond começa a falar sobre libertar ela e Sayid, mas Kate encara como se ele estivesse louco. Kate e Sayid concordam em fazer um favor para Desmond, se ele os libertar. Então o carro-forte para. A policial Ana Lucia Cortez os liberta, e recebe suborno de Hugo Reyes, amigo de Desmond. Desmond então, pede que Kate entre no carro de Hurley com ele, pois eles vão em um concerto. ("What They Died For")

No concerto, eles sentaram ao lado de Claire, para a surpresa de Kate. Quando Claire foi ate o banheiro, Kate a seguir e Claire entrou em trabalho de parto. Kate a ajudou a dar a luz ao bebê, e durante o processo, ambas se lembraram do tempo em que estavam vivas e começaram a chorar. Charlie se juntou a elas e lembrou de sua vida também. Ao deixar o concerto, Kate encontrou Jack e lhe disse que tinha roubado sua caneta a bordo do voo 815, mas ele se lembrou dela de algum outro lugar. Ela lhe diz que sentiu muito a falta dele. Eles se tocaram, e ele se lembrou apenas um pouco de sua vida. Kate pediu para ele acompanhá-la e então ele conseguiria lembrar. Ela o levou até a igreja onde ele realizaria o funeral de Christian Shephard. Quando Jack entrou na igreja, após se lembrar, ele e Kate ficaram juntos e e seguraram um na mão do outro. Eles se sentaram juntos, sabendo que eles ficaram enfim juntos, quando a luz encheu a sala. ("The End")

A Lista

  • Em "Par Avion", Mikhail diz que Kate não estava na lista porque ela era "falha".
  • Em "Left Behind", Locke diz para Kate que tentou fazer um acordo com os Outros por ela, mas baseado em quem ela era e o que ela tinha feito não podia convencê-los, pois "o perdão não é um dos fortes deles".

Lugares por onde passou

  • Iowa
    • Visitou sua paixão de infância Tom quando sua mãe estava morrendo de câncer no hospital onde ele trabalhava.
    • Matou seu Pai "Padastro" Wayne e o lugar de onde começou a fugir.
  • Austrália
    • Viveu com Ray Mullen, que a entregou para receber recompensa.
  • Ohio?
    • Visitou um Motel e pintou a cor do cabelo.
    • Visitou um posto dos correios, onde recebeu a carta com a notícia da doença da mãe.
  • Canadá.
    • Falou para Ray Mullen que ela é Canadense; pode ser uma mentira.
  • Novo México
    • Planejou o roubo de um banco para pegar o avião do cofre de segurança.
  • Nebraska?
    • Estado que estava escrito na placa de seu carro em Born to Run.
  • Miami
    • Casou-se com o policial Kevin.

Curiosidades

Dodd.jpg

Um easter egg do site oficial criado pela ABC, Oceanic-air.com, revelou o nome assumido de Kate enquanto ela era uma fugitiva, na forma de uma transmissão de fax.

  • Kate foi a personagem central do primeiro episódio a contar o formato tradicional de flashes que conhecemos. ("Tabula Rasa")
  • Kate foi a terceira personagem a ter um flashback.
  • Kate foi a quarta personagem a ter um flashforward.
  • Kate e Jack são os únicos personagens a aparecer em todo primeiro episódio das temporadas até agora.
  • A contagem de episódios de Kate até "Across the Sea" é de 105.
  • Kate conheceu todos os personagens principais.
  • Ela está depois de Jack nos personagens com maior número de flashbacks, com 13.
  • Kate foi referida como ou usou os codinomes Katherine Ryan, Katherine Dodd, Joan Heart, Maggie Ryan, Annie, Lucy, e provavelmente viveu com o nome Monica Callis durante seu casamento. Seu pai, Tom Brennan, e Jacob a chamou de Katie. Sua mãe a chamou de Katherine. Sawyer quase sempre a chama de "sardenta", mas ocasionalmente a chama de Kate durante conversas tensas e emocionais.
  • Ela é chamada de "Kate Ryan" no site Oceanic-air.com.
  • Segundo o oficial, Tom Brennan foi morto poucos anos antes da queda do avião, o que iria colocar os flashbacks em "Born to Run" em 2002.
  • Segundo o oficial, ele estava perseguindo Kate por três anos antes da queda, o que iria colocar os flashbacks de "What Kate Did" em 2001.
    • Katem menciona tendo 24 anos em "What Kate Did", então ela provavelmente tinha 27 no tempo da queda.
  • Kate está envolvida em um acidente de carro em muitos de seus flashbacks. ("Tabula Rasa") ("Born to Run") ("What Kate Did")
  • Kate provavelmente deixou Iowa antes do filho de Tom, Connor, nascer. Connor tinha quase 22 meses de idade em "Born to Run".
  • A cápsula do tempo de Tom e Kate foi enterrada dia 15 de agosto de 1989, aproximadamente 15 anos antes da queda. (Os Números)
  • O cofre que continha o avião da Kate tinha o número 815. (Os Números)
  • Em sua foto de prisão, o número de seu arquivo é 00-0428-23-5607-01, que contém os números 4, 8, 23 e 42. (Os Números)
  • Kate visitou cinco das dez estações DHARMA conhecidas: o Cisne, a Hidra, a Chama e a Tempestade. É o maior número entre todos os sobreviventes.
  • A personagem de Kate era originalmente feita a ser a verdadeira líder dos sobreviventes, depois do personagem de Jack ser morto em "Pilot, Parte 1". Mais tarde, os roteiristas descobriram que matar Jack no primeiro episódio iria criar sentimentos de raiva na audiência. Eles decidiram então colocar o piloto no lugar da morte de Jack.
    • Na ideia original, Kate foi escrita como uma mulher mais velha viajando com seu marido, com quem ela se separa depois dele ir ao banheiro logo antes da queda. Essa ideia ainda foi utilizada, mas com os personagens de Rose e Bernard.
  • Claire percebe que Kate é de Gêmeos, o que significa que seu aniversário está entre os dias 21 de maio e 21 de junho. ("White Rabbit")
  • Ela foi a primeira sobrevivente do voo 815 a conhecer Desmond Hume na ilha.
  • Kate parece ser fã da cantora de country americana Patsy Cline. Ela toca os discos de Patsy Cline duas vezes na ilha, uma vez na escotilha em "What Kate Did" e uma vez na casa do Claire em "Eggtown". As músicas de Patsy Cline também tocam nas cenas de flashback de Kate em "Tabula Rasa" (na caminhonete de Ray Mullen), "Left Behind" e em "The Incident" (no mercado onde ela tentou furtar). Kate também escuta Patsy Cline no caminho para a casa de Cassidy em seu carro em "Whatever Happened, Happened". Ironicamente, Patsy Cline foi morta em uma queda de avião.
  • Katherine é um nome grego que signica "pura".
  • O tipo sanguíneo de Kate é O negativo. ("Whatever Happened, Happened")
  • Kate foi amarrada mais do que qualquer outro personagem na série.

Elenco adicional


Interferência de bloqueador de anúncios detectada!


A Wikia é um site grátis que ganha dinheiro com publicidade. Nós temos uma experiência modificada para leitores usando bloqueadores de anúncios

A Wikia não é acessível se você fez outras modificações. Remova o bloqueador de anúncios personalizado para que a página carregue como esperado.

Também no Fandom

Wiki aleatória