FANDOM



Every You Every Me é uma música que nunca tocou em Lost, porém, o título de "The Shape of Things to Come", é "cantado" durante a música. Parte da letra da música tem relação com o mesmo episódio. A música é da banda Placebo (banda) e está no projeto da banda "Once More With Feeling Singles".

Letra da Música

Em Inglês

Sucker love is heaven sent
You pucker up, our passion's spent
My heart's a tart, your body's rent
My body's broken, yours is bent

Carve your name into my arm
Instead of stressed, I lie here charmed
Cuz there's nothing else to do,
Every me and every you.

Sucker love, a box I choose
No other box I choose to use
Another love I would abuse,
No circumstances could excuse

In the shape of things to come
Too much poison come undone
Cuz there's nothing else to do,
Every me and every you.

Every me and every you,
Every me...he
Sucker love is known to swing
Prone to cling and waste these things
Pucker up for heavens sake
There's never been so much at stake

I serve my head up on a plate
It's only comfort, calling late
Cuz there's nothing else to do,
Every me and every you.

Every me and every you,
Every me...he
Like the naked leads the blind
I know I'm selfish, I'm unkind
Sucker love I always find,
Someone to bruise and leave behind

All alone in space and time
There's nothing here but what here's mine
Something borrowed, something blue
Every me and every you.

Every me and every you,
Every me...he

Em Português

Amor tolo é providencial
Você se encolhe, nossa paixão se consome
Meu coração é uma prostituta, seu corpo está alugado
Meu corpo está quebrado, o seu está torto

Entalho seu nome no meu braço
Ao invés de estressado eu fico aqui encantado
Porque não há mais nada a fazer,
Cada eu e cada você

Amor tolo é uma prisão que eu escolho
Nenhuma outra prisão eu escolho ter
De um outro amor eu abusaria
Nenhuma circunstância poderia justificar

Na forma das coisas a vir
Veneno demais se soltou
Porque não há mais nada a fazer
Cada eu e cada você

Cada eu e cada você,
Cada eu...

Amor tolo é conhecido por ser instável
Propenso a se agarrar e desperdiçar estas coisas
Se encolha pelo amor de Deus
Nunca houve tanto em jogo

Eu sirvo minha cabeça em um prato
É apenas confortável ligar tarde
Porque não há mais nada a fazer,
Cada eu e cada você

Cada eu e cada você,
Cada eu...

Como os nus guiam os cegos
Eu sei que sou egoísta, sou insensível
Amor tolo, eu sempre acho
Alguém para machucar e deixar para trás

Completamente sozinho no espaço e tempo
Não há nada aqui a não ser o que é meu
Algo emprestado, algo azul
Cada eu e cada você.

Cada eu e cada você,
Cada eu...

Relação com o Episódio

  • A primeira e óbvia relação acontece durante a música quando o cantor diz: "In the Shape of things to Come" ("Na forma das coisas a vir").
  • Na letra da música, é dito que "Amor tolo é uma prisão que eu escolho / Nenhuma outra prisão eu escolho ter / De um outro amor eu abusaria / Nenhuma circunstância poderia justificar / Na forma das coisas a vir / Veneno demais se soltou / Porque não há mais nada a fazer. No episódio, Keamy mata Alex e não há nada que Ben possa fazer sobre isso. Também, nenhuma circuntância justificaria o homicídio cometido. Ainda conectado a este trecho, Ben jura que irá matar Penny ("De um outro amor eu abusaria")
  • Os trechos "Eu sei que sou egoísta, sou insensível" e "Alguém para machucar e deixar para trás" se encaixam no perfil de Keamy demonstrado neste episódio.


Interferência de bloqueador de anúncios detectada!


A Wikia é um site grátis que ganha dinheiro com publicidade. Nós temos uma experiência modificada para leitores usando bloqueadores de anúncios

A Wikia não é acessível se você fez outras modificações. Remova o bloqueador de anúncios personalizado para que a página carregue como esperado.

Também no FANDOM

Wiki aleatória