FANDOM


Estas informações foram reveladas pelo jogo de realidade alternativa.
The LOST Experience
Hansolg verde.JPG
Ver · Editar
Resumo · Personagens · Vídeos · Revelações
Personagens:   Rachel Blake · Alvar Hanso · Thomas Mittelwerk · DJ Dan · E. Valenzetti · Outros...
Temas: Fundação Hanso · DHARMA · Equação de Valenzetti · Vídeo S.L · Chocolate Apollo

Darla Taft trabalhava como Mediadora Corporativa para o Consórcio do Bem-Estar Global. Ela era a amante de Hugh McIntyre, e sabia muito sobre as irregularidades da Fundação Hanso. Contestando moralmente algum dos planos deles, Darla ajudou Rachel Blake a acabar com a companhia, usando para isso o nome de usuário na internet de "GidgetGirl", ao invés do nome real.

No Lost Experience

Rachelb003.jpg

O crachá de Darla Taft que Rachel fotografou

A primeira aparição dela foi na Linha Telefônica da Hanso onde ela deixou uma mensagem na secretária eletrônica de Hugh sobre o seu repúdio com o que estava acontecendo no Sri Lanka.

Darla reapareceu semanas mais tarde usando o pseudônimo de "GidgetGirl" no blog de Rachel Blake. A intenção inicial dela era convencer Blake a retirar as fotos do caso extra-conjugal de Hugh McIntyre, mencionado que isso poderia arruinar o casamento dele. Após abastecer Rachel com informações válidas para serem usadas como armas contra a Fundação Hanso, "GidgetGirl" é promovida a "Contribuinte" do blog de Rachel e ela por sua vez retira as fotos. Após isso, GidgetGirl torna-se uma valorosa aliada, dando a Rachel informações sobre a Equação de Valenzetti, o paradeiro de Mittelwerk e os planos dele.

Hotel.jpg

Darla com Hugh McIntyre

Na Itália, Rachel recebeu uma ligação de Darla, dizendo que ela estava em fuga. Ela pediu a Rachel para ir a Paris para que então ela desse mais informações. No lugar combinado, Darla nunca apareceu, e Rachel mais tarde leu na internet que Darla Taft havia morrida em um acidente de carro junto com Hugh McIntyre. Rachel se culpou por retirar Darla do esconderijo, e supôs que a Fundação Hanso deveria estar envolvida com a morte dela. Ela prometeu vingar-se do assassino dela.

Rachel, mais tarde, soube por Malick que Darla e Hugh tinham um flat secreto, um que Mittelwerk desconhecia. Lá, Rachel encontrou o pacote que "GidgetGirl" deixado para ela, junto um pequeno vídeo de Darla falando para a câmera.

Referências

Mensagem 1

Darla pode ser ouvida primeiramente na Linha Telefônica da Hanso na seção da secretária eletrônica de Hugh McIntyre.

Hugh, aqui é Darla. Eu preciso falar com você sobre o Sri Lanka. Não está certo.

Conversa 2

Após colocar algumas fotos comprometedora de Hugh McIntyre com uma amante, Rachel teve o seguinte diálogo no quadro de mensagens dela:

GidgetGirl: Rachel, eu estou completamente disposta a dar a verdade, mas você passou os limites. O que esses caras fazem na vida privada é problema deles. Você pode destruir uma família aqui.

Rachel Blake: Com eu disse, o que Hugh faz pessoalmente, eu realmente não me importo... Eu só estou perguntando que tipo de poder ele está controlando ao dormir com essa mulher do CBG (Consórcio do Bem-Estar Global)?

GidgetGirl: Então, você não se importa de arruinar o casamento dele?

Rachel Blake: Francamente, se você quer mesmo chegar nesse ponto, ele disse adeus ao casamento dele no segundo que ele decidiu ter esse caso.

GidgetGirl: Por alguém que diz ter a moral tão elevada, você está certamente carregando por aí uma terrível gama de veneno por esse cara. Você tem algo contra homens, Rachel?

Rachel Blake: Somente desse tipo.

GidgetGirl: Se você tivesse alguma decência, você retiraria essas fotos.

Rachel Blake: Do modo como eu vejo... Ele é o chefe de publicidade? Bom, então vamos tornar isso público. As fotos ficam.

GidgetGirl: Quem é você? O que você tem contra essas pessoas?

Rachel Blake: Quem é você?

Conversa 3

Após dar de cara com Mittelwerk para tirar fotos dos mapas que ele carregava, o quadro de mensagem de Rachel foi alvo da Gidget Girl novamente.

GidgetGirl: Rachel, eu odeio ser a destruidora, mas você realmente acha que vai conseguir algo mais dando literalmente de cara com esses caras?

Rachel Blake: Tem alguma sugestão melhor? Porque até agora só ouvi críticas.

GidgetGirl: Olha, tudo que eu quero dizer é se eles não sabiam quem era você antes, você está dando uma terrivelmente boa razão para eles descobrirem. E eu não entendo. Porque você está se colocando em risco assim? Porque você está fazendo isso, Rachel? Quem é você?

Rachel Blake: Eu tenho minhas razões. A maioria delas, eu acho que já estão bem claras.

GidgetGirl: Não, isso é algo pessoal. Se você quer que a gente te ajude, porque você não diz o que realmente está acontecendo?

Rachel Blake: Porque minhas razões são MINHAS razões. Eu já dei mais que o necessário para ficarem ao meu lado nisso. Mas, se você quer ficar nesse joguinho hipócrita, então eu não me importo de aceitar -- você também não está sendo o que você se apresentou ser, GidgetGirl.

GidgetGirl: Ótimo. Você me pegou. Nós duas temos coisas que não queremos falar. Vamos seguir em frente.

Rachel Blake: Ótimo. Então, as questões que eu tenho... a questão que está me mantendo acordada a noite, é porque sou só eu que estou disposta a colocar o meu na reta para parar esses caras?

GidgetGirl: Não é só você. Não se você me deixar ajudar. Agora, você deve dizer isso a si mesma. Você quer RESPOSTAS ao invés de mais PERGUNTAS. Se isso for verdade, então tudo que você tem a fazer é concordar com meus termos.

Rachel Blake: E quais seriam?

GidgetGirl: Retire as fotos de Hugh McIntyre.

Rachel Blake: Então, nós voltamos ao princípio? Nem pensar. Eu vou te dizer a mesma coisa que eu disse ao Mel0Drama... Isso é como eu trabalho: se você me der uma boa dica para prosseguir... informação sólida que produza algo. Então, eu ficarei mais do que feliz em retirar aquelas fotos. Mas tudo que eu sei, você É Hugh McIntyre.

Rachel Blake: GidgetGirl?

Mensagem 4

Após saber sobre um incêndio em um "Instituto", GidgetGirl confirmou as suspeitas de Rachel que era o Instituto Vik. Junto com o post dela, ela colocou um link para um artigo de jornal que cobria toda a história.

Rachel, eu tenho duas informações para compartilhar. Eu descobri agora, ao assistir o vídeo de ontem, que você está literalmente colocando o seu na reta por isso. E embora você saiba que eu não sou uma grande fã dos seus métodos, eu respeito o que você está tentando fazer. (Embora, eu ainda deseje saber porque.)

Eu sei que você é cética, mas eu asseguro a você, eu estou em uma posição de compartilhar coisas que ninguém mais conhece sobre a Fundação Hanso.

Seu "amigo", Thomas Werner Mittelwerk, voou para a Islândia. Ele está limpando a bangunça que envolveu um dos institutos de saúde mental patrocinado pelo Apelo à Saúde Mental da Hanso.

Eu interceptei esse artigo - http://vikarticle.blogspot.com/ - ele veio à tona pelo AP Wire no dia do seu último post. Leia-o e eu estou certa que você se convencerá.

Conversa 5

Após saber mais sobre o Instituto Vik na Islândia, e a conexão dele com a misteriosa Equação de Valenzetti, GidgetGirl informou a Rachel sobre os movimentos de Mittelwerk e um pouco da história do homem por trás da equação.

GidgetGirl: Rachel. Eu odeio dizer isso, mas eu já ouvi o nome Enzo Valenzetti. Mais de uma vez, na verdade. Eu tenho certeza (não pergunte como) que a Equação de Valenzetti está entre os ítens de maior prioridade na agenda de Mittelwerk.

Rachel Blake: Então, os matemáticos do Instituto Vik... eles estavam mesmo trabalhando com a Equação de Valenzetti?

GidgetGirl: Tudo o que eu sei é que no minuto que o Instituto abriu, Mittelwerk tinha aqueles sábios autistas trabalhando em cálculos de forma contínua, vinte e quatro horas por dia, sem perder um dia. Era necessário que eles nunca parassem. E, então, claro, o incêndio começou.

Rachel Blake: Então é por isso que ele foi lá pessoalmente, não é? Ele não se importava com a morte de alguns matemáticos. Mas, com a paralização da equação...

GidgetGirl: Eu não gostaria de especular.

GidgetGirl: Tudo que eu sei é que Mittelwerk está, nesse momento, na Rivieira Italiana. Onde Valenzetti nasceu... e, onde ele residia antes de embarcar naquele avião.

Rachel Blake: Você sabe se ele está vivo, não sabe? Diga-me.

GidgetGirl: Eu não sei sobre isso. Por favor, acredite em mim, Rachel.

Conversa 6

Rachel chegou a Itália e foi contatada pela GidgetGirl novamente.

GidgetGirl: Rachel, eu sei que é confuso. E eu tenho lido o que todo mundo tem dito. Mas... se houve um erro na informação pessoal de Valenzetti, se ele por si próprio não quisesse que os detalhes fossem revelados, nós realmente podemos acreditar em qualquer coisa que esse autor possa estar encobrindo? Não deveriamos nos aproximar dessa informação com desconfiança?

Rachel Blake: Claro que deveriamos. Mas, e sobre SUA informação?

GidgetGirl: Por que eu te levaria pro caminho errado? Faz algum sentido que eu te levasse parte do caminho até a verdade somente para te atrasar alguns dias?

Rachel Blake: Você não respondeu minha pergunta.

GidgetGirl: E você não respondeu a minha. Mittelwerk não está aqui? Se você não vai acreditar em mim, Rachel, você deveria acreditar pelo menos em você mesmo. Suas próprias palavras: "seja lá o que estiver para acontecer está PARA ACONTECER."

Rachel Blake: Por favor. Por que você me disse Sanremo?

GidgetGirl: Espero que você saiba o quê está me perguntando.

Rachel Blake: Eu PRECISO saber.

GidgetGirl: Ótimo. Eu já vi o dossiê da Fundação Hanso sobre Enzo Valenzetti. Os detalhes de toda a vida dele estavam lá em preto e branco. Os documentos dizem que ele nasceu lá e voltou para lá. Isso é tudo que eu sei. Agora, se você ainda se acha que vai encontrar a verdade em páginas de algum livro de um romancista-pop morto, fique à vontade, Rachel. Essa é sua cruzada, não a minha.

Conversa 7

Rachel, mais tarde, recebeu uma ligação no hotel de GidgetGirl

Rachel Blake: Alô? Alô?

GidgetGirl: Sim.

Rachel Blake: Quem é? Alô?

GidgetGirl: Somente alguém que faz críticas.

Rachel Blake: GidgetGirl? Como você me achou?

GidgetGirl: Isso é realmente importante?

Rachel Blake: Onde você esteve?

GidgetGirl: Me escondendo, que é o que você deveria fazer.

Rachel Blake: Eu estou me escondendo.

GidgetGirl: Se eu posso te encontrar, então eles também. Mas, eles estão te deixando em paz por alguma razão, porque Rachel?

Rachel Blake: Eu não posso... porque você está ligando agora?

GidgetGirl: Não, não faça isso, não fuja da pergunta.

Rachel Blake: Eu não estou.

GidgetGirl: (suspiros) Não faz sentindo, para mim, eu estou envolvida, o homem que eu amo - diga o que você deseja sobre ele, sobre nós - ele está envolvido. Eu não posso escapar, mas você, Rachel, você tem uma escolha.

Rachel Blake: Como a que você teve para se apaixonar por um homem casado. Eu não tenho escolha e me desculpe, mas eu não posso te dizer mais nada.

GidgetGirl: Eu tenho algo para você, um pacote. Acho que é hora de nos encontrarmos.

Rachel Blake: Onde?

GidgetGirl: Aqui, em Paris.

Rachel Blake: Mas, mas eu estou na Itália, eu não posso...

GidgetGirl: Amanhã, olhe seu e-mail. Eu irei te enviar o local de encontro. Estará codificado, mas você é esperta, isso não será problema.

Rachel Blake: E como eu irei reconhecer você? Qual é o seu nome? Por favor, você sabe meu nome.

GidgetGirl: E você deixou bem claro, isso é tudo que eu sei! Você me reconhecerá.

Rachel Blake: OK.

GidgetGirl: Mais uma coisa, sem câmeras. Você é descuidada Rachel, e o descuido poderá me matar.

Mensagem 8

Após saber que Darla Taft e Hugh McIntyre foram mortos, Rachel juntou o desaparecimento de GidgetGirl e confirmou as suspeitas de que ela era Darla. Rachel foi atacada no quarto do hotel, mas foi resgatada por Malick. Ele a informou sobre um flat secreto de Darla e Hugh, um que nem Mittelwerk sabia da existência. Lá, Rachel encontrou as últimas palavras de Darla Taft em uma fita de vídeo.

Darla: Rachel, erm, eu acho que estou um pouco envergonhada de me dirigir a você assim. Mas, por favor, entenda porque eu tive pedir a meu amigo para entregar essa pacote a você no parque. Na hora que você estiver assistindo a isso eu estarei... urgh, vê essa é a razão - o final da frase é sempre morta e deus sabe que eu não quero que isso seja um clichê. Na hora que você estiver assistindo a isso, eu terei deixado esse maldito país, eu terei deixado ele, eu terei fugido. Eu fiz pra você um crachá, use-o. Mittelwerk está prestes a fazer algo terrível Rachel, er, eu não sei bem o que, eu conheço você, você vai descobrir. Só mais uma coisinha, se Hugh ainda estiver, você sabe, por perto. Olha, eu sei o que você sente pelo pessoal dele e por nós, mas eu o amo Rachel - ainda há um bom homem dentro dele. Ele foi pego, mas ainda está me ajudando. Sri Lanka foi o útlimo trabalho para ele também, e, acredite ou não, ele está protegendo você. Mittelwerk está convencido, pelo menos até agora. Ele não quer um mártir nas mãos dele. Mas isso não quer dizer que ele não possa mudar de idéia. Especialmente após você escancarar o que está acontecendo no Sri Lanka. Então, fique bem amor, e pegue aqueles bastardos para mim, tá? Uma vez que isso está dito e feito, nós iremos tomar martínis em Monte Carlo. Você sabe, eu nunca conheci o grande homem, Hanso, mas algo me diz que ele está pr-... (o vídeo é desligado)

Veja Também

Links Externos


Interferência de bloqueador de anúncios detectada!


A Wikia é um site grátis que ganha dinheiro com publicidade. Nós temos uma experiência modificada para leitores usando bloqueadores de anúncios

A Wikia não é acessível se você fez outras modificações. Remova o bloqueador de anúncios personalizado para que a página carregue como esperado.

Também no FANDOM

Wiki aleatória